Final do Estadual Escolar Olímpico revela novos talentos do atletismo em São Paulo | Esporte Alternativo - O site de quem pratica esportes !

Final do Estadual Escolar Olímpico revela novos talentos do atletismo em São Paulo

Atletas saltam barreira / Foto: Fernanda Paradizo / ZDLSão Paulo - A pista de atletismo do Estádio Ícaro de Castro Mello, no complexo do Ibirapuera, na capital paulista recebeu nesta sexta feira, dia 25 de Novembro, a grande final do I Campeonato Estadual Escolar Olímpico.

A garotada, previamente selecionada nas 12 peneiras durante o ano, tenta até o sábado (26) uma vaga em um dos Centros de Excelência Esportiva de São Paulo.

O evento, organizado pela Federação Paulista de Atletismo (FPA) em parceria com o Governo do Estado, reuniu mais de 300 alunos e aproximadamente 40 escolas. As primeiras provas foram disputadas com a temperatura na casa dos 28 graus, mas os resultados surpreenderam os treinadores.

Um dos destaques do dia foi Luiz Paulo Silva, vencedor dos 800 m rasos, na categoria menor. O jovem de 17 anos veio da pequena cidade de Iepê, próximo a Presidente Prudente (oito horas de viagem), só para competir e saiu com o ouro e um sonho.

"Tudo começou como uma brincadeira, mas gosto de correr. Faz seis anos que me dedico ao atletismo e em 2012 espero melhorar minhas marcas para entrar no ranking juvenil. Quero chegar longe", comentou o atleta da Escola Estadual Antônio Almeida Prado.

O técnico dele, Perci Rodrigues, comemorou muito a conquista do pupilo. "Em 2008 ele competiu em 24 provas e foi campeão em 19, mostrando que tem potencial. Isso é fruto de um trabalho em equipe. A organização do torneio está de parabéns, pois a iniciativa é muito importante para o fomento da modalidade e aprimoramento dos atletas", ressaltou o treinador da equipe de Iepê.

Padrinhos de ouro - Os alunos foram prestigiados por três medalhistas dos Jogos Pan-Americanos de Guadalajara. Barbara Farias, prata nos 4x400 m, André Oliveira, ouro no Salto em Distância Paraolímpico, e Ana Cláudia Lemos, ouro nos 200 m rasos e no revezamento 4x100m, atletas do Clube BM&F/Bovespa, premiaram os campeões e distribuíram brindes aos presentes.

"Comecei como eles, em uma peneira escolar. Então espero que com essa iniciativa as escolas divulguem mais o atletismo, que é a base de todos os esportes", afirmou Ana Cláudia Lemos, recordista sul-americana e madrinha da final. Acompanhada por André Oliveira, a atleta ajudou a sortear 10 skates e duas bicicletas para os participantes.

Outro exemplo para a nova geração, Bárbara Farias lembra que a prática esportiva é muito importante para a formação pessoal dos jovens. "O esporte amadurece, ajuda na dedicação aos estudos e faz crescer como cidadão", disse a atleta que também faz parte do Centro de Excelência Esportiva, projeto da FPA em parceria com a Secretaria de Esportes, Lazer e Juventude do Estado de São Paulo.

Inclusive, os melhores atletas do Escolar serão convidados para treinar em um dos 10 Centros de Excelência espalhados por São Paulo, permitindo o desenvolvimento dos novos talentos como Igor José Ferreira (Emeb Gino Bellodi), vencedor do arremesso de peso e lançamento de disco mirim, e Lais Serinoli Rodrigues (Colégio Santa Bárbara de Bragança Paulista), ouro nos 110 m com barreiras e prata nos 100 m rasos.

Bons valores -Os representantes da FPA saíram satisfeitos com o resultado do evento e esperam ampliar cada vez mais a participação de jovens no campeonato. A interação com as escolas de toso Estado faz parte deste processo.

"Foi ótimo. Alcançamos nosso objetivo que era reunir mais de quatro mil participantes com as 12 etapas. A previsão é chegar a 10 mil participantes em 2016", concluiu Carlos Alberto Felix, o Bacalhau, coordenador do Centro de Excelência da Baixada Santista.

Eventos esportivos / Entidades Mundiais

Rugby campeão

Brasil é campeão do Sul-Americano 6 Nações

 
 

 

 
Mascotes

Mais lidas da semana

Curta - EA no Facebook