Torneio Paulista termina com 21 atletas com índices para Pan de Lima

Vitória Rosa  / Foto: Daniel Vorley/CBAtVitória Rosa / Foto: Daniel Vorley/CBAt

Bragança Paulista - A velocista Vitória Rosa foi um dos destaques do 4º Torneio Paulista Atletismo, realizado no fim de semana (23 e 24/3), no Estádio do Centro Nacional de Desenvolvimento de Atletismo (CNDA), em Bragança Paulista. 
 
O evento reuniu grande número de atletas, muitos estreando na temporada 2019, e terminou com vários índices para os Jogos Pan-Americanos de Lima, no Peru, que será realizado de 27 de julho a 10 de agosto.
 
Os pontos altos foram os índices conquistados por Andressa de Morais, no lançamento do disco (62,32 m) e Vitória Rosa (ambas do Pinheiros-SP), nos 100 m rasos (11:22) para o Mundial de Atletismo de Doha, no Catar, de 27 de setembro a 6 de outubro (http://www.cbat.org.br/novo/noticias/noticia.aspx?id=10361).
 
O resultado de Vitória Rosa também é índice para os Jogos Pan-Americanos. Aliás, foram seis os índices estabelecidos nos 100 m feminino, nas disputas da semifinal e da final: Vitória Rosa (11.22), Franciela Krasucki (11:39), ambas do Pinheiros, Andressa Fidélis (11:42), do IEMA/São Bernardo/Caixa, Ana Carolina Azevedo (11:47), da Orcampi Unimed, Bruna Farias (11:56), do Pinheiros – todas na final com vento de 0.1 positivo - e Lorraine Barbosa Martins, do CT-DEO (11:56 na semi, com -0.1, e 11:62 na final, índice para o Pan Sub-20).
 
A velocista Vitória Rosa mostrou o bom início de temporada ao deixar a pista de Bragança Paulista com índice para o Pan também nos 200 m (23:20 e 0.7 de vento).
Nos 110 metros com barreiras, o índice foi obtido por Paulo Henrique da Silva (13:70 e 0.8). Na semifinal, Jonathas Felipe Brito fez 13:70 e Eduardo dos Santos Rodrigues (Orcampi Unimed), 13:75, ambos com 0.8 de vento.
 
Alexsandro do Nascimento Melo, o Bolt, chegou às marcas do Pan nos saltos em distância (7,93 m e -1.4) e triplo (16,84 m e 0.2)). No triplo feminino, o índice foi obtido por Gabriele Sousa dos Santos (MEM, com 13,66 m e 2.0 de vento). No salto com vara, veio com Augusto Dutra (Pinheiros, com 5,61 m).
 
Tiffani Silva do Nascimento fez índice nos 400 m (52.79) e Kleidiane Jardim (ambas da Orcampi Unimed) venceu 5.000 m também com marca para o Pan (16:38.82). Allan da Silva Wolski (Pinheiros) superou com folga o índice (68,00 m) estipulado para o lançamento do martelo, com a marca de 72,47 m. No lançamento do dardo, três atletas alcançaram o índice para a competição de Lima: Laila Ferrer (Pinheiros), com 58,71 m, Rafaela Gonçalves (Orcampi Unimed), com 55,34 m e Fabielle Ferreira (Sesi-SP), com 53,97 m.
 
Nas provas combinadas as marcas foram alcançadas por Vanessa Spinola, com 5.667 pontos no heptatlo, e Luiz Alberto Cardoso de Araújo (ambos do Pinheiros), com 7.586 pontos no decatlo.
 
Todos os índices para o Pan estão disponíveis no site da CBAt. Lorraine, de 18 anos, fez dois índices para o Pan-Americano de Atletismo Sub-20 de San José, na Costa Rica, de 14 a 16 de julho, nos 100 m (11:62 e 0.1) e também nos 200 m (23:71 e 0.7). Também obteve marca Jessica de Oliveira Moreira (Águias Guariba) nos 400 m com barreiras (58:59).
 
GP em Montevidéu - Tatiana Raquel da Silva (Orcampi Unimed) foi o destaque técnico feminino do GP Estrella Puente, no sábado (23/3), e do GP Darwin Piñeyrúa, no domingo (24/3), disputados no Parque Battle, em Montevidéu, no Uruguai. Ela venceu na primeira competição os 3.000 m com obstáculos, com 9:46.39, e os 1.500 m, na segunda, com 4:20.61, assumindo a liderança no Ranking Brasileiro nas duas provas.
 
Veja Também: 
 
 

Eventos esportivos / Entidades Mundiais

Rugby campeão

Brasil é campeão do Sul-Americano 6 Nações

 
 

 

 
Mascotes

Mais lidas da semana

Curta - EA no Facebook