Carol Meligeni é premiada com o Fed Cup Heart Award

Carol Meligeni é premiada com o Fed Cup Heart Award / Foto: Sergio Llamera, ITFCarol Meligeni é premiada com o Fed Cup Heart Award / Foto: Sergio Llamera, ITF

Florianópolis - O tênis feminino brasileiro volta a ficar em evidência no cenário internacional. Destaque do país na disputa do Zonal Americano da Fed Cup, Carolina Meligeni Alves foi contemplada com o Fed Cup Heart Award, premiação que contou com o voto aberto pela internet entre os dias 15 e 22 de março. Ela superou a colombiana Maria Serrano entre as indicadas no continente.
 
“Muito legal, primeiramente, o reconhecimento da ITF na indicação do nome da Carol. E mais legal ainda o reconhecimento do público, premiando a Carol. Pude acompanhar a Fed Cup na Colômbia, e não tenho dúvidas que a Carol representa o verdadeiro espírito de equipe e de representação à pátria. Que este prêmio a motive ainda mais no seu dia a dia, e no próximo confronto na Eslováquia”, salienta Rafael Westrupp, presidente da CBT.
 
Além de receber uma pulseira Thomas Sabo gravada, que será apresentada no jantar oficial do sorteio contra a Eslováquia, em abril, Carolina ganhará um cheque de US$ 1 mil para destinar a uma instituição de caridade de sua escolha.
 
"Fiquei muito feliz pelo reconhecimento da luta e da entrega que tive durante a competição representando o meu país. Agora, fico feliz de poder usar isso, essa força que tive, para ajudar as pessoas que mais precisam", destaca a atleta, que quer contemplar o Centro Infantil Boldrini, um hospital filantrópico especializado em oncologia e hematologia pediátrica de Campinas, considerado um centro de referência mundial no tratamento de câncer infantil e doenças do sangue. 
 
Carol não é a primeira brasileira a ser reconhecida pelo prêmio que é destinado às tenistas que representam seus países com distinção, mostram coragem excepcional em quadra e demonstram elevado comprometimento com suas equipes durante a Fed Cup. Em 2010, Maria Fernanda Alves recebeu a honraria, que também foi destinada a Paula Gonçalves (2013) e Teliana Pereira (2014). Em 2018, Bia Haddad Maia também foi indicada ao prêmio.
 
A boa atuação de Meligeni durante o zonal americano da competição ajudou a equipe a avançar de fase no torneio. Nos dias 20 e ‪21 de abril‬, o Time Brasil enfrenta a Eslováquia, na casa das adversárias. Em caso de vitória, o Brasil conquistará a vaga para disputar o Grupo Mundial II da Fed Cup em 2020.
 
Veja Também: 
 
 

Eventos esportivos / Entidades Mundiais

Rugby campeão

Brasil é campeão do Sul-Americano 6 Nações

 
 

 

 
Mascotes

Mais lidas da semana

Curta - EA no Facebook