Esgrimista muçulmana passa por constrangimento nos EUA

Após confusão, Ibtihaj conseguiu tirar a foto com o hijab / Foto: Reprodução / TwitterApós confusão, Ibtihaj conseguiu tirar a foto com o hijab / Foto: Reprodução / Twitter

Rio de Janeiro – A atleta da esgrima Ibtihaj Muhammad, que se tornará a primeira atleta americana a competir com um hijab – o véu usado por mulheres muçulmanas - nos Jogos Olímpicos Rio 2016, passou por um constrangimento em um evento de entretenimento dos EUA.
 
Ibtihaj fazia o credenciamento para acompanhar o SXSW, famoso evento de cinema, música e tecnologia, em Austin, como palestrante. Neste momento um funcionário da organização pediu para que ela retirasse o hijab para uma fotografia, ao passo que a atleta se recusou, alegando a questão religiosa.
 
Precisou chegar outro integrante do SXSW para que ela fosse liberada para tirar a foto de sua credencial com o hijab. A situação deixou a esgrimista constrangida. “Mesmo depois de eu falar que era uma questão religiosa, ele insistiu que eu retirasse o hijab para tirar a foto e receber a minha credencial”, escreveu.
 
O caso ganhou as manchetes dos jornais americanos, com tom de lamento pelo ocorrido. Os responsáveis pelo evento emitiram uma nota se desculpando pelo fato. “Um voluntário fez um pedido insensível e ele acabou sendo retirado do evento até o fim. Estamos sem graça por causa disso e pedimos desculpas pessoalmente para Ibtihaj. Sinceramente, nós lamentamos o incidente”, trouxe a nota do SXSW.
 
Veja Também: 
 
 

Eventos esportivos / Entidades Mundiais

Rugby campeão

Brasil é campeão do Sul-Americano 6 Nações

 
 

 

 
Mascotes

Mais lidas da semana

Curta - EA no Facebook