Caio Bonfim faz live solidária e marcha 21 km na esteira

Caio Bonfim faz live solidária e marcha 21 km na esteira / Foto: Reprodução/CBAtCaio Bonfim faz live solidária e marcha 21 km na esteira / Foto: Reprodução/CBAt

Bragança Paulista – O brasiliense Caio Bonfim, medalha de bronze no Mundial de Londres-2017, promoveu no fim da tarde e início da noite da sexta-feira (1/5) uma live solidária, com o objetivo de arrecadar doações de alimentos, produtos de higiene e limpeza e dinheiro para ajudar instituições de caridade de Sobradinho (DF) e região por causa da crise econômica provocada pela pandemia da COVID-19.
 
O atleta do CASO, recordista brasileiro dos 20 Km e dos 50 km, marchou 21 km numa esteira no quintal de sua casa em 1:33:31. Um detalhe: ao mesmo tempo em que marchava dava depoimentos e respondia a perguntas das pessoas que o acompanhavam pelo facebook, instragram e youtube.
 
“O desafio não foi fácil e fiquei impressionado com o ritmo que consegui impor. Não é fácil marchar em esteira, mas mostrei que estou bem treinado mesmo nesta época de quarentena. Nesse momento de crise, é importante a gente unir forças, e essa iniciativa é para a gente ajudar, de alguma forma, mesmo no isolamento”, comentou o atleta de 29 anos. “Peço que as pessoas façam as suas doações. O prazo vai até o dia 5 de maio.”
 
A live contou também com a exibição de vídeos de personalidades do atletismo em apoio à Ação Solidária de Caio Bonfim, como Joaquim Cruz, Darlan Romani, Érica Sena e Arnaldo de Oliveira.
Caio teve companhia de seus treinadores e pais, João Sena e Gianetti Bonfim, da mulher Juliana e até do filho Miguel, de 10 meses.
 
A iniciativa contou com apoio de 15 empresas do Distrito Federal, além de patrocinadores da Confederação Brasileira de Atletismo (CBAt) como a Caixa, que também é parceira da CASO, e a Axigram Solst, também parceira de Caio Bonfim. A CBAt apoiou a live com divulgação e a transmissão pelo facebook da entidade.
 
Até o fim da live a iniciativa arrecadou 1.200 kg de alimentos e R$ 5.000,00 em dinheiro. A meta é alcançar R$ 10.000,00. Só a Assembleia de Deus Sobradinho, igreja que Caio frequenta, doou 300 kg em alimentos.
 
 

Eventos esportivos / Entidades Mundiais

Rugby campeão

Brasil é campeão do Sul-Americano 6 Nações

 
 

 

 
Mascotes

Mais lidas da semana

Curta - EA no Facebook