Fabiana Murer, Thiago Braz e Augusto Dutra saltam em Portland | Esporte Alternativo - O site de quem pratica esportes !

Fabiana Murer, Thiago Braz e Augusto Dutra saltam em Portland

Fabiana Murer, aniversariante, em mais um Mundial Indoor / Foto: Wagner Carmo/CBAt

Portland - Com a disputa das finais das provas feminina e masculina do salto com vara, começa nesta quinta-feira (dia 17), a partir das 23:05 no horário de Brasília (19:05 locais), o Campeonato Mundial de Atletismo Indoor, no Centro de Convenções do Oregon, na cidade de Portland, nos Estados Unidos. A competição é o principal evento do calendário de 2016 da Associação Internacional das Federações de Atletismo (IAAF).
 
O Brasil estará representado neste primeiro dia por Fabiana Murer, Thiago Braz e Augusto Dutra. A missão dos brasileiros de lutar por medalhas não será fácil, como resume Fabiana, que ganhou ouro em 2010, em Doha, no Catar, e bronze, em 2008, em Valência, na Espanha.
 
"Muitas atletas novas estão saltando bem e a concorrência vai ser forte", disse a experiente saltadora brasileira, que está confiante. "Gostei da temporada que fiz na Europa, cumpri o objetivo de ir crescendo a cada competição, ganhando ritmo, confiança", prosseguiu Fabiana, que saltou 4,71 m em sua última temporada no esporte, já que informou que pretende se aposentar depois dos Jogos Olímpicos do Rio.
 
Entre as principais adversárias da brasileira, que nesta quarta-feira (16) comemorou 35 anos, estão as norte-americanos Jennifer Suhr, que este ano bateu o recorde mundial indoor (5,03 m), Sandi Morris (4,95 m) e Demi Payne (4,85 m), além das gregas Ekaterini Stefanidi (4,90 m) e Nikoleta Kyriakopoulou (4,81 m).
 
Já no masculino, Thiago Braz entra no Mundial com a terceira marca da temporada indoor: 5,93 m, novo recorde sul-americano em pista coberta. Também ele terá adversários de peso, como o francês Renaud Lavillenie, campeão olímpico e recordista mundial indoor, que saltou este ano 6,03 m, e o canadense Shawn Barber, ouro no PAN de Toronto e no Mundial de Pequim, que tem 6,00 m na temporada. 
 
Thiago Braz derrotou este ano Lavillenie em Berlim, na Alemanha, em fevereiro, justamente na prova em que conseguiu a marca de 5,93 m. O outro brasileiro na prova, Augusto Dutra, foi finalista na edição anterior do Mundial, realizado em 2014, na cidade polonesa de Sopot.
 
A IAFF irá distribuir cerca de US$ 2,5 milhões em prêmios durante no evento, que deverá reunir mais de 540 atletas de 148 países. Os ganhadores das medalhas de ouro receberão US$ 40 mil enquanto os que baterem recordes mundiais terão direito a um bônus de US$ 50 mil.
 
Outros sete brasileiros participam da competição, que termina no domingo (20) e reúne estrelas internacionais, como o norte-americano Ashton Eaton, a holandesa Dafne Schippers e a etíope Genzebe Dibaba, entre muitas outras.
 
A estreia dos outros representantes do Brasil por data, no horário de Brasília:
 
Sexta-feira (18) - 14:45 - Fabiana Moraes - preliminar dos 60 m com barreiras; 22:50 - Darlan Romani - final do arremesso do peso; e 22:55 - Eliane Martins - final do salto em distância.
 
Sábado - (19)15:30 - Keila Costa - final do salto triplo; 15:40 - Rosangela Santos - preliminar dos 60 m; 21:00 - João Vitor de Oliveira e Fabio Vaz dos Santos - preliminar dos 60 m com barreiras.
 
O Campeonato Mundial Indoor terá várias inovações, segundo prometem seus organizadores. No arremesso de peso, salto em distância e salto triplo, por exemplo, depois de cinco tentativas, apenas os quatro melhores atletas terão direito ao sexto intento, quando terão toda a atenção do público.
 
Atletas classificados para as semifinais e finais das provas serão chamados um por um para entrar no ginásio, como já ocorre no Mundial de Revezamento. 
 
Na pista, os vencedores receberão flores. As cerimônias de entrega de medalhas ocorrerão à noite na Praça Pioneer Courthouse, no coração de Portland, aberta ao público. Estão previstos diversos shows musicais e eventos gastronômicos, com o intuito de reunir o maior número possível de pessoas para a grande festa que terá transmissão ao vivo pela TV.
 
Antes do início das provas desta quinta-feira, aliás, haverá a cerimônia de abertura, com a participação de crianças que carregarão as bandeiras de todos os países participantes. As bandeiras serão distribuídas para os espectadores como forma de agradecimento pela presença no Centro de Convenções, que tem capacidade para 7.000 torcedores.
 
 
 

Eventos esportivos / Entidades Mundiais

Rugby campeão

Brasil é campeão do Sul-Americano 6 Nações

 
 

 

 
Mascotes

Mais lidas da semana

Curta - EA no Facebook