Thiago Braz bate recorde sul-americano do salto com vara indoor | Esporte Alternativo - O site de quem pratica esportes !

Thiago Braz bate recorde sul-americano do salto com vara indoor

Thiago Braz / Foto: CBAtThiago Braz / Foto: CBAt

Rio de Janeiro - O atleta brasileiro Thiago Braz, do salto com vara, vem mostrando que a evolução que teve no ano passado, quando estabeleceu o recorde sul-americano ao ar livre (5,83 m), continuará nesta temporada. O jovem saltador passa a ser agora também o dono do recorde continental indoor da prova.

Thiago saltou 5,72 m numa pequena competição em Malmo, na Suécia, e superou os 5,71 m que pertenciam a Augusto Dutra, seu companheiro no Clube BM&FBOVESPA, onde estão os principais atletas da prova no Brasil. 

O saltador, que é beneficiado pelo programa Bolsa-Atleta do Ministério do Esporte, é o atual campeão mundial juvenil conquistado em Barcelona 2012, com a marca de 5,55m. Thiago foi para a Europa com o grupo do técnico Elson Miranda para treinar e competir em preparação para o Mundial da Polônia, que será disputado em março, em pista coberta.
 
Primeiro, conquistou a quarta colocação na Pedro’s Cup, em Bydgoszcz (POL), na estreia no circuito europeu, em (31.01), com a melhor marca da carreira em provas indoor, 5,68 m - seu recorde pessoal anterior era 5,51 m, de fevereiro de 2013. Agora, saltou 5,72 m, com os suecos Simon Assarsson em segundo (5,05 m) e David Kappelin em terceiro (4,85 m).
 
O técnico Elson Miranda comemorou o resultado de Thiago nas competições indoor. “Estamos com zero grau”, contou. “Era uma competição pequena, regional, mas, para nós o que importa é que ele fez um bom resultado", disse Elson. “Esta foi a terceira competição do Thiago desde que chegamos. Havia saltado em Bydgoszcz, com resultado expressivo, depois em um torneio pequeno na Alemanha, em que não foi bem - saltou 5,41 m e ficou em quarto -, mas agora acertou. Era uma competição que nem estava programada, mas como estamos aqui e ele precisa de ritmo para o Mundial, acabou saltando e deu certo”, completou.
 
A equipe nacional na Europa, Fábio Gomes da Silva que voltou a saltar depois de se recuperar da cirurgia no tendão calcâneo do pé direito, zerou na prova. Augusto Dutra, que sofreu uma entorse no tornozelo esquerdo, segue na Europa, em tratamento. Fabiana Murer também está com o grupo e salta em Donetsk, na Ucrânia, no dia 15.

Eventos esportivos / Entidades Mundiais

Rugby campeão

Brasil é campeão do Sul-Americano 6 Nações

 
 

 

 
Mascotes
Curta - EA no Facebook