BM&FBovespa conquista medalhas e índices olímpicos | Esporte Alternativo - O site de quem pratica esportes !

BM&FBovespa conquista medalhas e índices olímpicos

Jailma: ouro nos 400 m e 4x400 m, além do índice olímpico / Foto: Agência Luz/BM&FBOVESPA

Rio de Janeiro - Os integrantes do Clube de Atletismo BM&FBovespa convocados para a disputa do Campeonato Ibero-Americano, evento-teste olímpico encerrado nesta segunda-feira (16/5/2016), no Rio, ajudaram a seleção brasileira a conquistar 19 medalhas - 9 de ouro, 7 de prata e 3 de bronze. 
 
Além disso, dois atletas conquistaram índice olímpico e devem voltar ao Engenhão em agosto: Lutimar Abreu Paes, nos 800 m, e Jailma Sales de Lima, nos 400 m. Com os resultados do Ibero, o Clube de Atletismo BM&FBOVESPA já tem 11 qualificados para a disputa olímpica (sem contar os velocistas que integrarão os revezamentos). Marílson Gomes dos Santos (maratona) e Mário José dos Santos Júnior (marcha 50 km) já foram oficialmente convocados pela Confederação Brasileira de Atletismo (CBAt), e o prazo para obtenção de índices termina em 3 de julho.
 
Confira os resultados do Campeonato Ibero-Americano
 
O Ibero-Americano reuniu atletas em diferentes estágios de preparação. Lutimar e Jailma, por exemplo, conseguiram o objetivo de superar as marcas mínimas para a competição olímpica. "O grande objetivo era o índice e ainda consegui a medalha de ouro", disse o meio-fundista gaúcho, que deve disputar o torneio pela primeira vez. Já a velocista, integrante do revezamento 4x400 m, também fará sua preparação pensando na disputa individual. "Vou ter mais tranquilidade para treinar com o foco exclusivo para agosto", disse Jailma, que já esteve em Pequim/2008 e Londres/2012.
 
Alguns atletas com índices, como os saltadores Fabiana Murer e Augusto Dutra, disputaram o Ibero realmente como teste. Fabiana, que venceu o salto com vara no sábado com a marca de 4,60 m, aprovou a nova pista do Engenhão. "A pista é muita boa e isso me dá maior confiança para a competição olímpica. Ainda não estou pronta para competir, mas fiz questão de tirar o máximo proveito desta oportunidade. Fiz oito saltos", afirmou. Augusto, também qualificado, conquistou a medalha de prata nesta segunda com 5,30 m. "Estou numa fase muito forte de treinamento. Meu objetivo era conhecer a área de salto e gostei muito. A pista e o encaixe são excelentes".
 
Todas as medalhas do Clube de Atletismo BM&FBovespa no Ibero-Americano:
 
Ouro
 
Fabiana Murer, salto com vara - 4,60 m
Wagner Domingos, lançamento do martelo - 72,18 m
Juliana Gomes dos Santos, 3.000 m - 9min03s11
Darlan Romani, arremesso do peso - 19,67 m
Lutimar Abreu Paes, 800 m - 1min45s42 (índice olímpico)
Jailma Sales de Lima, 400 m - 51s99 (índice olímpico)
Ronald Julião, lançamento do disco - 59,56 m
Keila Costa, salto triplo - 14,01 m
Jailma Sales de Lima e Letícia Cherpe de Souza, revezamento 4x400 m - 3min32s30
 
Prata
 
Mauro Vinícius da Silva, salto em distância - 7,71 m
Núbia Aparecida Soares, salto triplo - 14,00 m
Valdileia Martins, salto em altura - 1,84 m
Keila Costa, salto em distância - 6,43 m
Augusto Dutra, salto com vara - 5,30 m
Vanusa dos Santos, revezamento 4x100 m - 43s68
Ricardo Mário de Souza, revezamento 4x100 m - 38s65
 
Bronze
 
Letícia Cherpe de Souza, 400 m - 52s79
Fernanda Borges, lançamento do disco - 58,43 m
Julio Cesar de Oliveira, lançamento do dardo - 79,02 m
 
 

Eventos esportivos / Entidades Mundiais

Rugby campeão

Brasil é campeão do Sul-Americano 6 Nações

 
 

 

 
Mascotes

Mais lidas da semana

Curta - EA no Facebook