Rio de Janeiro ganha Centro de Treinamento de Atletismo

Foto: Laerte da Silva CEFANFoto: Laerte da Silva CEFANSão Paulo - Parceria da Confederação Brasileira de Atletismo (CBAt) e da Caixa Econômica Federal (CAIXA) com o Centro de Educação Física Almirante Adalberto Nunes (CEFAN) dá ao Rio de Janeiro uma valiosa instalação esportiva. Ali funcionará o Centro Nacional de Treinamento de Atletismo - CNT CAIXA/CEFAN-MB - que tem como meta a preparação das equipes brasileiras para as grandes competições internacionais, que culminarão nos Jogos Olímpicos do Rio 2016.

Na manhã de quinta-feira, dia 23, o presidente da CBAt, Roberto Gesta de Melo, esteve no CEFAN. Foi recebido pelo diretor, almirante Fernando Cesar da Silva Motta. Depois, Gesta viu a pista sintética Mondo e o Centro de Reabilitação e Performance. "São instalações de primeira linha", disse o dirigente.

"Este Centro ajudará o progresso do atletismo no Rio e de todo o País, na preparação para as grandes competições internacionais, que culminarão com os Jogos Olímpicos que a cidade irá sediar em 2016", completou.

Nesta sexta-feira acontecerá a assinatura formal do convênio entre o presidente da CBAt, Roberto Gesta de Melo, e autoridades da Marinha, responsável pelo CEFAN. A solenidade está marcada para as 11 horas no CEFAN, localizado na Av. Brasil, 10.590, na Penha (Rio de Janeiro).

"Neste Centro, o foco será principalmente para as provas de velocidade e barreiras, além das provas combinadas", explica o presidente Roberto Gesta de Melo. "As instalações da Marinha no CEFAN são de primeira linha e contribuirão de maneira decisiva para a preparação de nossos atletas", afirma o dirigente.

Gesta lembra que já está em funcionamento outro Centro de Treinamento em São Paulo, em convênio com a Prefeitura Municipal. E há mais tempo já funcionam os Centros de Uberlândia, em convênio com o Sesi estadual, e de Fortaleza, com a Unifor.

"A nossa estratégia com os Centros de Treinamento têm dado bons resultados, tanto que atletas que se prepararam nestas instalações conquistaram resultados muito bons nos recentes Mundiais de Juvenis no Canadá e nos Jogos da Juventude em Cingapura. São atletas que estão na faixa etária ideal para chegar no auge de suas carreiras por ocasião dos Jogos do Rio", concluiu o dirigente.

BRASILEIRO INTERCLUBES DE JUVENIS
A primeira competição que a nova pista receberá será o Campeonato Brasileiro/Caixa Interclubes de Juvenis. Estão inscritos mais de 400 atletas por 42 clubes de 10 Estados. Várias atrações estão confirmadas, como Bárbara Leôncio, campeã mundial dos 200 m na categoria menor, e Mariela Reis, ouro nos 100 m nos Jogos da Comunidade de Países da Língua Portuguesa. Outros nomes importantes na faixa etária.

Antonio Barbosa Filho (Pé de Vento - RJ) 5.000 m/10.000 m
Mônica Jimenez (Rede Atletismo - SP) 100 m/200 m
Jackson Cesar da Silva (Silveira Sampaio - RJ) 100 m/200 m
Bárbara da Silva Leôncio (Silveira Sampaio - RJ) 100 m/200 m/distância
Mariela Tomaz Reis (Orcampi/Unimed - SP) 100 m/distância
Victor de Souza Santos (BM&FBovespa - SP) salto em distância
Adrianne Lúcio de Oliveira (Vasco da Gama - RJ) heptatlo
Rodrigo Gomes Rocha (Symap - SP) 100 m/200 m
Jonathan Henrique da Silva (Brasil FC - SP) salto triplo
Thiago Benedito da Silva (Funtec - SP) lançamento do martelo
Bianca Amaro dos Santos (Ideal - RJ) salto em distância
Tamara Alexandrino (Ideal - RJ) salto em distância
Monique Varmeling (Pinheiros - SP) salto em altura
Leandro Pitarelli de Araújo (Asa Sertãozinho - SP) 200 m/400 m



Eventos esportivos / Entidades Mundiais

Rugby campeão

Brasil é campeão do Sul-Americano 6 Nações

 
 

 

 
Mascotes

Mais lidas da semana

Curta - EA no Facebook