Mirna Marques comemora novo índice para o Mundial | Esporte Alternativo - O site de quem pratica esportes !

Mirna Marques comemora novo índice para o Mundial

Mirna Marques / Foto: Fernanda Paradizo / CBAt

Rio de Janeiro - Depois de vencer os 100 m na sexta-feira, a paulistana Mirna Marques da Silva (Centro Olímpico-SP) comemorou neste domingo pela manhã a medalha de ouro nos 200 m do Campeonato Brasileiro Caixa de Atletismo de Juvenis Interclubes, na Arena Caixa, no Centro de Atletismo Professor Oswaldo Terra, na Vila do Tanque, em São Bernardo do Campo (SP).

Com a marca de 23.84 (0.5), a atleta, já qualificada nos 100 m, atingiu o índice CBAt (23.88) também nos 200 m para o Campeonato Mundial de Juvenis, que será disputado em julho, na cidade de Eugene, nos Estados Unidos. "Estou muito feliz porque além das vitórias e dos índices, melhorei meus tempos pessoais nas duas provas. Quero agradecer muito o trabalho que o Victor faz com a gente no Centro Olímpico", disse a velocista, referindo ao técnico Victor Fernandes.
 
Mirna, que no ano passado conquistou o título sul-americano das duas provas, acha que a responsabilidade só aumenta. "Preciso treinar cada vez mais para sempre melhorar. Além disso, não dá para relaxar. Temos várias atletas em condições de também conseguir os índices para o Mundial", completou.
 
Outro destaque da manhã deste domingo foi o paulista Alan Crystian Gusmão (Orcampi/Unimed-SP). Ele também garantiu duas medalhas de ouro, vencendo os 100 na sexta e os 200 m neste domingo, com 21.44 (0.0). Está muito perto dos índices nas duas provas - a 2 centésimos de segundo nos 100 e a 11 centésimos nos 200 m.
 
"Senti um pouco de dores musculares e por isso não forcei para buscar o índice nos 200 m. Corri pela vitória. O importante é ter tranquilidade e consciência de que mantendo os treinos e a concentração, vou conseguir uma vaga na seleção para o Mundial", afirmou o atleta, que treina com Marcelo Lima no Centro de Excelência do Ibirapuera.
 
Outro atleta que comemorou a segunda medalha foi o mato-grossense Victor Alves da Silva (Barra do Garças), que ganhou ouro nos 10.000 m, com 32:12.82. No sábado, ele havia assegurado a prata nos 5.000 m.
 
Novos recordes - Dois recordes do Campeonato Brasileiro foram quebrados nesta quinta etapa. Juliana de Menis Campos (IEMA-SP) venceu o salto com vara, com 3,70 m, melhorando em 5 cm o recorde anterior, que era de Isabella Brezan, desde 2012. Outro novo recorde foi estabelecido no heptatlo, com Jenifer Nicole Norberto (CRIA Lavras), com 4.783 pontos. O anterior era de Debora Pires, com 4.566 desde 2011.
 
Após a quinta e penúltima etapa do torneio, a Orcampi/Unimed manteve a liderança na classificação geral do evento, com 137 pontos. O IEMA ocupa a segunda colocação, com 100 pontos - apenas 7 a mais do que o Centro Olímpico, terceiro colocado. CRIA Lavras assumiu a quarta colocação, com 76 pontos, seguido do GR Barueri, com 69.
 
Pódio da quinta etapa
 
Salto com vara
1º Juliana de Menis Campos (IEMA) 3,70 m - RC
2º Thais Lindemayer Gomes (Sogipa) 3,55 m
3º Bianka Paulon de Sá (Centro Olímpico) 3,10 m
 
10.000 m
1º Victor Alves da Silva (Barra do Garças) 32:12.82
2º Lucas Mesquita (LUASA) 33:02.15
3º Michael Jonathan Nepomuceno (GE Alta Velocidade) 33:20.59
 
200 m
1º Mirna Marques (Centro Olímpico) 23.84
2º Tabata de Carvalho (AA Maringá) 24.45
3º Daysiellen Atla Dias (CSS II Exército) 24.65
 
200 m
1º Alan Crystian Gusmão (Orcampi/Unimed) 21.44
2º Alifer dos Santos (APEFS-SINOP) 21.86
3º Rodrigo de Oliveira (ARPA-SMEL) 22.20
 
Heptatlo
1º Jenifer Nicole Norberto (CRIA Lavras) 4783 pontos - RC
2º Lais Priscilla Pereira (GR Barueri) 4735
3º Atalia Lima da Silva (Roraima) 4469
 
RC = Recorde do Campeonato
 

Eventos esportivos / Entidades Mundiais

Rugby campeão

Brasil é campeão do Sul-Americano 6 Nações

 
 

 

 
Mascotes

Mais lidas da semana

Curta - EA no Facebook