Ricardo Monteiro da Luz com Jabuticaba é o campeão do Derby Clube Hípico de Santo Amaro 2011

Ricão e Jabuticaba: 100% de aproveitamento no Derby do Clube Hípico de Santo Amaro 2011 / Foto: Anna CarvalhoSão Paulo - O páreo não foi fácil.  Debaixo de chuva foram 15 os concorrentes no  Derby Clube Hípico de Santo Amaro na tarde de domingo, dia 15 de Maio, encerrando o Concurso Nacional de Saltos 2*, na tradicional pista de grama, na zona sul da capital paulista. Para alegria da torcida que não arredou pé, a vitória ficou em casa com Ricardo Monteiro da Luz, o Ricão, e seu Jabuticaba que há menos de um mês levantaram o título de campeões no Paulista Senior Especial, também em Santo Amaro. 

 

O Derby - que mescla obstáculos naturais como pulvermann (com um salto na entrada, uma descida com um fosso ao meio e uma saída com outro pequeno salto), banqueta, duplos com um só vara e diversos obstáculos com sebes, feno e muito verde e fundo - contou com total de 21 obstáculos, respeitando o traçado desenhado por Vitor Teixeira e executado pelo course-designer Carlos Alberto Raposo Lopes.

A disputa -
Primeiro a largar, o sempre competitivo paranaense que representa São Paulo, Felipe Juares de Lima montando Corline JMen "amargou" uma só falta no último obstáculo, em 155s76.

O jovem talento top carioca Luiz Francisco de Azevedo Filho, o Chiquinho, foi o segundo a fechar com somente uma derrube na entrada do pulverman onde sua montaria Uno e Basta - com o qual venceu a primeira prova a 1.40 metro na quinta-feira, 11, e que lhe deu o título de campeão do Derby em 2010 - tentou desviar,  fechando com o tempo de 156s79.

Debaixo de forte chuva, nº 12 em pista, o santamarense Ricardo Monteiro da Luz, o Ricão, com seu Jabuticaba levantou a torcida ao fazer pista limpa em 155s55 abrindo caminho para um eventual desempate. Não aconteceu. 

Com sua segunda montaria, José Roberto Reynoso Fernandez Filho com Kanonikus Sanol Dog Protécnica, de apenas 8 anos, cometeu um derrube na saída do duplo fechando na boa marca de 150s55 - conquistando o 2º posto.
O impetuoso Kanonikus Sanol Dog Protécnica e Zé Roberto; foto: Anna Carvalho

Felipinho Juarez, 3º colocado com Corline JMen, ainda garantiu o 6º posto com Zuleika Método, dois derrubes, 161s33. Atrás de Chiquinho dom Uno Basta, 4º colocado, Zé Roberto aparece, desta feita, com sua égua Renata JMen Sanol Dog Protécnica, duas faltas, 152s84.

Merecido descanso para Jabuticaba - Satisfeito com seu desempenho, Ricão prometeu dar férias a Jabuticaba, de 14 anos. "Já depois do Paulista, eu comecei a focar em um trabalho de folêgo visando o Derby e hoje o Jabuticaba chegou muito bem ao final da pista", contou o campeão. "Agora ele vai ficar um mês sem competir. Sempre busco escolher bem as provas para não sobrecarregá-lo e buscar o melhor resultado possivel", ensina o experiente ginete e instrutor. "Agradeço a toda a nossa equipe e, em especial, a Thais Crepaldi, proprietária do Jabuticaba que está estudando no Exterior, e deixa ele aqui comigo."

Missão cumprida - Durante os quatro dias de competição foram cerca de 1,5 mil as participações de diversos Estados nas diferentes provas de 1 a 1.40 metro,  "Deu tudo certo. Buscamos seguir o mesmo modelo implantado no Torneio de Verão - visando realizar provas com no máximo duas de duração - o que tem sido muito elogiado", destacou Antonio Manoel Lopes Sanches, que reassumiu a diretoria de Salto da entidade anfitriã. "Agora nosso próximo grande concurso será o Aniversário do Clube Hípico de Santo Amaro em setembro para o qual estamos preparando algumas novidades e, como de costume, queremos receber a todos da melhor forma possível."  

Eventos esportivos / Entidades Mundiais

Rugby campeão

Brasil é campeão do Sul-Americano 6 Nações

 
 

 

 
Mascotes
Curta - EA no Facebook