Definidos os atletas que vão representar o Brasil no Pan Júnior de Badminton

Eles são jovens, mas o desafio é de gente grande. A equipe que vai representar o país no Campeonato Pan-americano Júnior de Badminton, de 24 a 31 de julho na Jamaica, está definida / Foto: Divulgação FebapiEles são jovens, mas o desafio é de gente grande. A equipe que vai representar o país no Campeonato Pan-americano Júnior de Badminton, de 24 a 31 de julho na Jamaica, está definida / Foto: Divulgação FebapiTeresina - Eles são jovens, mas o desafio é de gente grande. A equipe que vai representar o país no Campeonato Pan-americano Júnior de Badminton, de 24 a 31 de julho na Jamaica, está definida. Durante a seletiva nacional da modalidade, realizada no último final de semana em Teresina (PI), 49 atletas se credenciaram para a competição, sendo 12 beneficiados pelo programa Bolsa-Atleta do Ministério do Esporte.

No total, os jovens atletas disputaram mais de 600 partidas, entre os dias 21 e 24 de abril. Foram cerca de 150 atletas de 15 estados, com idades entre oito e 18 anos, que batalharam por um espaço na delegação nacional.

O badminton é considerado o esporte mais rápido que utiliza raquetes, em que a peteca pode alcançar velocidade de até 350 km/h. Os bolsistas que se credenciaram para o Pan-americano foram: Ygor Oliveira, Emerson Carvalho, Lohaynny Vicente, Mariana Pedrol Freitas, Fábio Soares, Ítalo Hauer, Lucas Alves, Ana Paula Campos, Leonardo Alkimin, Luana Vicente, Miriã Santos Silva e Isabela Hauer.

O bolsista Leonardo Alkimin comemorou o bom resultado e a classificação para o Pan-americano na Jamaica. “A seletiva foi muito competitiva, com ótimos jogos. Surpreendi-me com o resultado, não esperava ganhar todas as partidas. Foi muito bom”, comemora. Leonardo se classificou para o sub-19 simples masculino, sub-19 dupla masculino e sub-19 dupla mista.

Agora, a bolsista Ana Paula Campos, que conquistou vaga nas três categorias (sub-19 simples feminino, sub-19 dupla feminino e sub-19 dupla mista), concentrará todos os treinamentos para o Campeonato Pan-americano. “Toda a minha dedicação será voltada para o Pan-americano. Minha meta é melhorar ou conquistar pelo menos o terceiro lugar na simples e na dupla mista, mesma colocação conquistada no Pan da República Dominicana, no ano passado”, disse.

Eventos esportivos / Entidades Mundiais

Rugby campeão

Brasil é campeão do Sul-Americano 6 Nações

 
 

 

 
Mascotes

Mais lidas da semana

Curta - EA no Facebook