Maior campeonato de Skateboarding Street do mundo começa nesta quinta

Letícia Bufoni / Foto: Paulo MacedoLetícia Bufoni / Foto: Paulo Macedo

Rio de Janeiro - A etapa final da Street League, maior campeonato de Skateboard Street do mundo, vai começar oficialmente nesta quinta-feira, com a fase Open classificatória masculina e feminina. Enquanto os homens buscam vaga na fase de quartas de final, as mulheres competem por vagas diretas na semifinal. A competição acontece na Arena Carioca 1, no Rio de Janeiro, de 8 a 13 de janeiro. 
 
Os brasileiros Ivan Monteiro, Lucas Xaparral, Lucas Rabelo, Gabriel Fortunato, Yuri Facchinni, Karen Feitosa, Rayssa Leal e Virginia Fortes são os atletas que iniciam as disputas nesta quinta-feira. Após conhecer a pista inédita, construída exclusivamente para este torneio, Xaparral espera encontrar uma boa sequência de manobras. 
“A pista é muito boa, a angulação é perfeita, mas os caminhos para chegar até aos obstáculos são difíceis. Acredito que estarei mais familiarizado com o espaço depois de mais algumas voltas. Quem conseguir montar uma linha de manobras e usar os espaços em sequência estará um pontinho à frente. O percurso tem obstáculos bem próximos uns dos outros, o que dificulta a evolução das manobras, então esse é o nosso maior desafio”, explica o atleta.
 
Instalada exclusivamente para a etapa do Rio de Janeiro, a pista é inspirada na arte e arquitetura das ruas da cidade maravilhosa e apresenta um conjunto triplo de 3,5m de comprimento com longos trilhos de cada lado. O espaço é composto por obstáculos montados para que os atletas tenham diferentes chances de executar a manobra perfeita. 
O Brasil conta ainda com Kelvin Hoefler e Felipe Gustavo que já estão classificados diretamente para a final, Tiago Lemos, Carlos Ribeiro, Leticia Bufoni e Pamela Rosa, que estão na semifinal e Luan Oliveira nas quartas de final. As vagas foram garantidas através do ranking da SLS.
 
Esta será a etapa final do evento que já passou por Tampa, Londres, Los Angeles e Huntington Beach. São esperados 176 atletas, entre homens e mulheres. A etapa carioca será decisiva para a definição do ranking do SLS World Tour de 2019, que contará pontos para a classificação para os Jogos Olímpicos de Tóquio 2020.  
 
A Arena Carioca 1 tem capacidade para receber até 5.000 pessoas por dia no final de semana (12 e 13/01), em que haverá venda de ingressos do evento aberto ao público. Já nos dias 8, 9, 10 e 11 será para treinos e para disputa da fase classificatória com portões fechados.
 
Cronograma:
 
Terça: treinos
 
Quarta: treinos
 
Quinta:
8 às 10h – Treino feminino
10 às 11h30 – Open feminino
11h30 às 13h30 – Treino masculino
13h30 às 16h30 – Open masculino
16h30 às 20h30 – Treino masculino
 
Sexta:
9 às 12h – Treino quartas de final masculino – sessão 1
12 às 15h - Treino quartas de final masculino – sessão 2
15 às 18h30 – Quartas de final masculina
18h30 às 19h45 – Treino para semifinalistas feminino
19h45 às 21h30 – Treino para semifinalistas masculino
 
Sábado e domingo abertos ao público:
 
Sábado -
11 às 13h - Treino feminino e masculino
12h - Abertura de portões para o público
13 às 16h - Semifinal feminina
16 às 18h - Treino masculino
18 às 20h - Semifinal masculina
 
Domingo -
10 às 14h - Treino feminino e masculino
14h - abertura de portões para o público
14 às 15h - Treino feminino
15 às 16h30 - Final feminina
17 às 18h - Treino masculino
18 às 19h30 - Final masculina
**Os horários podem sofrer alterações de acordo com a Organização. 
 
Veja Também: 
 
 
 

Eventos esportivos / Entidades Mundiais

Rugby campeão

Brasil é campeão do Sul-Americano 6 Nações

 
 

 

 
Mascotes

Mais lidas da semana

Curta - EA no Facebook