Favoritos vencem a terceira etapa da Copa Mitsubishi Motors

Foto: Aline BassiFoto: Aline BassiIlhabela (SP) - A decisão da terceira etapa da Copa Mitsubishi Motors - X Circuito Ilhabela de Vela de Oceano foi antecipada em um dia em função da previsão de mau tempo para o domingo no Litoral Norte. Orson/Mapfre, na ORC Club, e Jazz, na RGS-A, confirmaram o favoritismo e conquistaram o título neste sábado.

 

A Comissão de Regatas do Yacht Club de Ilhabela, responsável pela Copa Mitsubishi, decidiu realizar as duas regatas finais da etapa neste sábado no Canal de São Sebastião. O fraco vento Sul, entre 5 e 7 nós, todavia, impediu a realização das provas do Paulista de Star, que começariam mais tarde. Com isso o resultado das quatro regatas do final de semana passado definiu a vitória de Fábio Bodra e Arthur Lopes.

Na ORC Club 600, o Orson/Mapfre, de Carlos Eduardo Souza e Silva, o Kalu, não deu chance a ninguém. Ganhou as duas regatas e conquistou o título com quatro vitórias e apenas um segundo lugar. "Estou muito feliz com o resultado e achei que na segunda regata do dia não tinha vencido porque o vento rondou e nos pegou numa posição ruim. É difícil saber antecipadamente porque nosso barco é o mais rápido da raia e pagamos bastante para os adversários da Classe", explicou Kalu, que agora está preparando-se para a Santos-Rio e o Circuito Rio.

Na RGS-A, o Jazz, de Valéria Ravani, foi absoluto. Ganhou a etapa invicto e acumulou 4 pontos perdidos. "Nosso adversário era o Harpia III e procuramos velejar bem, sem erros. Felizmente conseguimos ganhar todas as regatas e agora vou decidir se disputo a Santos-Rio que, infelizmente, começará no meio de semana. De qualquer forma, estamos confirmados para a última da Copa Mitsubishi", garantiu a comandante do Jazz, que manteve a tradição de velejar com tripulação mista - quatro mulheres e cinco homens.

A disputa na RGS-B foi bastante acirrada entre dois barcos da BL3 - Escola de Iatismo. Com um primeiro e um terceiro lugares, neste sábado, o BL3/Bematech, de Clauberto Andrade, foi o campeão, com 6 pontos, um a mais do que Blue Too/BL3/LaLampe, comandado por Domingos Carelli. O veleiro faturou também a Classe Delta 32, onde teve ainda maior concorrência, com 8 pontos. "Velejamos sempre com um grupo de alunos e ex-alunos e nossa tripulação variou para que todos pudessem ganhar experiência. O segredo do sucesso do grupo é a confiança que todos têm no nosso comando", afirmou Clauberto, instrutor da BL3.

O Rainha/Marinas Nacionais, de Leonardo Pacheco, não teve adversários na RGS-C e ficou com 4 pontos.

Vitória do Ginga com tripulação de Ilhabela - Na HPE 25, o Ginga, de Vicente Melo Monteiro, não precisou se esforçar muito para garantir o título. Dois terceiros lugares foram suficientes porque o barco havia ganhado as três regatas da semana passada. Neste sábado, o Stella Artois, de Fabio Bocciarelli, e o Vuarnet/Cotia, de Tomás Mangabeira Albernaz, ganharam uma prova cada.

"Nosso time está bem entrosado e queríamos muito o título que acabou vindo. Somos amigos aqui de Ilhabela e temos bastante experiência de outras classes e monotipos", contou o jovem comandante do Ginga, Vicente Melo Monteiro, de apenas 22 anos, e que já foi campeão brasileiro de Holder quatro vezes. Vicente assumiu o comando do barco no warm-up, em junho, quando Breno Chvaicer, machucou o ombro. A tripulação vencedora da etapa é completada pelo proeiro João Paulo Silva, de 21 anos, Eduardo de Souza, de 24, e Marcelo Jesus, de 27.

O Cocoon, de Marcelo Caggiano, confirmou o favoritismo na Bico de Proa A com dois primeiros lugares. Na Bico de Proa B, o Tabarly, de Fábio Rivetti, foi o campeão com 6 pontos perdidos. O Saruê, comandado por Adoniran dos Reis, dominou amplamente a Skkiper 21 e fechou com 5 vitórias.

Premiação e canoa de cerveja - Logo após as regatas, os velejadores confraternizaram-se com a tradicional canoa de cerveja e pizza. No final da tarde, os três primeiros colocados de cada Classe receberam medalhas na sede do Yacht Club de Ilhabela. Os campeões ganharam também um kit da Mitsubishi.

A quarta e última etapa da Copa Mitsubishi Motors será disputada em dois finais de semana - 27 e 28 de novembro e 4 e 5 de dezembro. No sábado, dia 4, está programada a Regata Volta a Ilha - Sir Peter Blake.

Classificação final da terceira etapa
ORC Club 600 - após cinco regatas (1 descarte)
1- Orson/ Mapfre (Carlos Eduardo Souza e Silva) - 4 pp (2+1+1+1+1)
2- Fantasma (Reginaldo Costa) - 7 (1+2+2+2+2)
3- Asbar II (Sergio Klepacz) - 12 (3+3+3+3+3)

BRA RGS-A - após cinco regatas (1 descarte)
1- Jazz (Valéria Ravani) - 4 (1+1+1+1+1)
2- Harpia III (Gonçalo Sá) - 8 (2+2+2+2+2)

BRA RGS-B - após cinco regatas (1 descarte)
1- BL3/Bematech (Clauberto Andrade) - 6 (1+2+2+1+3)
2- Blue Too/LaLampe (Domingos Carelli Neto) - 7 (3+1+1+3+2)
3- Palmares (José Romariz Filho) - 8 (2+3+3+2+1)

BRA RGS-C - após cinco regatas (1 descarte)
1- Rainha Marinas Nacionais (Leonardo Pacheco) - 4 (1+1+2+1+1)

HPE25 - após cinco regatas (1 descarte)
1- Ginga (Vicente Melo Monteiro) - 6 (1+1+1+3+3)
2- Stella Artois (Fábio Boccharelli) - 10 (2+2+5+5+1)
3- Vuarnet/Cotia (Tomás Mangabeira Albernaz) - 10 - (3+4+4+1+2)
4- Max (Anderson Biason) - 12 (4+5+2+2+4)
5- Iansã (Arthur Vasconcellos) - 15 (5+3+3+4+5)

Bico de Proa A - após cinco regatas (1 descarte)
1- Cocoon (Marcelo Caggiano) - 4 (1+1+2+1+1)
2- Silence (Joaquim Prado) - 9 (3+2+1+3+3)

Bico de Proa B - após cinco regatas (1 descarte)
1- Tabarly (Fábio Rivetti) - 6 (2+2+2+1+1)

Skipper 21 - após cinco regatas (1 descarte)
1- Saruê (Adoniran dos Reis) - 4 (1+1+1+1+1)
2- Alegria (Carlos Alberto Gallo) - 9 (2+2+4+2+3)
3- Sextante (Thomas Shaw) - 10 (3+3+2+3+2)

Delta 32 - após cinco regatas (1 descarte)
1- BL3/Bematech (Clauberto Andrade) - 8 (1+3+3+1+5)
2- Fantasma (Reginaldo Costa) - 8 (3+2+4+2+1)
3- Palmares (José Romariz Filho) - 8 (2+5+1+3+2)
4- Blue Too/LaLampe (Domingos Carelli Neto) - 11 (5+1+2+4+4)
5- Asbar II (Sérgio Klepacz) - 16 (4+4+5+5+3)

Star - após quatro regatas
1 - Fábio Bodra / Arthur Lopes - 8 (1+4+1+2)
2 - Alessandro Pascolato / Henri Boening - 12 (4+3+4+1)
3 - Maurício Bueno / Luis Felipe Mosquera - 12 (5+2+2+3)
4 - Peter Ficker / Ubiratan Matos - 13 (3+1+3+6)
5 - Renato Valentim / Arno Buchli Junior - 19 (2+5+6+6)

Eventos esportivos / Entidades Mundiais

Rugby campeão

Brasil é campeão do Sul-Americano 6 Nações

 
 

 

 
Mascotes

Mais lidas da semana

Curta - EA no Facebook