Jamaica diz que Bolt estará 100% para os jogos

Bolt é a principal estrela do atletismo / Foto: Michael Dalder/ReutersBolt é a principal estrela do atletismo / Foto: Michael Dalder/Reuters

Londres - Usain Bolt estará 100% em forma quando tiver início a prova dos 100m rasos nos Jogos de Londres, daqui a 11 dias, insistiu o comitê olímpico da Jamaica. O homem mais rápido do mundo chamou a atenção por não participar do treinamento da equipe na Universidade de Birmingham, na Inglaterra.

As dúvidas quanto à sua aptidão se intensificaram quando Bolt foi batido pelo seu parceiro de treino Yohan Blake, nos 100 e nos 200m rasos, nas seletivas jamaicanas, realizadas no final de junho. Além do mais, o atleta não pode competir na Liga Diamante em Mônaco, graças a um pequeno problema no tendão.

Ludlow Watts, treinador da equipe jamaicana, disse que quando os Jogos chegarem, Bolt estará em perfeita forma. "Ele está treinando muito bem e em 3 de agosto veremos o verdadeiro Usain Bolt", afirmou Watts.

A expectativa é que Bolt repita algo parecido com o que fez em Pequim, em 2008, quando quebrou os recordes mundiais dos 100 e dos 200m, levando duas medalhas de ouro. No ano seguinte, em 2009, o jamaicano se sairia ainda melhor, no Mundial em Berlim: 9.58s nos 100m e 19.19s nos 200m, ambos recordes mundiais até hoje.

Porém, se depender dos resultados alcançados por Bolt na temporada, as marcas ficam cada vez mais distantes. Ele é segundo do ranking mundial, atrás de Blake nas duas provas. Bolt tem 9.76s nos 100m e 19.83s nos 200m. Quatro anos atrás, chegou a Pequim com 9.72s e 19.67s, respectivamente.

 

 

Eventos esportivos / Entidades Mundiais

Rugby campeão

Brasil é campeão do Sul-Americano 6 Nações

 
 

 

 
Mascotes

Mais lidas da semana

Curta - EA no Facebook