Badminton na Amapá ganha interior e alcança comunidade indígena | Esporte Alternativo - O site de quem pratica esportes !

Badminton na Amapá ganha interior e alcança comunidade indígena

Badminton continua quebrando barreiras no Amapá / Foto: Badminton no Meio do Mundo

Amapá - E o Badminton continua quebrando barreiras no Amapá e chega a diversos municípios e comunidades do Estado. Exemplo disso são as cidades de Porto Grande, Ferreira Gomes, Mazagão, Santana, cidade de Amapá, Oiapoque, Laranjal do Jari,  Itaubal do Piririm,  Cutias do Araguari e aldeia Aramirã, etnia dos Waiãpi, no município de Pedra Branca do Amapari.
 
A Secretaria de Estado do Desporto e Lazer - SEDEL esteve desenvolvendo atividades nesses municípios. O Governo do Estado do Amapá - GEA, através da SEDEL e da Secretaria Extraordinária dos Povos Indígenas - SEPI, também promoveram mais um momento histórico para o Badminton brasileiro ao levar a modalidade até uma aldeia indígena na região centro-oeste do Amapá.
 
Após uma reunião foram definidos critérios da seletiva dos Jogos Indígenas que acontecerão na região e a entrega de material esportivo da modalidade. Para o Badminton foi muito mais que isso, já que o esporte está rompendo mais uma fronteira ao incluir índios como praticantes onde, de acordo com o Secretário Mário Brandão (SEDEL), eles adoraram a novidade e a modalidade será trabalhada nas aldeias.
 
Já em outras localidades a SEDEL esteve desenvolvendo atividades esportivas, como nos dias 20 e 21/06 em dois municípios do interior do Amapá, Itaubal do Piririm e Cutias do Araguari, durante o cumprimento de agendas do Governo do Estado nestas localidades, onde o Badminton foi uma delas.
 
A Federação de Badminton do Amapá – FEBAP cedeu raquetes e petecas pra serem levadas ao Sul do Estado e apoia expoentes do esporte no Estado para que a modalidade se desenvolva ainda mais.

Eventos esportivos / Entidades Mundiais

Rugby campeão

Brasil é campeão do Sul-Americano 6 Nações

 
 

 

 
Mascotes

Mais lidas da semana

Curta - EA no Facebook