Equipes da Alemanha e Suíça confirmam presença no Tour do Brasil

O ciclismo brasileiro prepara-se para sua maior e melhor prova do calendário / Foto: Marcio Kato /MBraga ComunicaçãoO ciclismo brasileiro prepara-se para sua maior e melhor prova do calendário / Foto: Marcio Kato /MBraga Comunicação

São Paulo - Além de reunir o que há de melhor no ciclismo nacional, o 9º Tour do Brasil/Volta Ciclística Internacional de São Paulo ainda terá fortes representantes de outros continentes. Um deles é a Europa, que contará, neste ano, com equipes de dois países: Specialized Team, da Alemanha, e Maka Loka Specialized, da Suíça. As duas se juntarão às representantes de outros sete países estrangeiros, Argentina, EUA, Chile, Equador, Guatemala, Panamá e Uruguai, na disputa com as equipes nacionais pelo título do maior e melhor evento do calendário nacionais. Serão 23 equipes, sendo 14 do Brasil e nove do exterior.
 
A largada será no dia 14 de outubro, em Marília, com chegada no dia 21, em São Paulo, após 1.200 quilômetros pelo interior do estado, com etapas em São Carlos, Rio Claro, Sorocaba, Atibaia, Pindamonhangaba, Campos do Jordão, Jundiaí. Vale ressaltar que o Tour do Brasil vale pontos para o ranking da União Ciclística Internacional (UCI). O evento apresenta diversas situações, com oito etapas bastante variadas de trechos longos, curtos, de montanha e contra-relógio, exigindo bastante dos atletas. 
 
Um dos principais esportes na Europa, o ciclismo chega a parar países com eventos tradicionais, como o Tour de France, Volta da Espanha, Volta de Portugal e o Giro da Itália. Com isso, a modalidade costuma ser forte, formando novos valores a cada temporada. Para o 9º Tour do Brasil, as representantes serão a Specialized Team e Maka Loca Specialized, que prometem dar trabalho aos times adversários. 
 
Na história do evento, foi justamente uma equipe européia a estragar a festa brasileira. O ciclismo nacional venceu sete das oito edições, perdendo apenas em 2009, quando a equipe Barbot/Siper/Azeite Vila Flor, de Portugal, levou a melhor. O time Funvic/Marcondes Cesar/ Pindamonhangaba é o atual campeão, tendo o atleta José Eriberto vencido no individual.
 
As etapas de 2012 são as seguintes: 
 
1ª etapa, 14/10 - Marília/Bauru - 114 km (SP 294 e SP 300) -2ª etapa, 15/10 - Bauru/São Carlos - 178 km (SP 225 e SP 310)
3ª etapa, 16/10 - São Carlos - contra-relógio - 23,4 km (duas voltas)(Parque Eco-Esportivo Damha) 
4ª etapa, 17/10 - São Carlos/Rio Claro (neutralizado de 70 km) e Rio Claro - Sorocaba - 179 km (SP 310, SP 348 e SP 075) 
5ª etapa, 18/10 - Sorocaba/Atibaia - 150,2 km (SP 075,102,300,360, 063 e 065)
6ª etapa, 19/10 - Atibaia/Pindamonhangaba - 183,7 km (SP 65, 70, 123, 132)
7ª etapa, 20/10 - Pindamonhangaba/Campos do Jordão - 62 km (SP 132, 123, 046, 050) - Campos do Jordão/Campinas (neutralizado, 250 km)
8ª etapa, 21/10 - Jundiaí/São Paulo - 72 km (SP 330, 348, Marginal Pinheiros)
 
Total de competição : 962,3 km
Total percorrido : 1.282,6 (320km neutralizados)
 
Campeões por equipes:
 
2004 - Memorial/Santos 
2005 - Scott/Marcondes Cesar/Fadenp/SJC
2006 - Cesc/C.E São Caetano/Sundown 
2007 - Scott/Marcondes Cesar/Fadenp/SJC
2008 - Avaí/Florianópolis/APGF 
2009 - Barbot/Siper/Azeite Vila Flor/Portugal 
2010 - Clube DataRO de Ciclismo
2011 - Funvic/Marcondes Cesar/Pindamonhangaba
 
Campeões individuais:
 
2004 - Antonio Xavier do Nascimento
2005 - Jorge Giacinti
2006 - Alex Diniz
2007 - Marcos Christian Novello
2008 - Gregory Panizo
2009 - Sergio Ribeiro (Portugal)
2010 - Gregory Panizo
2011 - José Eriberto
 

Eventos esportivos / Entidades Mundiais

Rugby campeão

Brasil é campeão do Sul-Americano 6 Nações

 

 

 
Mascotes
Curta - EA no Facebook