Cesar Cielo é bicampeão mundial em Xangai

Na noite deste sábado, 30/07, em Xangai, e manhã do mesmo dia em Brasília, Cesar Cielo conseguiu o bicampeonato mundial dos 50m livre e igualou o feito do americano Tom Jagger e do russo Alexander Popov / Foto: AGIF / Satiro SodréNa noite deste sábado, 30/07, em Xangai, e manhã do mesmo dia em Brasília, Cesar Cielo conseguiu o bicampeonato mundial dos 50m livre e igualou o feito do americano Tom Jagger e do russo Alexander Popov / Foto: AGIF / Satiro SodréXangai – Na noite deste sábado, 30/07, em Xangai, e manhã do mesmo dia em Brasília, Cesar Cielo conseguiu o bicampeonato mundial dos 50m livre e igualou o feito do americano Tom Jagger e do russo Alexander Popov. Ele passa a ser o primeiro a ter um título olímpico e de dois mundiais em piscina longa seguidos.

Esta é a nona medalha de Cesar em mundiais da FINA e a quarta do Brasil no Mundial dos Esportes Aquáticos da China. Uma campanha que já é a melhor do país até então.

"É a primeira vez que eu olho pra trás e tenho realmente orgulho do que eu consegui superar. É claro que tive orgulho da medalha olímpica e de outros mundiais, mas este foi um desafio muito grande. Me sinto um cara muito mais preparado, muito mais confiante porque não foi fácil ficar atrás da balisa esta semana. Espero que este seja um grande momento pra todo mundo e pra natação também. Sair daqui com quatro medalhas de ouro junto com a da Ana Marcela é uma campanha melhor que a de Roma e pessoalmente eu queria muito vir pra cá, disputando as três medalhas. Consegui duas de ouro e elas estão com um peso maior que todas as outras da minha coleção", disse.

Com o tempo de 21s52, Cesar não deixou espaço para os adversários. O italiano Luca Dotto (21s90) e o francês Alain Bernard (21s92) completaram o pódio da prova que teve ainda o brasileiro Bruno Fratus na quinta posição (21s96).

O Brasil tem agora os dois nadadores mais velozes de 2011. Bruno foi o melhor das semifinais (21s76) e agora tem o terceiro melhor tempo do ano. O primeiro e o segundo são de Cielo do Open de Paris (21s66) e o da final em Xangai.

Há quatro anos, desde os Jogos Olímpicos de Pequim 2008, que o nadador brasileiro não sai do lugar mais alto do pódio nas principais competições do planeta. Nos 50m livre, ele é o rei, pois tem o recorde mundial (20s91), o título olímpico, o título mundial em piscina longa e em piscina curta. Cesar possui quatro marcas entre as 10 melhores de todos os tempos.

Antes do brasileiro, ganharam o ouro duas vezes na prova mais rápida das piscinas o americano Tom Jager (Madri 86 e Perth 91) e o russo Alexander Popov (Roma 94 e Barcelona 2003). O pódio do último Mundial, Roma 2009,  teve Cielo com o ouro, os franceses Fred Bousquet, com a prata, e Amauri Levaux, com o bronze.

Bruno Fratus foi uma das boas surpresas do Brasil em Xangai. Ele saiu da 24ª posição nos 100m livre para o 13º lugar nas eliminatórias dos 50m livre e depois para o primeiro tempo da fase semifinal desta prova, que continua sendo o terceiro melhor do ano em todo o mundo. A experiência na China deu um gosto de “quero mais” ao atleta que foi o mais novo entre os finalistas dos 50m livre.

"Eu só precisava ter repetido o tempo de ontem. Talvez tenha pesado um pouquinho a raia quatro. Precisava que o maiô ragasse de novo – brincou – mas está bom, meu primeiro mundial. Acho que dava pra ter pego esta medalha. Quando chegar nas Olimpíadas, as coisas vão ser mais simples de lidar", afirmou.

Por escolha popular, Cesar Cielo será o representante da América do Sul na cerimônia de encerramento, que acontecerá às 21 horas de domingo, 31/07, em Xangai, e 10 horas do mesmo dia em Brasília.

Cesar Cielo Filho – Medalhas em Mundiais da FINA

Xangai 2011 (Longa)
Ouro – 50m Borboleta
Ouro – 50m livre
Dubai 2010 (Curta)

Ouro – 50m livre
Ouro – 100m livre
Bronze – 4x100m livre
Bronze – 4x100m medley
Roma 2009 (Longa)

Ouro – 50m livre
Ouro – 100m livre
Indianápolis 2004 (Curta)

Prata – 4x100m livre

Melhores performances de 2011

Cesar Cielo – Bra – 21s52

Cesar Cielo – Bra – 21s66

Bruno Fratus – Bra - 21s76

Fred Bousquet – 21s78

Luca Dotto – Ita – 21s90

Resultados finais – 7º dia – 30/07/2011

50m borboleta F  = 1) Inge Dekker – Holanda – 25s71 /  2) Therese Alshammar – Suécia – 25s76 /  3) Melanie Henique – França – 25s86
50m livre M = 1) Cesar Cielo – Brasil – 21s52 / 2) Luca Dotto – Itália – 21s90 /  3) Alain Bernard – França – 21s92 / 5) Bruno Fratus – Brasil – 21s96
Semifinal 50m peito F (melhor desempenho) = Jessica Hardy – EUA – 30s40
200m costas F  =  1) Melissa Franklin – EUA – 2m05s10  /  2) Belinda Hocking – Austrália – 2m06s06  /  3) Sharon Van Rouwendaal – Holanda  - 2m07s78
100m borboleta M  =  1) Michael Phelps – EUA – 50s71 / 2) Konrad Czerniak – Polônia – 51s15  /  3) Tyler McGill – EUA – 51s26
Semifinal 50m livre F (melhor desempenho)  = Ranomi Kromowidjojo – Holanda – 24s56
Semifinal 50m costas M (melhor desempenho) = Liam Tancock – Grã-Bretanha – 24s62
800m livre F = 1) Rebecca Adlington – Grã-Bretanha – 8m17s51 /  2) Lotte Friis – Dinamarca – 8m18s20  /  3) Kate Ziegler – EUA – 8m23s36
4x100m medley F = 1) EUA (Natalie Coughlin, Rebecca Soni, Dana Vollmer e Melissa Franklin) – 3m52s36 /  2) China (Jing Zhao, Liping Ji, Ying Lu e Yi Tang) – 3m55s61  /  3) Austrália (Belinda Hocking, Leisel Jones, Alicia Coutts e Merindah Dingjan) – 3m57s13  

Eventos esportivos / Entidades Mundiais

Rugby campeão

Brasil é campeão do Sul-Americano 6 Nações

 
 

 

 
Mascotes

Mais lidas da semana

Curta - EA no Facebook