Pegada do Bem destaca exemplos de cidadania com o esporte em BH

Padrinho Claudinei Quirino fala sobre importância das doações / Foto: Luiz Doro/adorofotoPadrinho Claudinei Quirino fala sobre importância das doações / Foto: Luiz Doro/adorofoto

Belo Horizonte - O Brazil Run Series/Circuito de Corridas Caixa mostrou mais uma vez que o caminho do esporte pode ser uma força transformadora na sociedade. Durante toda a temporada 2015 a campanha Pegada do Bem despertou o que há de melhor nas pessoas com doações de tênis para que os futuros atletas possam ter um início no esporte. 
 
Em Belo Horizonte, o número de doações encheu o recipiente da campanha com tênis destinados aos jovens alunos do projeto do Centro de Treinamento Esportivo da Universidade Federal de Minas Gerais, a UFMG.
 
"A corrida mudou minha vida. É uma coisa que vicia no bom sentido. Eu estou na minha oitava prova. Se mudou a minha rotina, por que não fazer isso pelo outro que não tem o recurso? O esporte é isso. Saúde, harmonia. Não tive hesitação, quando terminei o Circuito Caixa, ao deixar o meu par para o Pegada do Bem", disse Cleber Aparecido da Costa, que nem esperou o fim da prova e levou a sua doação para o Espaço Pegada do Bem. 
 
O padrinho do Brazil Run Series/Circuito Caixa, Claudinei Quitino, subiu ao pódio, pegou o microfone e reforçou o recado da importância do projeto que atende esportistas em várias partes do país. "Quando você doa para uma criança, um jovem que está começando no esporte, ele sente esperança com a vida. Eu morei e fui criado em orfanato e ganhei um tênis doado. Isso me deu mais forças para vencer na vida, tendo o esporte como base". A fala do medalhista olímpico comoveu os atletas que ali mesmo tiraram seus tênis e levaram ao Espaço Pegada do Bem. 
 
Centro de Treinamento Esportivo beneficiado - O Prof. Leszek Szmuchrowski, polonês de nascimento, mas brasileiro de coração, coordena um projeto esportivo na UFMG (Universidade Federal de Minas Gerais) voltado para a iniciação esportiva. O acadêmico ficou muito feliz que sua ação tenha sido contemplada pela Pegada do Bem. 
 
"Avaliamos para o projeto cerca de 7 mil meninos e meninas que querem ser atletas e não têm condições de arcar com o básico que é um tênis. A campanha do Circuito Caixa é uma boa ideia e quando me falaram que nós poderíamos nos beneficiar, fiquei surpreso e agradecido com esse tipo de doação. Os tênis doados certamente vão servir para os iniciantes. Eu mesmo doei todos que tinha em meus armários. Mas, são muitos meninos e meninas que precisam. Vida longa para oa Pegada do Bem", finalizou o Professor Leszek. 
 
Outros bons exemplos - O clima de doação para superar os próprios limites e de solidariedade marcaram o Brazil Run Series/Circuito Caixa de Corridas. Mas foi muito além. Houve pai de gêmeos levando os pequenos para sentirem o gosto do esporte desde o berço, uma jovem senhora na cadeira de rodas sendo levada pelo irmão e até senhoras acima dos 80 anos com pique que muitos jovens não possuem. 
 
"Eu não corri mais porque o meu filho e meu neto pediram para pegar leve. É a terceira vez que corro e me sinto muito bem. Nas duas primeiras foi um pouco cansativo, mas depois que peguei o jeito, não parei mais. E, se pudesse teria corrido mais uns 5 km", disse Maria das Neves do Amaral, 83 anos, que ao fim da prova estava com o fôlego intacto.
 
Doze anos de Brazil Run Series/Circuito Caixa - Realizado desde 2004, o circuito conta com a chancela da Confederação Brasileira de Atletismo (CBAt), e passa por quatro das cinco regiões brasileiras. A competição já teve 11 etapas neste ano, em Uberlândia (30/5), Goiânia (7/6), Salvador (28/6), Campo Grande (12/7), Fortaleza (2/8), Recife (9/8), Porto Alegre (30/8), Brasília (13/9), Ribeirão Preto (27/9), Curitiba (18/10) e Belo Horizonte (15/11). A última etapa será em São Paulo (22/11). As 12 corridas somam pontos para o Ranking CBAt/Caixa de corredores de rua. Os dez primeiros colocados no ranking, no masculino e no feminino, garantem o patrocínio da Caixa para 2016.
 
 
 
 

Eventos esportivos / Entidades Mundiais

Rugby campeão

Brasil é campeão do Sul-Americano 6 Nações

 
 

 

 
Mascotes

Mais lidas da semana

Curta - EA no Facebook