Brasilienses buscam pódio em casa no Brazil Run Series

Lorena Nunes, promessa do atletismo brasiliense / Foto: Rodrigo OliveiraLorena Nunes, promessa do atletismo brasiliense / Foto: Rodrigo Oliveira

São Paulo - A briga pela vitória da penúltima etapa do Brazil Run Series/Circuito de Corridas Caixa contará com nomes fortes do atletismo de Brasília, cidade que já revelou Joaquim Cruz, Carmem Oliveira e Marílson Gomes dos Santos. 
 
Entre os representantes locais na prova deste domingo (23), estarão Flávio Guimarães, campeão sul-americano de meia-maratona, e Josiane Xavier, pódio em quatro corridas nesta temporada. Jovem promessa brasiliense, Lorena Nunes Alves é uma das atletas do Clube de Atletismo de Sobradinho (CASO) no pelotão de elite. A disputa terá largada às 8 horas no Eixo Rodoviário Sul, altura da quadra 106, e percursos de 5 km e 10 km.
 
"O Brazil Run Series/Circuito de Corridas Caixa é um dos melhores e mais importantes circuitos de rua do Brasil, com atletas de nível muito alto. Será uma oportunidade de avaliar o meu desempenho diante desses fundistas", explica Flávio Guimarães, atleta da Pé de Vento. "Estou numa boa forma e acredito que posso vencer, até por correr em casa e conhecer bem toda a região."
 
Após a etapa de Brasília, Flávio deve descansar e se preparar para a Corrida de São Silvestre. Mas o fundista já pensa na próxima temporada. "Quero disputar uma maratona em abril de 2015 e melhorar minha marca nessa distância", diz.
 
Entre as mulheres, o destaque brasiliense é Josiane Xavier, irmã de Rosiane, que segue em 10º lugar do ranking brasileiro de corrida de rua. "A genética da família é boa", garante o treinador Liomar Vieira. "A Josiane é uma atleta ainda jovem e está em boa fase nesta temporada. Correu cinco provas, venceu três e terminou as outras entre as cinco primeiras. E está muito determinada para vencer a corrida deste domingo". A última vitória da fundista foi na Corrida das Pontes do Distrito Federal, no dia 9, percorrendo os 9 km em 35 minutos.
 
Celeiro de talentos - Ex-treinador de Carmem Oliveira, João Sena segue descobrindo talentos do esporte no Distrito Federal, à frente do Centro de Atletismo de Sobradinho, o CASO. Entre os jovens fundistas de elite do clube que disputarão a prova deste domingo (23) em Brasília, Lorena Nunes Alves chama atenção. "Ela disputou os Jogos Escolares, nesta temporada, e já fez tempos menores do que a Carmem na idade dela", destaca o técnico.
 
Herói do Atletismo em Brasília - Claudinei Quirino será o padrinho da penúltima etapa do Brazil Run Series/Circuito de Corridas Caixa. Menino pobre de Lençóis Paulistas (SP), cresceu em um orfanato e superou diversos obstáculos físicos e financeiros para se tornar um dos maiores velocistas do atletismo brasileiro. Medalha de prata nos Jogos Olímpicos de Sydney/2000 com a equipe brasileira do revezamento 4x100 m, Claudinei também conquistou o bronze na prova no Mundial de Sevilha/1999, além do bronze e da prata nos 200 m nos mundiais de Atenas/1997 e Sevilha/1999, respectivamente. Na categoria, ainda foi campeão dos Jogos Panamericanos de Winnipeg/1999.
 
Hoje integrante do programa Heróis do Atletismo da Caixa, que busca fomentar o atletismo entre crianças e adolescentes brasileiros, Claudinei terá um encontro com 100 crianças do projeto Conhecer para Aproximar, nesta sexta-feira (21), às 9 horas, no 20º Batalhão de Polícia Militar (Quadra 33, AE 02, Lt 05 - Paranoá - DF). O projeto foi criado há cinco anos para atender crianças e adolescentes de comunidades carentes das cidades do Paranoá e Itapoã. No domingo (23), o ex-velocista ainda dará a largada da prova e participará da premiação aos vencedores.
 
Pegada do Bem - Na esteira do Brazil Run Series/Circuito de Corridas Caixa, a campanha Pegada do Bem já arrecadou tênis para jovens atletas carentes das dez cidades por onde a competição passou nesta temporada. O objetivo é incentivar a prática do atletismo em regiões mais carentes. Em Brasília, duas instituições dirigidas por nomes fortes do esporte no Distrito Federal serão beneficiadas: o Instituto Joaquim Cruz, do campeão olímpico dos 800 metros, e o Centro de Atletismo de Sobradinho (CASO), de João Sena, ex-técnico de Carmem Oliveira, ainda hoje detentora de oito recordes brasileiros. 
 
As doações de tênis usados poderão ser feitas no domingo (23), na tenda de retirada de chip montada na arena de largada da prova, a partir das 7 horas. Os pares arrecadados serão entregues no mesmo dia, durante a cerimônia de premiação.
 
O Circuito Caixa já teve etapas em Salvador (13/4), Uberlândia (03/5), Campo Grande (11/5), Belo Horizonte (25/5), Goiânia (08/5), Fortaleza (3/8), Recife (10/8), Porto Alegre (31/8), Ribeirão Preto (11/10) e Curitiba (19/10). O encerramento será em São Paulo (27/10). Presente em quatro das cinco regiões brasileiras, o evento conta com a chancela da Confederação Brasileira de Atletismo (CBAt). As 12 provas somam pontos para o Ranking CBAt/Caixa de corredores de rua. Os dez primeiros colocados no ranking, no masculino e no feminino, garantem o patrocínio da Caixa para 2015.
 

Eventos esportivos / Entidades Mundiais

Rugby campeão

Brasil é campeão do Sul-Americano 6 Nações

 
 

 

 
Mascotes

Mais lidas da semana

Curta - EA no Facebook