Brasil conquista 14 medalhas no Sul-Americano Sub-19

 Brasil conquista 14 medalhas no Sul-Americano Sub-19 /  Foto: Divulgação/CBPM Brasil conquista 14 medalhas no Sul-Americano Sub-19 / Foto: Divulgação/CBPM

Uruguai - A delegação brasileira que participou do Campeonato Sul-Americano Sub-19 de Pentatlo Moderno voltará do Uruguai, onde a competição foi realizada, com 14 medalhas na bagagem. Os 12 pentatletas que participaram do torneio, realizado na sexta e no sábado, 29 e 30 de novembro, em Montevidéu, conquistaram cinco ouros, três pratas e seis bronzes. Cada atleta subiu no pódio pelo menos uma vez.
 
O torneio aconteceu no Complejo Deportivo del Ejército e contou com nomes de cinco países (Argentina, Brasil, Chile, Uruguai e Peru). A competição teve disputas em todas as categorias de base da modalidade olímpica (sub-19, sub-17, sub-15, sub-13, sub-11 e sub-9). O Brasil medalhou em todas as categorias nas quais teve representante.
 
“Foi uma competição ímpar. Atingimos nosso objetivo do ano com essa categoria. Todos melhoraram as suas marcas e fizeram suas melhores performances. Foi excelente”, avalia o coordenador-técnico da Confederação Brasileira de Pentatlo Moderno (CBPM) no Rio de Janeiro, Fábio Corrêa, que chefiou a delegação. “A organização da prova também foi muito boa. Fomos muitíssimo bem acolhidos. Tivemos uma performance exuberante com um acolhimento perfeito”.
 
Fair Play - Além das 14 medalhas, a delegação brasileira no Uruguai também foi protagonista de um gesto de fair play, sendo reverenciada por isso. Na prova da natação, Marcela Mello, de 15 anos, completou os 200 metros estilo livre em 2min16s, mas a organização divulgou o tempo dela como sendo 2min12s. 
 
“Depois que ela nadou, ficamos de olho no desempenho dos outros atletas, até que ela viu que o resultado oficial dela saiu como se ela tivesse nadado em 2min12s. Foi então que ela avisou que estava errado e comunicamos à organização”, conta Fábio.
 
Para homenagear o belo gesto da pentatleta, a organização da competição deu a ela a faixa da chegada do laser-run.
 
A delegação que esteve em Uruguai também contou com os técnicos Almir Claudino, de Pernambuco, e Odenir Fonseca, de São Paulo. Dos 12 pentatletas, oito foram revelados no PentaJovem, projeto que a CBPM mantém para a descoberta e formação de novos nomes na modalidade. De todos eles, Matheus Nobre e Carlos Assis recebem o benefício da Bolsa Atleta do Ministério da Cidadania. 
 
Depois do Sula Sub-19, os pentatletas brasileiros já se preparam para o Campeonato Brasileiro, que será realizado nos dias 13 e 14, no Colégio Militar do Rio.
 
Medalhas 
 
SUB-19
Individual feminino: Marcela Mello (ouro) e Maria Eduarda Costa (prata)
Individual masculino: Matheus Romanelli (ouro) e Matheus Nobre (prata)
Revezamento misto: Marcela Mello e Matheus Romanelli (ouro)
Revezamento masculino: Andrey Mariano e Carlos Assis (ouro)
Equipe feminina: Marcela Mello, Maria Eduarda Costa e Raphaela Silva (ouro)
Equipe masculina: Matheus Romanelli, Matheus Nobre e Carlos Assis (ouro)
 
SUB-17
Revezamento misto: Maria Eduarda Costa e Nicholas Medeiros (bronze)
 
SUB-15
Individual masculino: Rômulo Bandeira (prata)
Equipe masculina: Rômulo Bandeira (bronze)
 
SUB-13
Individual masculino: Kaio Bandeira (bronze)
Revezamento misto: Isabela Zucchi e Kaio Ribeiro (bronze)
Equipe feminina: Ana Clara Silva e Isabela Zucchi (bronze)
 
Delegação Brasileira 
 
Masculino
Matheus Nobre – 18 anos
Matheus Romanelli - 18 anos
Carlos Assis - 17 anos
Andrey Mariano - 15 anos
Nicholas Medeiros – 15 anos
Rômulo Neto - 13 anos
Kaio Ribeiro – 11 anos
 
Feminino
Raphaela Silva - 18 anos
Marcela Mello - 15 anos
Maria Eduarda Costa – 13 anos
Ana Clara Ferreira – 11 anos
Isabela Zucchi – 10 anos
 
Eventos
 
Sub-19 (17 e 18 anos): natação, esgrima e laser-run
Sub-17 (15 e 16 anos): natação e laser-run
Sub-15 (13 e 14 anos): natação e corrida
Sub-13 (11 e 12 anos): natação e corrida
Sub-11 (9 e 10 anos): natação e corrida
Sub-9 (abaixo de 9 anos): natação e corrida
 
 

Eventos esportivos / Entidades Mundiais

Curta - EA no Facebook