Argentina vence no tiebreak e Brasil perde última chance de ouro

Brasil x Argentina. Final do Vôlei Masculino no Pan de Toronto / Foto: Danilo Borges / ME / brasil2016.gov.brBrasil x Argentina. Final do Vôlei Masculino no Pan de Toronto / Foto: Danilo Borges / ME / brasil2016.gov.br

Rio de Janeiro - Oficialmente, os Jogos Pan-Americanos de Toronto 2015 só chegarão ao fim na noite deste domingo (26.06), com a cerimônia de encerramento da competição, no Rogers Centre.

Mas, em se tratando de esportes, as disputas terminaram no fim desta tarde com o duelo de vôlei masculino entre Brasil e Argentina. Os dois times entraram no Hall A do Exhibition Centre com a arquibancada lotada de torcedores, a maioria apoiando os brasileiros, para jogar pela última medalha de ouro do Pan, que acabou indo parar no pescoço dos argentinos.
 
A Seleção Brasileira, dona de quatro ouros em Jogos Pan-Americano, não começou bem. Os rivais lideraram o placar desde o início do primeiro set com uma vantagem que oscilou entre três e quatro pontos. O Brasil chegou a encostar no fim, mas não evitou a derrota por 25/23.
 
No segundo set a equipe do técnico Rubinho voltou disposta a mudar a situação. Jogando com mais intensidade no ataque e defendendo melhor, o Brasil se impôs e venceu por 25/18.
 
Depois disso, veio a virada. Mantendo a força do segundo set, o Brasil não teve problemas para fechar por 25/19 e dar o segundo passo rumo ao topo do pódio.
 
Embalados pelos dois sets anteriores, o Brasil seguiu dando as cartas no quarto set até a metade da parcial. A Seleção abriu seis pontos de vantagem (12/6), mas os argentinos empataram em 17/17 e adicionaram mais emoção ao duelo, que seguiu equilibrado até o fim. Os rivais, então, viraram para 25/23, para desespero da torcida brasileira em Toronto, empataram em 2 x 2 e levaram a decisão do ouro para o tie-break.
 
No desempate, os argentinos ajustaram defesa e bloqueio e abriram 3/0, complicando a vida do Brasil. Rubinho pediu tempo, mas a vantagem de três pontos não baixou e na virada de lado os argentinos lideravam por 8/5. Depois disso, só deu Argentina, que fechou em 15/7 e levou o ouro, adiando o sonho do quinto título vôlei masculino do Brasil no Pan.
 
Acompanhe o retrospecto da Seleção Brasileira masculina de vôlei no Pan de Toronto:
 
17.07
Brasil 3 x 0 Colômbia
26/16, 25/13 e 25/16
 
19.07
Brasil 2 x 3 Cuba
20/25, 25/18, 23/25, 25/22 e 11/15
 
21.07
Brasil 3 x 0 Argentina
29/27, 25/21 e 25/22
 
24.07
Brasil 3 x 0 Porto Rico
25/16, 25/17 e 25/23
 
26.07
Brasil 2 x 3 Argentina
25/23, 18/25, 19/125, 26/24 e 15/
 
Medalhas
 
A Seleção Brasileira masculina de vôlei não foi a única a competir no último dia do Pan de Toronto. Pela manhã, o Brasil disputou a prova dos 50km da marcha, mas os atletas não subiram ao pódio. Claudio dos Santos terminou em oitavo e Jonathan Riekmann abandonou a prova.
 
Com isso, o Brasil volta para casa tendo assegurado o terceiro lugar no quadro de medalhas e cumprido o objetivo de terminar entre os top 3. Os Estados Unidos lideraram, com 265 pódios (103 ouros, 81 pratas e 81 bronzes), seguidos do Canadá, com 217 medalhas (78 ouros, 69 pratas e 70 bronzes).
 
O Brasil faturou 141 medalhas, coincidentemente o mesmo número da edição de 2011 dos Jogos Pan-Americanos, disputados em Guadalajara. A diferença ficou por conta do número de medalha de ouro dos brasileiros. Se no México, há quatro anos, foram 48 ouros, 35 pratas e 58 bronzes, desta vez a delegação do país volta para casa com 41 ouros, 40 pratas e 60 bronzes.
 
Apesar da diminuição no número de ouros em relação a 2011, o Brasil conseguiu no Canadá um feito importante: pela primeira vez em 48 anos o país termina o Pan com vantagem sobre Cuba no quadro em relação às medalhas douradas. Os cubanos deixam Toronto com a quarta melhor campanha da competição, com 97 pódios (36 de ouro, 27 de prata e 34 de bronze). Em Guadalajara, Cuba foi o segundo colocado, com 136 medalhas (58 ouros, 35 pratas e 43 bronzes).
 
 
 

Eventos esportivos / Entidades Mundiais

Rugby campeão

Brasil é campeão do Sul-Americano 6 Nações

 

 

 
Mascotes
Curta - EA no Facebook