Ayele Abshero vence a Maratona de Dubai com o 4º melhor tempo da história

Ayele Abshero, da Etiópia, foi o grande vencedor da Maratona Internacional de Dubai e ficou mais perto de Londres 2012 / Foto: Divulgação Ayele Abshero, da Etiópia, foi o grande vencedor da Maratona Internacional de Dubai e ficou mais perto de Londres 2012 / Foto: Divulgação Dubai - Ayele Abshero, da Etiópia, foi o grande vencedor da Maratona Internacional de Dubai, disputada na sexta-feira, dia 27 de Janeiro, nos Emirados Arabes. Além de vencer a prova, Abshero conseguiu se tornar o vencedor mais rápido do mundo em uma estreia e estabelecer o quarto melhor tempo da história em maratonas, ao cruzar a linha de chegada em 2 horas 04 minutos e 23 segundos.

O ex-campeão mundial júnior de Cross Country (2009), também conseguiu uma outra façanha com o resultado: virou a grande aposta da Etiópia e agora é o favorito para disputar a Maratona Olímpica em Londres 2012. 

O jovem etíope, de apenas 21 anos, ainda comemorou outros dois excelentes resultados. Por causa do rítmo forte, viu os compatriotas Dino Sefir e Markos Genetica completarem a prova na segunda e terceira posição, respectivamente, com recordes pessoais. Sefir chegou em 2 horas 04 minutos e 50 segundos e Markos completou o percurso 4 segundos depois.

Os quenianos, que normalmente ganhavam tudo, tiveram que se contentar com o quarto lugar, conquistado por Jonathon Maiyo, com a marca de 2 horas 04 minutos e 56 segundos. O favorito Martin Lel, caiu fora do pelotão principal antes da marca de 30 km, mas seguiu em frente para terminar a prova na 35ª posição, com o tempo de 2 horas 34 minutos e 57 segundos. 

A prova - Um início relativamente calmo, seguido por uma aceleração gradual garantiu que um grande grupo de mais de 30 homens chegassem no meio caminho com o tempo de 1 hora 02 minutos e 22 segundos. O pelotão ficou bem reduzido na marca dos 30 quilômetros, com cinco finalistas brigando pela vitória. Próximo a marca dos 40 quilômetros, Abshero atacou e conseguiu cruzar a linha de chegada na primeira colocação.

As condições climáticas estavam perfeitas para a disputa da Maratona Internacional de Dubai, com 12ºC (55ºF), registrada as 07h00, na hora da largada, até a chegada, que aconteceu pouco antes das 09h20, onde os termômetros registravam apenas alguns graus a mais. Além disso, o clima temperado, a falta de vento, e os milhões de dólares em prêmio, também contribuiram para que 14 homens completassem o percurso olímpico com a incrível marca de 2 horas e 08 minutos.

Depois da prova, o campeão disse que pretendia bater chegar perto do recorde mundial naquela manhã. "Eu pensei que eu poderia correr 02:04 hoje", disse ele, "mas é difícil fazer planos para sua primeira maratona, realmente eu não sabia o que ia acontecer. Mas estou muito feliz. Estou agora como número um da Etiópia e eu acho que os Jogos Olímpicos podem ser para mim também."

O melhor tempo de toda história em maratonas é do queniano Patrick Makau, com o seu recorde mundial de 2 horas 03 minutos e 38 segundos. A marca foi conquistada em 2011, durante a Maratona de Berlim.

Outro queniano,  Kipsang Wilson, com o tempo de 02 horas 03 minutos e 42 segundos, é quem tem a segunda melhor marca. Ele conquistou o ótimo tempo na Maratona de Frankfurt, em 2011. 

Haile Gebrselassie, da etiópia tem o terceiro melhor do mundo. Ele conseguiu a marca durante a disputa da Maratona de Berlim em 2008, completando a prova em 02 horas 03 minutos e 59 segundos.

Mulheres - Além da vitória no masculino, os etíopes também puderam comemorar a vitória entre as mulheres. Asefelech Mergia defendeu o título conquistado ano passado em Dubai e com o recorde pessoal de 2 horas 19 minutos e 31 segundos foi a grande vencedora da prova feminina. A queniana estreante Lucy (Wangui) Kabuu foi muito bem e terminou a prova apenas 3 segundos depois da vencedora. Mare Dibaba, também da Etiópia, terminou em terceiro, com a marca de 2 horas 19 minutos e 52 segundos.

Os três segundos de diferença no final da prova foram explicados por Mergia logo depois da premiação. "Eu conhecia o percurso, então eu me senti confiante. Eu me preparei bem e estou muito satisfeita com esse tempo de 2 horas e 19 minutos. Agora tenho o melhor tempo da Etiópia e espero ser selecionada para os Jogos Olímpicos."

A exemplo de Ayele Abshero, Mergia também ganhou o maior prêmio do mundo dado a um maratonista e engordou a conta bancária em US $ 250.000 pelo segundo ano consecutivo. As mulheres também fizeram bonito e nove delas terminaram a prova com o tempo abaixo de 2 horas e 25 minutos. 

RESULTADOS

Masculino

1. Ayele ABSHERO, ETH 2.04.23 250 mil dólares

2. Dino SEFIR, ETH 2.04.50 100 mil

3. Markos genetica, ETH 2.04.54 50 mil

4. Jonathon MAIYO, KEN 2.04.56 25 mil

5. Tadese Tola, ETH 2.05.10 15 mil

6. Yami DADI, ETH 2.05.41 14 mil

7. Abdullah Dawit, ETH 2.05.42 13 mil

8. Desressa CHIMSA, ETH 2.05.42 12 mil

9. Seboka Tola, ETH 2.06.17 11 mil

10. Yemane Tsegay, ETH 2.06.29 10 mil

Feminino

1. Aselefech MERGIA, ETH 2.19.31 250,000 $

2. Lucy KABUU, KEN 2.19.34 100 mil

3. Mare Dibaba, ETH 2.19.52 50 mil

4. Bezunesh Bekele, ETH 2.20.30 25 mil

5. Aberu Kebede, ETH 2.20.33 15 mil

6. Lydia Cheromei, KEN 2.21.30 14 mil

7. Sharon CHEROP, KEN 2.22.39 13 mil

8. Atsede BAYSA, ETH 2.23.13 12 mil

9. Mamitu Daska, ETH 2.24.24 11 mil

10. Isabella ANDERSSON, SWE 2.25.41 10 mil

Eventos esportivos / Entidades Mundiais

Rugby campeão

Brasil é campeão do Sul-Americano 6 Nações

 
 

 

 
Mascotes
Curta - EA no Facebook