Não foi o suficiente

Fernando Reis sai dos Jogos de Londres sem medalha no levantamento de peso/ Foto: Daniel Ramalho/AGIF/COBFernando Reis sai dos Jogos de Londres sem medalha no levantamento de peso/ Foto: Daniel Ramalho/AGIF/COB

Londres- Fernando Reis levantou 400kg – 180kg no arranque e 220kg no arremesso – na tarde desta terça-feira, 7 de agosto, no Excel Center, pela prova de levantamento de peso da categoria pesado (+ 105kg) dos Jogos Olímpicos de Londres. Para as pessoas normais, uma marca impressionante. Mas entre os que lutam pela posição de homem mais forte do mundo, não foi o suficiente. O brasileiro sai de Londres sem medalha, mas com projetos para 2016.
 
“Levantei 410kg nos Jogos Pan-Americanos de Guadalajara, fui melhor do que aqui”, disse ele, medalhista de ouro em Guadalajara. “Desta vez, entrei com o joelho esquerdo machucado e não deu. Mas foi positivo para ganhar experiência. Essa não é a minha Olimpíada. A minha Olimpíada é a de 2016”, comentou o atleta, de 22 anos, referindo-se à idade em que atletas da modalidade costumam chegar a seu auge, entre os 26 e os 30 anos.
 
Fernando acredita que conseguiria levantar 420kg se não estivesse lesionado. Ainda assim, ficaria longe da medalha. “São quatro anos para trabalhar, muito ainda precisa ser feito. Hoje, com 440kg você conquista uma medalha. Ouro, com 450, 455kg. Minha meta para 2016 é essa, levantar acima dos 440kg”, afirmou.
 
Para chegar lá, Fernando diz precisar de três coisas: mais estrutura, a possibilidade de fazer períodos de treinamento no leste europeu e ganhar peso. Os 140kg que peso atualmente não bastam. “Eu compito com uns caras enormes. Para chegar bem nos Jogos do Rio, mas não tão gordo, quero estar com 150, 155kg”, conta.