A nova geração de técnicos de Canoagem Velocidade do Brasil

Desde o ano passado a Confederação Brasileira de Canoagem (CBCa) em parceria com o Programa Solidariedade Olímpica (SOI/COB) realiza no Brasil programas para a Formação e Desenvolvimento de Treinadores de Canoagem Velocidade  / Foto:  Divulgação Desde o ano passado a Confederação Brasileira de Canoagem (CBCa) em parceria com o Programa Solidariedade Olímpica (SOI/COB) realiza no Brasil programas para a Formação e Desenvolvimento de Treinadores de Canoagem Velocidade / Foto: Divulgação São Paulo - Desde o ano passado a Confederação Brasileira de Canoagem (CBCa) em parceria com o Programa Solidariedade Olímpica (SOI/COB) realiza no Brasil programas para a Formação e Desenvolvimento de Treinadores de Canoagem Velocidade.

O principal objetivo da iniciativa que atende atualmente mais de 40 novos técnicos é criar uma padronização sistemática da metodologia de ensino da Canoagem Velocidade no país promovendo em uniformidade o desenvolvimento de novos técnicos brasileiros, além é claro, preparar a modalidade e seu corpo profissional para os Jogos Olímpicos dos próximos anos.

O segundo módulo do Curso de Formação de Treinadores de Canoagem Velocidade aconteceu entre os dias 27 de Fevereiro a 10 de Março na Universidade de São Paulo, no campus da capital paulista, possibilitando uma maior imersão dos alunos, os quais em sete dias durante mais de 8hs diárias foram submetidos às provas teóricas, práticas e orientação para a entrega do trabalho de conclusão do curso.

“Além da aproximação entre aluno e professor, essencial para o melhor desenvolvimento educacional, nós fazemos questão de ter um acompanhamento sistemático do progresso do aluno. Para nos atender nesta questão estruturado uma plataforma didática  de ensino à distância, padronizado pela Federação Internacional de Canoagem – ICF, na qual o aluno a cada 15 dias precisa e realizar uma prova à distância”, explicou Heros Ferreira – Gestor do Programa

Para passar no curso o aluno precisa obter uma média geral nota oito classificada por meio dos encontros (módulos de estudo), das aulas na plataforma didática e do trabalho de conclusão de desenvolvimento (TCD). Após passar em todos os níveis o aluno receberá um Certificado de Conclusão de Curso sob a tutela da Federação Internacional de Canoagem.

Para Heros Ferreria a intenção também é criar uma nova geração de Técnicos Regionais (TR´s) por meio desenvolvimento continuado, os quais terão a oportunidade de aproximar-se aos Técnicos de Seleção (TS´s) e assim universalizar a metodologia de ensino da Canoagem Velocidade em todo o país.

“Os cursos têm duração total de aproximadamente sete meses, mas nosso intuito não é parar por aí. Queremos ter um acompanhamento próximos por meio da integração dos TR´s com o TS´s e assim desenvolver o aprendizado em todo o Brasil”, conclui.

De acordo com Evaldo Malato, presidente da Federação de Canoagem do Estado do Pará e um dos principais nomes do desenvolvimento do esporte no norte do país, a iniciativa de padronizar a linguagem e a didática de ensino da canoagem são fatores de suma importância para o futuro.

“O curso como um todo é fantástico e certamente essa semente dará frutos maravilhosos para a canoagem brasileira. Contudo, há de se destacar que também somos orientados no curso a promover o desenvolvimento do sistema de ensino junto aos nossos monitores locais, criando assim uma grande rede de desenvolvimento. Com certeza, todos crescerão juntos com essa iniciativa”, ressaltou Malato, também aluno do curso.

Em breve também será oferecido o Programa de Desenvolvimento e Formação de Treinadores de Canoagem Slalom e o Curso de Ciência do Esporte. O Curso de Formação de Treinadores de Canoagem Velocidade oferecido pela Confederação Brasileira de Canoagem tem a fundamental parceria com o Programa Solidariedade Olímpica (Comitê Olímpico Brasileiro) com apoio da Universidade de São Paulo (USP) por meio do Prof. Carlos Bezerra de Albuquerque.

Eventos esportivos / Entidades Mundiais

Rugby campeão

Brasil é campeão do Sul-Americano 6 Nações

 
 

 

 
Mascotes
Curta - EA no Facebook