Já garantida nas quartas, Seleção Masculina é superada pela Suécia

Equipe avança pela primeira vez para a próxima fase em uma edição de Jogos Olímpicos / Foto: Inovafoto/Photo&GrafiaEquipe avança pela primeira vez para a próxima fase em uma edição de Jogos Olímpicos / Foto: Inovafoto/Photo&Grafia

Rio de Janeiro - Já classificada para as quartas de final dos Jogos Olímpicos do Rio, a Seleção Masculina de Handebol encerrou, nesta segunda-feira (15), a primeira fase da competição com um resultado negativo.
 
A equipe não fez um bom jogo contra a Suécia e acabou sofrendo com um placar de 19 a 30 (10 a 16 no primeiro tempo). De qualquer forma, a vaga para a próxima etapa já é uma conquista histórica para a Seleção, que avança pela primeira vez em uma edição do campeonato. 
 
Com cinco pontos, o Brasil fecha a fase classificatória na terceira posição da chave B, atrás de Alemanha e Eslovênia com oito. A Polônia garantiu a última vaga para as quartas, ao somar quatro pontos e terminar em quarto. Agora, o Brasil espera o fechamento da rodada para confirmar o oponente da próxima fase, que será disputada na quarta-feira (17).
 
O Brasil teve muita dificuldade no início da partida. A defesa, que é sempre um dos diferenciais da equipe, não funcionou tão bem. Com isso, os suecos puderam se aproximar do gol com uma certa facilidade. Alguns erros de finalização também impediram o time da casa de se acercar mais no placar. 
 
A entrada de Maik no gol no segundo tempo deu um gás a mais para a equipe brasileira. Além de repetir belíssimas defesas de partidas anteriores, ele contribuiu para os contra-ataques mais rápidos que fizeram o Brasil diminuir a diferença. No entanto, a Suécia conseguiu retomar o ritmo e voltou a abrir, sem dar mais chances de recuperação para os anfitriões. 
 
Jordi Ribera, técnico da Seleção Masculina, afirmou que contra a Suécia, o Brasil não conseguiu colocar em prática o potencial que tem demonstrado. "Hoje a Suécia jogou muito bem. Havíamos ganhado deles em algumas ocasiões, mas hoje nos faltou concentração, nos faltou paciência e acho que estamos vivendo uma fase de euforia por ter ganhado da Polônia e Alemanha. Temos um time muito novo, inclusive com quatro atletas que vêm da Seleção Júnior", apontou. 
 
O treinador disse que agora é hora de conter a euforia pelos resultados obtidos contra equipes muito importantes. "Perdemos a oportunidade de vencer o Egito e assim melhorar nossa classificação. Estou feliz com a performance da equipe no campeonato. Antes acreditávamos que os jogos contra a Suécia e contra o Egito seriam os fundamentais para podermos passar de fase, mas chegamos a essa partida hoje já classificados, após dois excepcionais jogos com Polônia e Alemanha. Temos que colocar a cabeça no lugar se quisermos avançar ainda mais." 
 
O jovem armador esquerdo Leonardo Santos, garantiu que a equipe está preparada para a próxima fase, independente do adversário que venha e que, com vontade e foco, pode chegar mais longe. "Temos que dar 200% em quadra porque 100% não está sendo suficiente. Vem um jogo muito duro pela frente, é mata-mata. Nunca queremos perder. Temos que ter um grande objetivo, se pensarmos em ficar em quinto ou sexto, teríamos que parar de jogar. Temos que pensar em ter uma medalha e chegar o mais alto possível. Precisamos nos concentrar para fazer um duelo muito forte nas quartas. Temos que estar confiantes e nos garantir, antes de pensar no adversário. Se entrarmos bem focados no jogo podemos conseguir."
 
Gols do Brasil: José Guilherme (4), Chiuffa (3), Haniel (3), Tchê (2), Alemão (2), Maik (1), ameixeira (1), Lucas (1), Diogo (1) e Léo (1). Gols da Suécia: Stenmalm (6), Gottfridson (5), Andersson (5), Zachrisson (5), Tollbring (3), Nilsson (3), Petersen (2) e Nielsen (1). 
 
Tabela primeira fase - grupo B
 
Domingo (7)
Suécia 29 x 30 Alemanha 
Brasil 34 x 32 Polônia
Eslovênia 27 x 26 Egito 
 
Terça-feira (9)
Alemanha 32 x 29 Polônia 
Brasil 28 x 31 Eslovênia
Egito 26 x 25 Suécia 
 
Quinta-feira (11)
Polônia 33 x 25 Egito 
Brasil 33 x 30 Alemanha
19h50 - Eslovênia x Suécia 
 
Sábado (13)
Eslovênia 25 x 28 Alemanha 
Brasil 27 x 27 Egito
19h50 - Suécia x Polônia 
 
Segunda-feira (15)
Polônia 20 x 25 Eslovênia 
Alemanha 31 x 25 Egito
Brasil 19 x 30 Suécia
 
Quarta-feira (17)
Quartas de final 
 
Sexta-feira (19)
Semifinais 
 
Domingo (21)
Finais 

Veja Também: