Rio Open confirma mais dois top 20 para a edição 2019

Diego Schwartzman / Foto: Joao Pires / FotojumpDiego Schwartzman / Foto: Joao Pires / Fotojump

Rio Janeiro - Nesta quarta-feira, o Rio Open apresentado pela Claro confirmou mais dois top 20 para a edição de 2019. Além do austríaco Dominic Thiem, atual número 8 do mundo e já garantido na competição pelo quarto ano consecutivo, o maior evento esportivo anual do Rio de Janeiro contará com o retorno do atual campeão Diego Schwartzman e do italiano Fabio Fognini, um dos favoritos do público brasileiro, entre 16 e 24 de fevereiro de 2019, no Jockey Club Brasileiro.
 
"Estou muito feliz em jogar o Rio Open novamente, um torneio em que me sinto muito bem, ainda mais voltando como campeão. 2018 foi o melhor ano da minha carreira e, com certeza, o título no Rio me deu a confiança para atingir maiores resultados no restante da temporada. Foi o meu primeiro ATP 500 da carreira e espero poder jogar o meu melhor para repetir o campeonato," disse Schwartzman, comemorando o desempenho e feliz por retornar ao maior torneio de tênis do América do Sul. 
 
Após o título no Rio Open, o argentino de 26 anos seguiu bem no saibro e bateu novas marcas em sua carreira. O atual 17º do mundo fez a sua melhor campanha em Roland Garros, parando nas quartas, e atingiu seu melhor ranking logo após, na 11ª colocação. Schwartzman terminou a temporada de 2018 consolidado no top 20 do tênis mundial pela primeira vez.
 
Quem também retornará ao Rio de Janeiro é o italiano Fabio Fognini. O vice-campeão do Rio Open em 2015 e um dos grandes favoritos do público retornará às terras cariocas pela sexta vez, participando de todas as edições do torneio e sendo o recordista em vitórias na história do Rio Open, com 11 partidas vencidas. No seu melhor ranking da carreira, Fognini espera ter um bom começo de temporada na América do Sul: "Eu sempre jogo muito bem no Rio, é sempre um ótimo começo de ano para mim. Em 2019 quero dar um passo a mais em busca do troféu," declarou o semifinalista da última edição. 
 
O italiano fez uma grande temporada, conquistando os títulos nos ATP 250 de São Paulo, Bastad e Los Cabos, além do vice-campeonato em Chengdu. Com os resultados, Fognini voltou a bater seu melhor ranking, o de 13º, e também acumulou o maior número de vitórias em um ano na sua carreira, terminando 2018 em alta.
 
Luiz Carvalho, diretor do Rio Open, comentou a presença dos três top 20 no torneio: "É muito importante para o Rio Open ter grandes nomes do circuito fazendo presença no torneio, e a edição de 2019 não será diferente, com três top 20. É um privilégio ter nomes como Thiem, Schwartzman e Fognini, que são consolidados no circuito e agradam o público, sempre retornando ao Jockey Club Brasileiro. Mostra que estamos no caminho certo e é garantia de espetáculo para todos os gostos."
 
Em sua sexta edição, o torneio conta com Rafael Nadal (2014), David Ferrer (2015), Pablo Cuevas (2016), Dominic Thiem (2017) e Diego Schwartzman (2018) na galeria dos campeões. O Rio Open faz parte do seleto grupo dos 13 ATP 500, e é um dos três torneios dessa categoria disputados no saibro. Em 2018, distribuiu R$ 6,7 milhões de premiação para os tenistas e contou com 48 mil espectadores. O Rio Open é uma promoção da IMM com realização do ICT.
 
Veja Também: 
 

Eventos esportivos / Entidades Mundiais

Rugby campeão

Brasil é campeão do Sul-Americano 6 Nações

 

 

 
Mascotes
Curta - EA no Facebook