Medalhistas olímpicos confirmam favoritismo no Boxing For You

Esquiva vence argentino novamente  / Foto: Mario PalharesEsquiva vence argentino novamente / Foto: Mario Palhares

São Paulo - A primeira edição do Boxing For You de 2020 foi realizada neste sábado (18), na Arena de Lutas, em São Paulo (SP), com a disputa de seis combates, incluindo as participações dos medalhistas olímpicos Esquiva Falcão e Adriana Araújo.
 
O evento internacional, que teve a chancela da Top Rank, recebeu capacidade máxima de pessoas para assistir às vitórias dos brasileiros no card principal e também a coroação de Eduardo 'Pará' Costa como campeão brasileiro dos Super Penas.
Medalhista de prata na Olimpíada de Londres 2012, Esquiva Falcão fez a luta mais aguardada da noite e venceu o argentino Jorge Daniel Miranda, que desistiu no início do quinto round após sofrer muitos golpes. O capixaba se mantém invicto na carreira com 26 lutas e 26 vitórias.
 
A também medalhista olímpica Adriana Araújo confirmou a posse do cinturão mundial silver em sua divisão ao bater a venezuelana Estheliz Hernandez por decisão unânime (99/91, 98/92 e 98/92). Bronze em 2012, a baiana está no hall de campeões mundiais brasileiros da modalidade. 
 
Na Arena de Lutas, Éder Jofre, maior ídolo do boxe brasileiro, estava na tribuna de honra da para acompanhar os seis combates da noite. Outras personalidades da música, humor e do esporte também prestigiaram o Boxing for You, que mudou a cara da nobre arte no País.
 
''O objetivo é revelar talentos e trazer de volta a relevância do boxe ao Brasil, que estava perdido nos últimos anos'', explicou Marcio Fraccaroli, presidente da Paris Filmes. A próxima edição do Boxing For You será disputada em 4 de abril. A organização confirmou a presença do campeão olímpico Robson Conceição no ringue. O atleta da Top Rank é agenciado por Sergio Batarelli e conta com 13 vitórias em 13 lutas depois que trocou o boxe olímpico pelo profissional em 2016.
 
O B4Y terá em 2020 o total de oito noites de luta e todos os eventos terão transmissão exclusiva do canal FoxSports. ''Temos um calendário anual e com previsão de realização em outros estados do Brasil, não apenas em São Paulo (SP). O próximo a lutar no Boxing for You é o campeão olímpico Robson Conceição'', disse Sergio Batarelli, CEO do Boxing For You.
 
Título fica no Brasil - No co-main event do Boxing For You, a brasileira Adriana Araújo não teve problemas para derrotar a venezuelana Estheliz Hernandez por decisão unânime. A baiana manteve o título Mundial Silver do Conselho Mundial de Boxe na categoria Super-Leves (até 63,5 kg). Após 10 rounds, os jurados marcaram 99 a 91, 98 a 92 e 98/92.
 
A medalhista olímpica dominou as ações, dando poucas chances de contra-ataque para a sul-americana, que perdeu a invencibilidade de seis lutas. Experiente, Adriana Araújo espera agora receber a chance de lutar pelo título linear e coroar sua fase internacional. 
 
''Só Deus sabe o que a gente sofre pra ser campeã'', contou emocionada Adriana Araújo. ''Estou na linha de sucessão para ser a campeã das campeãs. A oportunidade vai chegar''.
 
Adriana, que em anos atrás chegou a fazer UBER para sobreviver, quer ser mais valorizada. ''Quero a igualdade das mulheres no boxe e não vou parar''.
 
Eduardo Pará, o novo campeão brasileiro - O novo campeão brasileiro do Conselho Nacional de Boxe da categoria Super Penas (até 58,9 kg) é o paulista Eduardo Costa 'Pará', que não deu chances ao conterrâneo Benedito Neto. Especializado em nocautes, o pugilista do São Paulo F.C. confirmou o favoritismo e massacrou o adversário derrubando três vezes no segundo round.
 
A equipe de Benedito Neto jogou a toalha aos 2min39. ''Quando você entra preparado, tem que dar nocaute! Evoluí muito nos últimos anos, principalmente após o Boxing For You. Minha mão pesou, mesmo com o adversário mais pesado. O Pará não para!''. O atleta venceu as últimas quatro lutas que disputou no Boxing For You e mostrou que é uma das grandes realidades da nobre arte brasileira. ''Esperei 16 anos para conquistar esse título desde as categorias de base no Centro Olímpico de Treinamento! Vim do amador e agora sou campeão brasileiro. Próximo passo é o sul-americano, continental e mundial''.
 
O cinturão foi entregue pelas mãos de Geyza Caryny, presidente do CNB, e pelo CEO do B4Y, Sergio Batarelli. O são-paulino Pará Costa dedicou o título à torcida tricolor. ''Espero que motive o time do São Paulo a sair da fila de títulos".
 Reviravoltas em seis rounds
 
O duelo entre Matheus Batista e Juscelino Pantoja começou a todo o vapor! Os dois lutadores queriam o nocaute rápido e oscilaram no domínio do combate. Com mais gás no final, o baiano Matheus Batista da Silva Dias reverteu a desvantagem segundo os analistas de boxe e teve melhor sorte após seis rounds e venceu Juscelino Pantoja por decisão majoritária, com placar de 58 a 54, 58 a 56 e 57 a 57.
 
''Foi um combate difícil, peguei um atleta de nível internacional e seleção brasileira. Tinha certeza que sairia do ringue com a vitória e foi assim! Me preparei com muita seriedade para esse combate, para dar esse show. Minha vida é o boxe! Espero ter outras oportunidades'', comemorou Matheus Batista, que treina em Salvador (BA) com Luiz Carlos Dórea. Juscelino Pantoja, que vinha de vitória, tem o astro do UFC José Aldo como um de seus treinadores no Rio de Janeiro (RJ). 
 
Ykaro Silva vence mais uma - A segunda noite do Boxing For You também seguiu linha do combate feminino com muita movimentação no ringue. O pernambucano Ykaro Silva no super-penas (58,967 kg) venceu por pontos o paraense Wendel Rafael, mas os números dos jurados comprovaram a igualdade entre os boxeadores. 
 
A súmula marcou 39/37, 39/37, 38/38 após quatro rounds. ''Ele tinha nome e eu estou chegando agora. Mas meu trabalho está sendo bem feito e valeu pela vitória'', contou o pernambucano Ykaro Silva, que tem 21 anos e treina em Guarulhos.
''Espero ganhar mais projeção no Boxing For You e ajudar a minha família'', completou o atleta de Petrolina (PE).
 
Meninas estreiam em luta equilibrada - O Boxing For You 8 teve duas estreantes no ringue da Arena de Lutas para abrir a programação deste sábado (29). Dar oportunidade para os novatos é uma das características principais do evento, que revolucionou a nobre arte. E não faltou vontade para as meninas na categoria super-galo (até 55,3kg). 
 
Num combate bastante movimentado, a paulista Lila Furtado venceu a paranaense Luana Furtado por decisão majoritária após quatro rounds. Os árbitros deram 40 a 36, 38 a 38 e 39 a 38, resultado que mostrou equilíbrio entre as atletas.
''A adversária é dura, mas Deus me deu essa vitória! Estava confiante, mas estava preparada para ganhar'', disse Lila Furtado, que treina na Coliseu Boxing Center, em Guarulhos (SP).
 
O boxe feminino também recebe apoio da organização do B4Y, que nas últimas edições colocou, pelo menos, um combate entre mulheres, incluindo o apoio à Adriana Araújo, que defendeu seu título mundial silver em São Paulo (SP).
 
As datas de 2020
 
29 de fevereiro
4 de abril
2 de maio
6 de junho
8 de agosto
5 de setembro 
3 de outubro
7 de novembro
 
Veja Também: 
 
 

Eventos esportivos / Entidades Mundiais

Curta - EA no Facebook