Russo perde título por correr maratona após país ser suspenso

Maratona não deverá ter mais a presença dos russos / Foto: Getty ImagesMaratona não deverá ter mais a presença dos russos / Foto: Getty Images

Rio de Janeiro – A suspensão dada pela Iaaf (Federação Internacional de Atletismo) à Rússia após o escândalo de doping protagonizado pelo país já está valendo na prática. Um maratonista russo foi desclassificado após correr uma maratona no Japão, no último domingo, dois dias após a proibição da Iaaf.
 
Viktor Ugarov foi o campeão da prova, disputada em Kanazawa. Segundo a agência de notícias Associated Press, porém, a Iaaf disse que os organizadores da maratona desqualificarão o atleta, tirando dele o título. O russo não receberá também a premiação pela vitória.
 
Tudo indica que Ugarov receberá ainda sanções adicionais por ter driblado a punição do seu país. A Iaaf disse que indicará à federação russa que tome ações adicionais contra seu maratonista.
 
Em outra maratona disputada no Japão, também no domingo, organizadores impediram que a atleta russa Tatyana Arkhipova disputasse a prova. A maratonista, que já tem uma medalha de bronze olímpica, não correu os 42km do evento, em Saitama.
 
Veja Também: