Prova dos 800 m é considerada uma das mais fortes do GP Brasil

Thiago André  / Foto: Carol Coelho/CBAtThiago André / Foto: Carol Coelho/CBAt

São Paulo - A prova dos 800 m masculina tem tudo para ser uma das mais fortes do Grande Prêmio Brasil Caixa de Atletismo, que será disputado no domingo (28/4), no Estádio do Centro Nacional de Desenvolvimento de Atletismo (CNDA), da CBAt, em Bragança Paulista (SP).
 
 Competição de abertura do IAAF World Challenge 2019, a prova tem nada menos do que cinco atletas sub-1:45.00 confirmados no Start List.
 
A principal atração é o etíope Mohammed Aman, campeão mundial de Moscou 2013, que tem 1:42.37, como recorde pessoal. A marca foi alcançada em Bruxelas, na Bélgica, também em 2013. Outro destaque é o queniano Alfred Kipketer, campeão mundial sub-20 em Eugene 2014. Ele tem como melhor marca 1:42.87, obtida em 2016, em Paris, na França.
 
O também queniano Cornelius Tuwei está confirmado para a prova, que terá largada às 14:45. Ele correu este ano em 1:47.76, no Meeting de Villa de Madri, no dia 8 de fevereiro. O recorde pessoal é de 1:43.82, obtido em Mônaco, em 2018.
 
Outros sub-1:45.00 são o ganês Alex Amankwah, que tem 1:44.80, e os brasileiros Thiago do Rosário André (1:44.81) e Kleberson Davide (1:44.21). Thiago André, finalista no Mundial de Londres 2017 busca no GP a qualificação para o Sul-Americano, Pan-Americano e Mundial.
 
“O Thiago focará nos 800 m, uma vez que será a primeira prova do dia. Ele tem treinado muito bem, entretanto, não acertou nas provas que fez no início da temporada. Para alcançar seus objetivos será necessário correr rápido, o que esperamos que aconteça no domingo”, comentou o técnico Ricardo D’Angelo.
 
Thiago está inscrito também nos 1.500 m. “Ele correrá duas horas depois dos 800 m e ele está preparado para isso. Ele torce por uma prova mais tática. O atleta segue focado e treinando duro para alcançar seus objetivos na temporada.”
 
Nos 1.500 m, o atleta fluminense tem 3:35.28, como melhor resultado. A prova tem atletas fortes como os marroquinos Hicham Ouladha (3:35.52) e Younéss Essalhi (3:55.52) e o queniano Michael Kibet (3:36.33).
 
Já nos 3.000 m feminino, o destaque é a queniana Norah Jeruto, naturalizada pelo Kazaquistão. Jeruto correu a prova em 4 de setembro de 2018 em 8:33.61, em Zagreb, na Croácia. A prova conta também com a etíope Beyenu Degefa, campeã mundial sub-20 em Bydgoszcz, na Polônia, com 8:41.76.
 
Os interessados em assistir ao meeting, considerado o principal da América Latina, no estádio do CNDA, podem obter ingressos antecipados na troca por um quilo de alimento, até sábado (27/4), no Garden Shopping Bragança, das 10 às 22 horas. O shopping fica na Rodovia Alkindar Monteiro Junqueira, s/n, km 53, bairro Campo Novo, em Bragança Paulista. É uma forma de ir à competição e também colaborar já que os alimentos serão doados para o Asilo São Vicente de Paulo. Mas o ingresso ao estádio do CNDA é gratuito.
 
A competição começa às 13:30, com a Cerimônia de Abertura. A primeira prova será o lançamento do martelo masculino, às 14 horas. O encerramento está marcado para as 16:50, com a disputa dos 200 m masculino. Serão 17 provas, incluindo duas de exibição para deficientes.
 
Veja Também: 
 
 
 
 

Eventos esportivos / Entidades Mundiais

Rugby campeão

Brasil é campeão do Sul-Americano 6 Nações

 
 

 

 
Mascotes
Curta - EA no Facebook