Polo pernambucano atrai corredores em busca do índice olímpico | Esporte Alternativo - O site de quem pratica esportes !

Polo pernambucano atrai corredores em busca do índice olímpico

Mirela Saturnino (de azul) na disputa pernambucana do ano passado / Foto: Luiz Doro / adorofoto

São Paulo - Longe do eixo Rio-São Paulo, a cidade pernambucana de Garanhuns transformou-se em polo de atletismo para fundistas de elite do Nordeste. O "segredo" está na altitude. Localizada a 1.030 m no Planalto de Borborema, região serrana de Pernambuco, a cidade reúne condições ideais para quem busca os índices olímpicos para os Jogos do Rio de Janeiro/2016, caso de José Márcio Leão e Mirela Saturnino. Em fase de preparação, os dois são destaques da etapa de Recife do Brazil Run Series/Circuito CAIXA, dia 12 de agosto. 

"Treinos em altitude dão mais resistência e deixam os atletas com uma velocidade ‘arretada’, como a gente costuma dizer aqui em Pernambuco. A temperatura média é bem mais amena, em relação a outras regiões do Nordeste. Nos últimos dias, por exemplo, vem fazendo 14 graus. São condições ótimas para os corredores", explica Adegilson Mendes da Silva, o Bingo, treinador um grupo de atletas de elite de Garanhuns, incluindo José Márcio Leão, fundista do Cruzeiro para quem atua como assistente-técnico, detentor do recorde brasileiro do Brazil Run Series/Circuito CAIXA, com 28min51 em 2012, e Mirela Saturnino, quinta colocada na Maratona do Rio de Janeiro deste ano. 
 
Pelas suas características, Garanhuns pode ser comparada a outros polos de treinamento no Brasil como Petrópolis, no Rio de Janeiro, e Campos do Jordão, em São Paulo. De acordo com Bingo, no entanto, o polo pernambucano enfrenta o obstáculo da falta de apoio financeiro. 
 
"Nós temos três atletas aqui em condições de brigar pelos índices olímpicos, o Leão, a Mirela e o Marcos Antônio Pereira. Só na Maratona do Rio, ele já foi campeão, em 2009, segundo e terceiro colocado. Também venceu a Meia Maratona de Aracaju em 2013, quebrando o recorde do Franck Caldeira na prova. O Nordeste como um todo vem formando ótimos atletas. Se você olhar para os resultados da Maratona do Rio, por exemplo, os primeiros colocados são todos nordestinos", aponta Bingo. "Meu sonho é conseguir patrocínio para construir um centro de treinamento aqui, com equipamentos adequados, equipe médica de apoio e materiais de treinamento para os atletas."
 
Pernambucanos no Brasil Run Series/Circuito CAIXA

José Márcio Leão volta à disputa no Recife em busca de mais um pódio. O atleta foi o terceiro colocado em 2014, formando o trio pernambucano no pódio com Ubiratan José, campeão, e Justino Pedro da Silva, vice-campeão. Ao lado dele estarão o maratonista Jair José da Silva e Gleison da Silva Santos, vencedor dos 10 km da Corrida da Fogueira de Campina Grande, neste ano, todos treinados por Bingo. Na elite feminina, Mirela Saturnino é a representante da cidade. 


Veja Também: 

Eventos esportivos / Entidades Mundiais

Rugby campeão

Brasil é campeão do Sul-Americano 6 Nações

 
 

 

 
Mascotes

Mais lidas da semana

Curta - EA no Facebook