Maurren e Fabiana são atrações no Ibirapuera nesta 4ª feira | Esporte Alternativo - O site de quem pratica esportes !

Maurren e Fabiana são atrações no Ibirapuera nesta 4ª feira

Maurren Maggi é uma das atrações do GP São Paulo Caixa 2012/ Foto: Marcelo Ferrelli/CBAt

São Paulo - Mais de 200 atletas de 27 países disputarão as 21 provas do "Grande Prêmio São Paulo/Caixa de Atletismo", no Estádio Ícaro de Castro Melo, no Ibirapuera, na capital paulista, nesta quarta-feira 16, a partir das 17 horas, com entrada livre para o público.

Este ano, novamente grandes duelos são esperados, caso do salto em distância feminino, em que a estrela é a paulista Maurren Maggi, campeã olímpica, que em outubro passado conquistou o tricampeonato no PAN, em Guadalajara, com 6,94 m, sexta melhor marca do mundo em 2011.

Pré-convocada para a Olimpíada de Londres, que terá o torneio de Atletismo a partir de 5 de agosto, Maurren estreou nesta temporada no GP de Belém, na primeira etapa do Brazilian Athletics Tour, e venceu com 6,62 m. Uma de suas rivais será a norte-americana Brianna Glenn, número 11 do mundo, e que venceu em Belém no ano passado com 6,74 m e deixou Maurren na 3ª posição com 6,61 m, atrás ainda da pernambucana Keila Costa, 2ª com 6,62 m. As três são as favoritas para o pódio de amanhã à noite em São Paulo.

Maurren treinou no Ibirapuera e disse se preocupar apenas com o frio. Ela explica: "Não receio a chuva, só o frio. Bem treinada eu estou, já podia ter feito melhor em Belém. Fiquei feliz com a vitória e com o carinho da torcida paraense, que sempre apoia os atletas. Mas agora quero saltar mais, fazer uma marca perto dos 7 metros."

Brianna também chegou animada e falava no saguão do Pestana Hotel que está "muito bem preparada". Disse que só competiu uma vez, fez 6,50 m, "mas saltei fácil, posso fazer melhor aqui". Diplomática, ela apontou Maurren e Keila como "as adversárias mais importantes". Keila já tem índice olímpico no triplo e foi a 2ª no salto em distância em Belém com 6,59 m, mas este ano já saltou 6,63 m no Chile. "Quero obter a qualificação também no salto em distância", disse a atleta que está muito próxima da marca exigida (6,65 m).

Outra atração especial é a campeã mundial do salto com vara, a paulista Fabiana Murer, que faz sua estreia na temporada. Sua última competição foi o PAN 2011, quando ficou em 2º lugar com 4,70 m, um mês depois de ganhar o Mundial de Daegu, com 4,85 m (recorde sul-americano). No PAN, a campeã foi a cubana Yarisley Silva, com 4,75 m, seu recorde pessoal, e que também irá competir em São Paulo.

"Estou treinando há seis meses e bem preparada para esta primeira disputa no ano", diz Fabiana. "A meta nessa estreia é vencer a prova na cidade que eu moro. Minha família e meus amigos estarão presentes. E quero tentar uma marca que me dê a liderança do Ranking Mundial (a líder é a australiana Ala Boyd, com 4,76 m)", conclui. Yarisley saltou 4,62 m este ano e treinou no último mês na Venezuela. Seu treinador, Alexandre Navas, disse que "ela está muito bem e espera fazer uma boa marca".

Nada menos que 54 atletas ranqueados entre os melhores do mundo em suas provas estão confirmados no GP paulistano. E desses, oito são top 10: Fabiana Murer (Brasil) 2ª salto com vara 4,85 m Alexis Copello (Cuba) 5º triplo 17,68 m Yarisley Silva (Cuba) 5ª salto com vara 4,75 m Maurren Maggi (Brasil) 6ª salto em distância 6,94 m Dilshod Nazarov (Tadjkistão) 6º lançamento do martelo 80,14 m Jennifer Dahlgren (Argentina) 7ª lançamento do martelo 73,44 m Oludamola Osayomi (Nigéria) 8ª 100 m 10.99 Yanet Cruz (Cuba) 10ª lançamento do dardo 63,50 m.

No triplo, além de Alexis Copello, também estarão na prova os dois primeiros de 2012: o cubano Osviel Hernández, que tem 17,49 m, e o mineiro Jonathan Henrique, com 17,39 m.

Especial interesse desperta a disputa dos 100 m feminino, já que a nigeriana Oludamola Osayomi tentará o bicampeonato. Em 2011 ela venceu com 10.99, tempo que a deixou entre os top 10 da temporada. "Estou feliz por estar aqui", disse a atleta que terá pela frente a medalhista olímpica Lauryn Williams, dos Estados Unidos.

No GP de Uberlândia, no domingo, Oludamola ganhou os 100 m e Lauryn, os 200 m. Também inscrita a campeã pan-americana Rosângela Santos, que lutará pelo índice olímpico. "O índice é 11.22 e já fiz 11.24 duas vezes este ano", afirmou a velocista. A recordista brasileira Ana Cláudia Lemos (pré-convocada para Londres nos 200 m), com 11.15, também competirá.

Nos 800 m, o paulista Kléberson Davide promete buscar o índice, que é 1:45.92. Nos 100 m masculino, presença do trinitino Emmanuel Callender, ganhador da prova em Belém e Uberlândia.

Programa Horário

17:00 - Lançamento do martelo - masculino
18:00 - CERIMÔNIA DE ABERTURA
18:25 - Lançamento do martelo - feminino
18:30 - 100 m A - masculino / 100 m B - masculino
18:35 - Salto com vara - feminino
18:40 - Arremesso do peso - feminino
18:45 - Salto triplo - masculino
18:50 - 100 m A - feminino / 100 m B - feminino
18:55 - Salto em altura - masculino
19:10 - 800 m - masculino
19:30 - 1.500 m - feminino
19:50 - 5.000 m - masculino
19:35 - Lançamento do disco - masculino
19.40 - Arremesso do peso - masculino
20:20 - 4x100 m - masculino
20:05 - salto em distância - feminino
20:40 - 4x100 m - feminino
20:45 - Lançamento do dardo - feminino
21:00 - 4x400 m - masculino

Eventos esportivos / Entidades Mundiais

Rugby campeão

Brasil é campeão do Sul-Americano 6 Nações

 
 

 

 
Mascotes

Mais lidas da semana

Curta - EA no Facebook