Maranhense vai enfrentar Usain Bolt no Rio de Janeiro | Esporte Alternativo - O site de quem pratica esportes !

Maranhense vai enfrentar Usain Bolt no Rio de Janeiro

O maranhense José Carlos Moreira, o Codó, venceu a bateria masculina e vai ter a chance de enfrentar a lenda do atletismo Usain Bolt / Foto: Thiago DizO maranhense José Carlos Moreira, o Codó, venceu a bateria masculina e vai ter a chance de enfrentar a lenda do atletismo Usain Bolt / Foto: Thiago Diz

Rio de Janeiro - O Desafio Mano a Mano conheceu na manhã deste sábado (18), no Jockey Club Brasileiro, os representantes do Brasil que irão disputar as provas principais do evento no domingo (19). 
 
O maranhense José Carlos Moreira, o Codó, venceu a bateria masculina e vai ter a chance de enfrentar a lenda do atletismo Usain Bolt. Já a carioca Vitória Rosa foi a mais rápida entre as mulheres e conquistou um lugar na final feminina.
 
Para ganhar a oportunidade de competir pela quarta vez ao lado de Bolt, “Codó” correu os 100m rasos em 10s43, deixando para trás os brasileiros Sandro Vianna (10s54), Haiko Zimmermann (11s03) e Fabiano da Silva (12s36). José Carlos Moreira vai enfrentar amanhã o jamaicano Usain Bolt, o norte-americano Ryan Bailey e o holandês Churandy Martina.
 
“É uma satisfação muito grande representar o Brasil dentro de casa. Já dá aquele gostinho de Olimpíadas, ainda mais pela chance de competir amanhã contra três grandes atletas, medalhistas e finalistas olímpicos. Já dá pra sentir como vai ser ano que vem nos Jogos Olímpicos aqui no Rio”, contou animado Codó.
 
Já na prova feminina, a carioca Vitória Rosa, de apenas 19 anos, voou para vencer a prova em 11s80. Aline Sena chegou bem próxima, mas terminou na segunda posição (11s86), seguida por Mirna Silva (12s06) e Lorena Lourenço (12s19). Vitória vai disputar a prova feminina do Mano a Mano amanhã contra as jamaicanas Veronica Campbell Brown e Kerron Stewart e a norte-americana Carmelita Jeter, todas medalhistas olímpicas.
 
"Sempre dou o meu melhor na prova, tentando representar o meu país da melhor forma possível. Essa é uma oportunidade muito importante. O clima está bastante agradável para correr e já estou ansiosa para competir amanhã", falou Vitória.
 
O público acompanhou o encontro de dois atletas detentores de recordes mundiais de atletismo. A corredora cega mais rápida do mundo, Terezinha Guilhermina, campeã paralímpica nos Jogos de Pequim-2008 e Londres-2012, e o astro Usain Bolt, medalha de ouro nos Jogos Olimpicos de Pequim e Londres. O jamaicano guiou a velocista em uma corrida de na pista oficial do Mano a Mano. Terezinha falou sobre a emoção de formar uma dupla com Bolt.
 
“Foi especial demais. Não sabia se ele ia entender meu inglês, mas deu tudo certo. Ele ficou impressionado com o meu tempo e pediu para não corrermos muito. A presença dele veio valorizar ainda mais o esporte paralímpico. Correr com ele tão perto, como um guia, foi singular. Realizei um grande sonho.
 
No domingo, além das provas masculina e feminina, o Desafio Mano a Mano vai ter uma disputa entre os atletas paralímpicos, com a presença do brasileiro campeão paralímpico Alan Fonteles, os norte-americanos Richard Browne e Paul Peterson e o alemão Felix Streng.
 
 
Programação:
 
Domingo – 19/04 - Jockey Club Brasileiro – Praça Santos Dumont, 31.
09h00 – Abertura do portão
10h30 – Desafio Mano a Mano Paralímpico
Alan Fonteles (Brasil)
Richard Browne (Eua)
Paul Peterson (Eua)
Felix Streng (Alemnha)
 
11h – Desafio Mano a Mano Feminino
Veronica Campbell Brown (Jamaica)
Kerron Stewart (Jamaica)
Carmelita Jeter (Eua)
Vitória Rosa (Brasil)
 
11h30 – Desafio Mano a Mano Masculino
Usain Bolt (Jamaica)
Ryan Bailey (Eua)
Churandy Martina (Holanda)
José Carlos Moreira (Brasil)
 
12h – Premiação
12h30 – Encerramento do evento
 
 
Veja Também: 

Eventos esportivos / Entidades Mundiais

Rugby campeão

Brasil é campeão do Sul-Americano 6 Nações

 
 

 

 
Mascotes
Curta - EA no Facebook