Lorraine Martins conquista o tri dos 200m no Brasileiro Caixa Sub-20

Lorraine Martins, tricampeã dos 200 m  / Foto: Wagner Carmo/CBAtLorraine Martins, tricampeã dos 200 m / Foto: Wagner Carmo/CBAt

Bragança Paulista - A carioca Lorraine Barbosa Martins (CET-DEO-RJ) conquistou na manhã deste domingo (2/6) a terceira vitória seguida nos 200 m do Campeonato Brasileiro Caixa Sub-20 de Atletismo, que começou na sexta-feira (31/5), no Estádio do Centro Nacional de Desenvolvimento do Atletismo, na cidade de Bragança Paulista (SP).
 
A velocista, tricampeã também dos 100 m, venceu com 23.58 (-0.7). Na véspera, na semifinal, ela havia batido o recorde do Campeonato, com 23.28 (1.3), melhor marca pessoal. Lorraine ratificou nas duas provas a qualificação para o Campeonato Pan-Americano de Atletismo de San José, na Costa Rica, de 19 a 21 de julho.
 
“As expectativas para o futuro são as melhores possíveis. Consegui meus recordes pessoais agora e espero correr na casa dos 22.00 ainda este ano”, afirmou a atleta, titular do 4x100 m adulto, quarto colocado no Mundial de Revezamentos de Yokohama, no Japão.
 
Já a final dos 200 m masculino foi uma das provas mais equilibradas da competição. Um exemplo disso é que nada menos do que os três primeiros atletas conseguiram índice para o Pan-Americano de San José: Lucas Rodrigues da Silva (Mangueira do Futuro), com 20.95 (-0.8), Lucas Conceição Vilar (SESI-SP), com 20.96, e Erik Felipe Cardoso (SESI-SP), com 21.06.
 
Lucas Rodrigues, que já havia conseguido a marca mínima dos 100 m ao conquistar a medalha de prata, comemorou muito o primeiro título brasileiro da categoria. “Venho me esforçando muito nos treinamentos e agora os resultados estão saindo”, disse o carioca, de 17 anos, que há cinco faz atletismo na Vila Olímpica da Mangueira. “Agradeço muito à professora Iracema Rosa, minha técnica, por eu ter conseguido meus recordes pessoais.”
 
O atleta da Mangueira do Futuro, na verdade, é a novidade na lista do Pan-Americano Sub-20. Lucas Conceição e Erik Felipe já estavam qualificados.
 
A brasiliense Gabriela de Souza Muniz (CASO-DF) impôs seu ritmo forte após o 6.000 m e venceu com tranquilidade os 10.000 m marcha atlética. Campeã sub-20 da Copa Brasil Caixa, realizada em março, em Balneário Camboriú (SC), Gabriela completou as 25 voltas na pista em 50:38.30, novo recorde do campeonato (o anterior era de 50:57.50 e pertencia a Alessandra Picagevicz, desde 2002).
 
“Gostei do resultado e principalmente da medalha de ouro”, disse a atleta, que treina ao lado de Caio Bonfim, medalha de bronze nos 20 km do Campeonato Mundial de Londres 2017, em Sobradinho (DF). “Ainda quero buscar o índice de 49:02.06 para o Pan-Americano da Costa Rica.”
 
Para ajudar na missão, Gabriela embarca juntamente com Caio Bonfim, Max Batista dos Santos e Elianay Pereira Barbosa, todos do CASO, para a Espanha, na terça-feira (4/6), onde disputam no sábado (8/6) o Grande Prêmio Cantones de La Coruña. “Lá a prova deverá ser mais exigente”, disse a marchadora, que integrou a Seleção Brasileira no Campeonato Pan-Americano, em abril, na cidade de Lázaro Cárdenas, no México.
 
No heptatlo, a tocantinense Paloma Dias Cardoso (Espéria-SP) foi a campeã, com 4.892 pontos, recorde pessoal. Aos 18 anos, ela faz há dois anos provas combinadas. Começou no Cria Lavras-MG, com o professor Fernando de Oliveira e há seis meses treina como Marcelo Lima, em São Paulo.
 
“Minhas provas mais fortes são o salto em altura e os 800 m, mas desta vez alcancei a liderança só no lançamento do dardo”, lembrou a atleta, referindo-se à penúltima das sete provas. “Estou feliz porque consegui o objetivo de me qualificar para o Sul-Americano de Cáli”, completou.
 
O Campeonato Brasileiro Caixa termina na tarde deste domingo, com a disputa das últimas 11 finais.
 
Pódios da 5ª etapa
 
10.000 m marcha atlética 
1- Gabriela de Souza Muniz (CASO) - 50:38.30
2- Laryssa Fernanda Frois (Curitiba SMELJ) - 51:48.93
3- Tatiana de Morais Pereira (ABDA Atletismo) - 53:12.18
 
200 m (-0.7)
1- Lorraine Barbosa Martins (CT-DEO) - 23.58
2- Giovana Corradi (Centro Olímpico) - 25.14
3- Sabrina da Silva Costa (Tornado) - 25.36
 
200 m (-0.8)
1- Lucas Rodrigues da Silva (Mangueira do Futuro) - 20.95
2- Lucas Conceição Vilar (SESI-SP) - 20.96
3- Erik Felipe Barbosa Cardoso (SESI-SP) - 21.06
 
Salto triplo 
1- Nerisnelia dos Santos Sousa (ASA-Sorriso) - 12.77 (1.4)
2- Maria Vitoria Quirino de Queiroz (CRVG) - 12.66 (-0.3)
3- Whaylla Ester de Oliveira (ARPA São José do Rio Preto) - 12.50 (-0.6)
 
Salto com vara 
1- Ysnaira dos Santos Vieira (Centro Olímpico) - 3,40 m
2- Larissa Cristina Costa Silva de Oliveira (Guarulhos) - 3,30 m
2- Helena Rubano Garcia de Abreu (Pinheiros) - 3,30 m
 
Heptatlo 
1- Paloma Dias Cardoso (Clube Espéria) - 4.892 pontos
2- Juliana Estevão da Silva Oliveira (Centro Olímpico) - 4.820
2- Daffner Daynara Ciconte de Jesus (ISCE Sertãozinho) - 4.324
 
Classificação parcial após cinco etapas
 
Geral
1º - SESI-SP - 123 pontos
2º - Centro Olímpico - 84
3º - EMFCA - 66
4º - Orcampi Unimed - 58
5º - ASPMP - 54
 
Masculino
1º - SESI-SP - 89 pontos
2º - Barra do Garças - 51
3º - ASPMP - 42
4º - Orcampi Unimed - 33
5º - Mangueira do Futuro - 30
 
Feminino
1º - Centro Olímpico - 70 pontos
2º - EMFCA - 46
3º - CT-DEO - 36
4º - SESI-SP - 34
5º - APCEF/MG - 32
 
Veja Também: 
 

Eventos esportivos / Entidades Mundiais

Rugby campeão

Brasil é campeão do Sul-Americano 6 Nações

 
 

 

 
Mascotes
Curta - EA no Facebook