Fábio Gomes participa de clínica da CBAt com Petrov e define programação de 2011 | Esporte Alternativo - O site de quem pratica esportes !

Fábio Gomes participa de clínica da CBAt com Petrov e define programação de 2011

O paulista de Campinas Fábio Gomes da Silva começou muito bem 2011. Primeiro, na temporada européia, bateu seu recorde sul-americano em pista coberta, na Áustria. Depois, em São Caetano, alcançou pela primeira vez 5,80 m ao ar livre, recorde continental absoluto / Foto: Agência Luz/ BM&FBOVESPASão Paulo - O paulista de Campinas Fábio Gomes da Silva começou muito bem 2011. Primeiro, na temporada européia, bateu seu recorde sul-americano em pista coberta, na Áustria. Depois, em São Caetano, alcançou pela primeira vez 5,80 m ao ar livre, recorde continental absoluto. Agora, de olho nos principais eventos da temporada, participa de clínica orientada pelo especialista ucraniano Vitaly Petrov, na pista do CER Vila São José, em São Caetano do Sul, na Grande São Paulo.

A Clínica começou ontem 21 e vai até domingo 27, é uma realização da Confederação Brasileiro de Atletismo, com apoio do Comitê Olímpico Brasileiro. A coordenação é de Elson Miranda, do Conselho Técnico da CBAt, e tem também tem a participação da campeã mundial indoor Fabiana Murer, do vice-campeão dos Jogos Olímpicos da Juventude Thiago Braz, além de Augusto Dutra e Karla Rosa, ambos com índice para o PAN 2011. 

Logo em sua primeira competição no ano, em 03 de fevereiro, no Gugl Indoor Meeting, na Tips Arena, na cidade austríaca de Linz, Fábio venceu o salto com vara, com a marca de 5,65 m. Com isso, quebrou o recorde sul-americano em pista coberta, que era dele mesmo havia três anos, com 5,61 m. Com apoio do público, que lotou o ginásio, ele ainda tentou quebrar o recorde do torneio, que é 5,77 m, mas não conseguiu.

A continuação da temporada, após voltar ao Brasil, foi ainda melhor. Em 26 de fevereiro, ele bateu o recorde sul-americano ao ar livre, com a marca de 5,80 m, durante o Festival de Salto com Vara da Federação Paulista de Atletismo, realizado em São Caetano do Sul, na Grande São Paulo. Novamente, superou seu próprio recorde continental, que era 5,77 m, de 2007.

Fábio, que integra o Programa Caixa de Alto Nível da Confederação Brasileira de Atletismo, superou, assim, o índice de qualificação - que é 5,63 m - para o Campeonato Mundial, que será disputado em Daegu, na Coreia do Sul, em agosto. Da mesma forma, consolida sua posição como número 1 no País e praticamente garante vaga nos Jogos Pan-Americanos de Guadalajara, no México, em outubro.

"Vim da Europa com o recorde indoor", lembra Fábio. "Mas ainda não era o salto que eu queria. Talvez, com mais algumas provas, tivesse acertado. Mas sabia que uma hora ia sair e insisti, sabia que estava para fazer 5,70 m, 5,80 m. Que bom que saiu em São Caetano", comenta. "Tenho grandes esperanças para a temporada e acho que esta clínica com o Petrov será interessante para acertar o programa de trabalho para este ano. Com o Petrov o trabalho é sempre produtivo. E isso é importante porque este ano tem o Sul-Americano (em Buenos Aires), os Jogos Mundiais Militares (no Rio de Janeiro), o Troféu Brasil, o Mundial (em Daegu) e o PAN (em Guadalajara)."

No PAN, a luta pelo bicampeonato, a disputa será contra o mexicano Giovanni Lanaro. "Nos últimos Jogos (Rio 2007) a disputa foi com ele, e ganhei. Agora, na casa dele, acho que será ainda mais difícil, mas estou animado e com muitas esperanças", conclui o brasileiro.

"O Fábio conseguiu uma excelente marca. Até fez o recorde sul-americano indoor na Europa, mas lá não saiu a marca que a gente estava esperando. Ainda bem que saiu agora, 5,80 m é muito bom, um excelente resultado que abre boas perspectivas para a temporada", diz Elson Miranda. "Com essa marca, Fábio pode pensar em estar na final do Mundial de Daegu este ano", concluiu o treinador.

Fábio ganhou a medalha de ouro no PAN do Rio 2007, mesmo ano em que bateu pela primeira vez o recorde sul-americano outdoor do salto com vara, ao marcar 5,77 m em São Paulo. Naquela competição, no dia 07 de junho daquele ano, venceu o Campeonato Sul-Americano e superou a antiga marca, que era 5,76 m e pertencia, desde 1985, ao brasileiro radicado nos Estados Unidos, Tomás Hintnaus. Já o antigo recorde indoor era 5,61 m e pertencia a ele, mesmo, que fizera a marca duas vezes, em 2008: em 16 de fevereiro, em Donetsk, na Ucrânia, e cinco dias depois, em Estocolmo, na Suécia. Ele também foi finalista no Campeonato Mundial de Osaka 2007 e na Olimpíada de Pequim 2008.

FÁBIO GOMES DA SILVA
Data de Nascimento:
04 de agosto de 1983
Local: Campinas (SP)
Prova: salto com vara
Título principal: campeão pan-americano no Rio 2007
Recordes Sul-Americanos: 5,80 m (ar livre) e 5,65 m (indoor)
Clube: BM&FBovespa (SP)
Treinador: Elson Miranda
 


 

Eventos esportivos / Entidades Mundiais

Rugby campeão

Brasil é campeão do Sul-Americano 6 Nações

 
 

 

 
Mascotes

Mais lidas da semana

Curta - EA no Facebook