Com recorde sul-americano, Paulo André vence os 100 m | Esporte Alternativo - O site de quem pratica esportes !

Com recorde sul-americano, Paulo André vence os 100 m

Paulo André: recorde sul-americano / Foto: Fernanda Paradizo/CBAtPaulo André: recorde sul-americano / Foto: Fernanda Paradizo/CBAt

São Bernardo do Campo - Paulo André Camilo de Oliveira (Vila Olímpica-ES) confirmou a ótima forma e quebrou na tarde desta sexta-feira (dia 18) os recordes brasileiro e sul-americano da categoria durante a final dos 100 m do Campeonato Brasileiro Caixa de Atletismo de Menores Interclubes, na Arena Caixa - Centro de Atletismo Professor Oswaldo Terra, em São Bernardo do Campo (SP). 
 

O paulista, que treina e vive em Vila Velha, obteve a marca de 10.33 (1.7), superando o melhor resultado anterior, que era de Vitor Hugo dos Santos, com 10.36, desde 2013. O atleta comemorou muito o resultado, após cruzar a linha de chegada de olho no cronômetro. Jogou-se na pista, foi abraçado pelos concorrentes e recebeu, das arquibancadas, o cumprimento do pai, treinador e ex-atleta Carlos José Camilo de Oliveira.

"Foi um prêmio pela persistência. Depois do Mundial de Cáli, contundido, pensei em deixar a temporada. Depois com a sequência de treinos vi que dava e o recorde era o objetivo", comentou o velocista, que ficou em oitavo nos 100 m na Colômbia, em julho. "Não dá para acreditar", disse.
 
Paulista de Santo André, Paulo André baixou três vezes o recorde pessoal nos 100 m nesta sexta-feira, que era de 10.53, desde o dia 13 de junho. Ele correu as eliminatórias em 10.46 (0.4), as semifinais em 10.38 (0.6) e a final em 10.33, estabelecendo nas três oportunidades recordes do torneio. O anterior era de Renato Oliveira dos Santos Junior, com 10.73, desde 2012, em Maringá (SP).
 
Antes das merecidas férias, o atleta ainda disputa os 200 m em São Bernardo. "Vamos atrás de boas marcas de novo. Estou me sentindo bem e acho que posso ser rápido", comentou o capixaba por adoção.
 
O pai Carlos José fez questão de tirar fotos do filho no pódio. "Disse para ele que poderia correr os 100 m em 10.40 como forma de não pôr pressão. No fundo sabia que ele poderia baixar o recorde. O garoto é muito bom", disse, emocionado.
 
No lançamento do martelo, Alencar Chagas Pereira, da ARPA, de São José do Rio Preto (SP), venceu a prova, com 68,70 m, novo recorde brasileiro e do campeonato da categoria. O recorde brasileiro anterior era dele mesmo, com 68,07 m, alcançado em maio deste ano em São Bernardo. A melhor marca do torneio era de 2014, obtida por Jair Pacentchux Junior, com 62,39 m.
 
"Na verdade, minha meta era ultrapassar os 70 m, mas não foi possível. Independentemente disso, estou feliz por ter conseguido a melhor marca de minha carreira", completou Alencar, de 16 anos, nascido em São José do Rio Preto.
 
Outro recorde do torneio foi batido na qualificação do lançamento do martelo feminino. Ana Lays Bayer superou a própria marca, que era de 53.74 m, desde 2014. Ela obteve o primeiro lugar para a final deste sábado, às 14:05, com 60.73 m.
 
No decatlo, Jordan Santos de Souza (Centro Olímpico) é o líder após cinco provas, com 3.670 pontos. Caio Henrique da Silva (ASA-Sertãozinho), com 3.633, ocupa a segunda colocação, seguido de Vitor Hugo da Costa (Ideal Brasil), com 3.459
 
No heptatlo, o primeiro lugar, depois de quatro provas, é de Laís Helena Santos de Abreu (Guarulhos), com 2.980 pontos, seguida de Roberta Almeida dos Santos (Brasil Vale Ouro), com 2.975, e Joyce Barros da Costa (Futuro Olímpico Arnaldo de Oliveira), com 2.803 pontos.
 
O torneio, que reúne 748 atletas de 106 clubes de todas as regiões do País, começou nesta sexta-feira (18) e termina domingo (20).
 
Entrada gratuita.
 
Pódios da segunda etapa - Lançamento do martelo
1-Alencar Chagas Pereira (ARPA-SP) - 68,79 m (RB)
2-Olavo José Reali Junior (ADJ-SC) - 58,17 m
3-Daniel Afonso Batista Nunes (GR Barueri-SP) - 56,90 m
 
Salto em distância
1-Lais Helena Santos de Abreu (Guarulhos) - 5,70 m (-0.3)
2-Crislayne Alves da Silva (Projeto Olímpico ELR) - 5,55 m (1.2) 
3-Pamela Cristina Lima Correia (AA MARINGA) - 5,38 m (0.0)
 
Arremesso do peso
1-Gleice Stefanie de Castro (ARPA) - 14,16 m
2-Júlia Lavínia Pereira Silva (CSS II Exército) - 13,87 m
3-Jordana Stella Motta dos Santos (AA Maringá) - 13,81 m
 
100 m (1.7) 
1-Paulo André Camilo de Oliveira (Vila Olímpica) - 10.33
2-Felipe Bardi dos Santos (SESI-SP) - 10.58
3-Luca da Silva dos Santos (Brasil FC/FUPES) - 10.71
 
100 m (0.7)
1-Mariana Estevão Oliveira (Centro Olímpico) - 11.97
2-Elizandra Dantas Soares (Endurance Sports) - 12.01
3-Isabela Macedo Silva (APEFS - SINOP) - 12.14
 
10.000 m marcha
1-Victor Cabral dos Santos (CASO) - 55:53:06
2-Jardel Jeronimo dos Santos (CASO) - 56:25:16
3-Augusto Santos Rodrigues (Orcampi/Unimed) - 56:47
 
Veja Também: 
 

Eventos esportivos / Entidades Mundiais

Rugby campeão

Brasil é campeão do Sul-Americano 6 Nações

 
 

 

 
Mascotes
Curta - EA no Facebook