Caem mais três recordes do Brasileiro/Caixa Interclubes de Juvenis | Esporte Alternativo - O site de quem pratica esportes !

Caem mais três recordes do Brasileiro/Caixa Interclubes de Juvenis

Meninas do heptatlo comemoram mais uma competição/ Foto: Wagner Carmo/CBAt

Maringá- Três recordes do Campeonato Brasileiro/Caixa de Atletismo Interclubes de Juvenis foram batidos neste domingo cedo na pista da Vila Olímpica Willie Davids, em Maringá, no Paraná. A competição termina na tarde deste domingo, com cerca de 400 atletas, de 60 clubes de 15 Estados.
 
Depois de ganhar a Copa Brasil/Caixa e o Brasileiro de Juvenis, Larissa Bueno, de Pindamonhangaba, ganhou neste domingo os 10.000 m marcha do Interclubes de Juvenis, fechando com chave de ouro a carreira nesta categoria. No próximo fim de semana, ela já participa do Estadual Sub-23 do Paraná, em Maringá, tentando índice para o Brasileiro da categoria.
 
"Agora vou ter de encarar os 20.000 m, já estou treinando para isso e acho que vou ter uma adaptação fácil", disse Larissa, nova recordista do torneio, com 51:56.84. O anterior era de Paula Raíssa Paz da Silva, da Funtec, com 58:15.10. Larissa nasceu e treina em Londrina (PR), com o técnico Cláudio Bertolino.
 
No arremesso do peso, Esthefania Ribeiro da Costa, da BM&FBovespa, ganhou o ouro e bateu o recorde do torneio, com 14,59 m. O anterior era de Tamara Alexandrino de Sousa, com 13,91 m. Assim como Larissa, Esthefania está se despedindo do juvenis para encarar as competições de adulto.
 
"Agora a dificuldade maior será enfrentar adversárias mais experientes. Essa transição tem de ocorrer de qualquer maneira, atleta de 19 anos, nascida em São Roque (SP).
 
No salto com vara, duas atletas do Pinheiros/Asics quebraram o recorde do torneio, que era de Maria Isabel da Silva, da Mangueira, com 3,50 m, desde 2010. Isabella Ribeiro Brenzan acabou com a medalha de ouro ao saltar 3,65 m, enquanto Nayara Sobrinho dos Santos ficou com a prata, com 3,60 m, numa disputa equilibrada. As duas passaram na primeira tentativa o sarrafo a 3,60 m, mas encontraram dificuldades para ultrapassar 3,65 m. Isabella passou na terceira e última e Nayara falhou nas três.
 
Como o Franck- O mineiro Johannes Max Boamorte, do Pé de Vento-RJ, venceu os 10.000 m, com o tempo de 32:44.30, ganhando com mais de dez segundos de vantagem sobre Alex Render Félix (Orcampi/Unimed-SP), segundo colocado. Aos 18 anos, Johannes nasceu na cidade de Sete Lagoas e tem um ídolo no esporte: o conterrâneo Franck Caldeira.
 
"Treino há apenas nove meses no Pé de Vento e sei que tenho muito ainda o que melhorar. Meu sonho é representar o Brasil numa olimpíada como fez o Franck", comentou, referindo-se ao 13º colocado na maratona da Olimpíada de Londres.
 
Os outros campeões da manhã deste domingo também demonstraram alegria. Andressa Fidélis, do GR Barueri-SP, especialista no salto em distância, venceu os 200 m, com 24.07.
Leandro Pitarelli, da Orcampi/Unimed-SP, está voltando às competições agora, depois de ter descansado após o Mundial Juvenil de Barcelona. Mesmo assim, ganhou os 200 m, com 21.32. E, no heptatlo, Jakeline de Oliveira Silva (Londrina/Caixa-PR), conseguiu o objetivo de quebrar o recorde pessoal. Ganhou ouro, com 4.560 pontos (a melhor marca anterior era 4.522). 
 
Após cinco etapas, a classificação geral por clubes é a seguinte: 1º Orcampi/Unimed - 138 pontos, 2º GR Barueri - 111, 3º Pinheiros/Asics - 108, 4º Ideal Brasil - 103 e 5º Londrina/Caixa -102,5.
 
O Campeonato é uma realização da Confederação Brasileira de Atletismo, co-organizada pela Federação de Atletismo do Paraná, com patrocínio da CAIXA, apoio da Secretaria de Esportes do Governo do Estado e da Prefeitura Municipal de Maringá.
 
Resultados das finais deste domingo pela manhã
 
10.000 m marcha
1-Larissa Bueno (ASPMP-SP) - 51:56.84 RT
2-Rute dos Santos (GR Barueri-SP) - 1:02:05.3
3-Gisele Teixeira da Silva (ASSEM-SP) - 1:03:05.3
RT - Recorde do torneio
 
Arremesso do peso
1-Esthefania Ribeiro da Costa (BM&FBovespa) - 14,59 m RT
2-Izabela Rodrigues da Silva (IEMA-SP) - 13,45 m
3-Saionara Pavanatto (Sogipa-RS) - 13,06 m
RT - Recorde do torneio
 
Salto com vara
1-Isabella Ribeiro Brenzan (Pinheiros/Asics-SP) - 3,65 m RT
2-Nayara Sobrinho dos Santos (Pinheiros/Asics-SP) - 3,60 m
3-Nualla Pereira (ADECO-SP) - 3,40 m
RT - Recorde do torneio
 
10.000 m
1-Johannes Max Boamorte (Pé de Vento-RJ) - 32:44.30
2-Alex Render Félix (Orcampi/Unimed-SP) - 32:54.83
3-Abidiel Renan Martins (Maringá-PR) - 33:15.27
 
200 m (1.7)
1-Andressa Fidélis (GR Barueri-SP) - 24.07
2-Camila Aparecida de Souza (Londrina/Caixa-PR) - 24.14
3-Anke Zimmermann (AABLU-SC) - 24.23
 
200 m (2.4)
1-Leandro Pitarelli (Orcampi/Unimed-SP) - 21.32 
2-Alexander Russo (Orcampi/Unimep-SP) - 21.40
3-Ivan Fernandes de Mello (Vasco da Gama-RJ) - 21.47
 
Heptatlo
1-Jakeline de Oliveira Silva (Londrina/Caixa-PR) - 4.560 pontos
2-Jhennifer Pinheiro Lino (PMDC-RJ) - 4.350
3-Natália Paulo dos Santos (Asempar-PR) - 4.069
 
PROGRAMA-HORÁRIO
 
6ª etapa - 19/08 - Domingo à tarde
13:30 - Lançamento do dardo feminino final
13:45 - Salto em altura masculino final 
14:00 - 1.500 m feminino final 
14:05 - Salto triplo masculino final
14:15 - 1.500 m masculino final
14:30 - 4x100 m feminino final 
14:45 - 4x100 m masculino final
14:50 - Lançamento do dardo masculino final
15:00 - 5.000 m feminino final
15:30 - 100 m com barreiras feminino final 
15:45 - 4x400 m feminino final
16:00 - 4x400 m masculino final

Eventos esportivos / Entidades Mundiais

Rugby campeão

Brasil é campeão do Sul-Americano 6 Nações

 
 

 

 
Mascotes

Mais lidas da semana

Curta - EA no Facebook