Volvo Ocean Race Itajaí deve superar a edição passada do evento

Expectativa da organização é que aproximadamente 400 mil pessoas circulem pela Vila da Regata / Foto: DivulgaçãoExpectativa da organização é que aproximadamente 400 mil pessoas circulem pela Vila da Regata / Foto: Divulgação

Santa Catarina - Mais do que orgulho para Santa Catarina, a Volvo Ocean Race se consagra como um importante estímulo para a economia. Com investimento de cerca de R$ 12 milhões, a previsão da organização do Itajaí Stopover é ter um impacto econômico superior aos R$ 82 milhões registrados na edição de 2015.
 
Ao todo, 2 mil empregos diretos devem ser gerados agora, com movimentação em 50 setores. A expectativa é que o evento, realizado entre 5 e 22 de abril, atraia aproximadamente 400 mil pessoas, número superior à ultima edição, quando cerca de 352 mil visitantes passaram pelo local, segundo levantamento do Instituto de Pesquisas Sociais (IPS) da Univali.
 
De acordo com as projeções, grande parte do público será catarinense, porém se espera que 40 mil pessoas devam se deslocar de outros estados e em torno de 5 mil estrangeiros circulem pela região. Todo fluxo movimentará a cadeia econômica como um todo, englobando os comércios, transporte e turismo local.
 
“O cenário é de recuperação. O município colocou o porto com 75% do funcionamento e a gente sabe que quando o porto funciona, capitaliza para toda a cidade e vários setores passam a refletir este positivismo”, explica o Secretário do Desenvolvimento Econômico, Emprego e Renda, Giovani Alberto Testoni.
 
Para receber a grande demanda de público, Itajai dobrou a capacidade hoteleira da última edição da Volvo Ocean Race Itajaí para agora. Nos últimos anos, redes internacionais se instalaram no município que também ganhou novos leitos com a ampliação de empreendimentos tradicionais da cidade. “São aproximadamente 3 mil novos leitos. Nossa rede hoteleira investiu pesado para atender melhor aqueles que passam por aqui. Isso nos dá uma vantagem muito grande em relação à edição passada”, acrescenta Testoni.
 
 

Eventos esportivos / Entidades Mundiais

Rugby campeão

Brasil é campeão do Sul-Americano 6 Nações

 

 

 
Mascotes

Mais lidas da semana

Curta - EA no Facebook