Copa da Juventude mostra evolução da modalidade de Norte a Sul

Principal evento de Vela Jovem do país termina com Yacht Club da Bahia no topo da disputa. Agremiações do Rio Grande do Sul também se destacam / Foto: Tsuey Lan BizzochiPrincipal evento de Vela Jovem do país termina com Yacht Club da Bahia no topo da disputa. Agremiações do Rio Grande do Sul também se destacam / Foto: Tsuey Lan Bizzochi

Recife - Na principal competição nacional da Vela Jovem, a Bahia e o Rio Grande do Sul mostraram que a modalidade se desenvolve de Norte a Sul do país, de vento em popa. A Copa da Juventude terminou nesta sexta-feira, dia 8, com as últimas regatas na subsede Maria Farinha do Cabanga Iate Clube de Pernambuco, em Recife. E o Yacht Clube da Bahia foi o vencedor na disputa por clubes, com 448 pontos no total. Outro destaque foi a participação das agremiações gaúchas, ganhadoras de três das nove classes em disputa.
 
“A Copa da Juventude superou todas as nossas expectativas. Tivemos condições ideais de competição. A organização do Cabanga Iate Clube de Pernambuco foi impecável. E contamos com a presença de velejadores do Brasil inteiro. A nossa ideia na Confederação é fazer outros eventos no Nordeste, que tem um potencial fantástico. E este campeonato provou que é possível, porque veio todo mundo”, afirmou Marco Aurélio de Sá Ribeiro, presidente da Confederação Brasileira de Vela (CBVela), celebrando o sucesso da competição, que este ano foi realizada pela primeira vez na Região Nordeste.
 
A Copa da Juventude 2017 teve números expressivos. Ao todo, teve a participação de 75 velejadores de 8 estados nos quatro dias de competição. O campeonato será o principal evento classificatório para definir a equipe brasileira que disputará o Mundial da Juventude em Sanya (China), em dezembro.
 
Os bons ventos do litoral pernambucano garantiram a realização de regatas em ótimas condições. O Yacht Club da Bahia se sagrou campeão nas classes Hobie Cat 16, 420 feminina e na RS:X masculina, graças a uma parceria com o Projeto Social Bimba Windsurf, tocado pelo velejador olímpico Ricardo Winicki em Búzios.
 
“Nós ajudamos a viabilizar a vinda dos atletas do projeto para cá. Em contrapartida, eles vão nos ajudar a instalar o RS:X no Yacht Club da Bahia. É uma parceria boa para as duas partes”, explicou Bernardo Arndt, coordenador técnico do YCB.
 
Dois clubes do Rio Grande do Sul mostraram a força da Vela Jovem gaúcha, mesmo a muitos quilômetros de casa. O Veleiros do Sul conquistou o título nas classes Laser Radial masculina e 420 masculina. E o Clube dos Jangadeiros levou o ouro na 29er masculina.
 
O Yacht Club Santo Amaro (SP) ficou em terceiro lugar na disputa por equipes e foi o  vencedor das classes 29er feminina e Laser Radial feminina.
 
Confira abaixo a relação dos campeões da Copa da Juventude.
 
LASER RADIAL MASCULINO
Tiago Quevedo (Veleiros do Sul), 24 pontos perdidos
 
LASER RADIAL FEMININO
Christine Reimer (Yacht Club Santo Amaro), 132, p.p.
 
420 MASCULINO
André Fiuza/Erik Hoffman (Veleiros do Sul), 11 p.p.
 
420 FEMININO
Olivia Belda/ Marina Arndt (Yacht Club da Bahia), 19,3 p.p.
 
29ER MASCULINO
Breno Kneipp/ Ian Paim (Clube dos Jangadeiros), 11 p.p.
 
29ER FEMININO
Helena de Marchi/ Nicole Buuck (Yacht Club Santo Amaro), 23 p.p.
 
RS:X MASCULINO
Daniel Pereira (Yacht Club da Bahia), 11 p.p.
 
RS:X FEMININO
Larissa Schenker (Team Brazil), 60 p.p.
 
HOBIE CAT 16
Carlos Eduardo Lopes/ Lucas Umenyi (Yacht Club da Bahia), 14 p.p.
 
MELHOR CLUBE
1. Yacht Club da Bahia (BA), 448 pontos
2. Clube dos Jangadeiros (RS), 270 pts.
3. Yacht Club Santo Amaro (SP), 264 pts.
4. Veleiros do Sul (RS), 173 pts.
5. Iate Clube do Rio de Janeiro (RJ), 144 pts.
 
Resultados completos: http://www.copadajuventude.cbvela.org.br/
 

Eventos esportivos / Entidades Mundiais

CEO da CBDN

Pedro Cavazzoni fala sobre PyeongChang 2018

Esportes de Neve

Victor Santos fala sobre o Cross Country

 

 

 
Mascotes

Mais lidas da semana

Curta - EA no Facebook