Com voto direto, CBVela elege nova Comissão de Atletas

Mais de 250 velejadores escolheram, em eleição online, os seus representantes na Confederação. Na foto, Samuel Albrecht / Foto: Wander Roberto/BradescoMais de 250 velejadores escolheram, em eleição online, os seus representantes na Confederação. Na foto, Samuel Albrecht / Foto: Wander Roberto/Bradesco

São Paulo - Mais uma demonstração de democracia na Confederação Brasileira de Vela (CBVela). Nesta segunda-feira, dia 14, foi anunciado o resultado da eleição para a nova Comissão de Atletas da entidade.
 
Por meio do voto direto, mais de 250 velejadores escolheram seus representantes na Confederação, que terão mandato até o fim de 2020. Foram eleitos: Bruno Prada (94 votos), Isabel Swan (71), Samuel Albrecht (67), Bruno Bethlem (62) e Bruno Fontes (60). Veja abaixo um perfil de cada um deles.
 
A eleição da Comissão de Atletas foi realizada de forma online, no período de 7 a 13 de agosto. O voto era facultativo. Tinham direito a participar do pleito os atletas que tivessem mais de 15 anos e registrados nas suas Federações Estaduais. O número total de votantes foi de 280. Cada eleitor podia votar em até cinco dos 21 candidatos inscritos. Houve dois votos em branco.
 
“É um marco para a história da vela brasileira conseguir que as pessoas se envolvam e participem da administração da Confederação, que foi criada e é feita para os atletas. Gostaria de parabenizar os cinco eleitos. É uma Comissão diversificada, com velejadores dos estados de São Paulo, Rio de Janeiro, Santa Catarina e Rio Grande do Sul. Tem atletas que estão em campanha olímpica e outros que já não estão mais em campanha, mas têm muita experiência para dividir com a gente. Estamos muito satisfeitos em poder contar com todos eles”, afirmou Daniel Santiago, diretor executivo da CBVela, ao fim da apuração.
 
Pioneira, a Confederação Brasileira de Vela aprovou em abril mudança no estatuto e tornou-se a primeira entidade do esporte olímpico brasileiro a abrir sua eleição presidencial para o voto direto dos atletas, técnicos, oficiais de regata e medalhistas olímpicos.
 
"É um momento superimportante para a vela, esse espaço que a Confederação está abrindo para os velejadores participarem das decisões, sobretudo em relação às partes administrativa e técnica", disse Henrique Haddad, atletas do Brasil na classe 470 nos Jogos Rio 2016, que acompanhou a apuração como representante dos velejadores.
 
Confira o perfil dos cinco integrantes da Comissão de Atletas:
 
Bruno Prada
Classe: Star
Estado: São Paulo
Destaques:
- Prata nos Jogos Olímpicos de Pequim 2008 (classe Star)
- Bronze nos Jogos Olímpicos de Londres 2012 (classe Star)
- Quatro vezes campeão mundial da classe Star (2007, 2011, 2012 e 2016)
 
Isabel Swan
Classe: Nacra 17
Estado: Rio de Janeiro
Destaques:
- Bronze nos Jogos Olímpicos de Pequim 2008 (classe 470 feminina)
- 10º lugar nos Jogos Rio 2016 (classe Nacra 17)
- Escolhida para integrar a Comissão de Atletas do COB em 2017
 
Samuel Albrecht
Classe: Nacra 17
Estado: Rio Grande do Sul
Destaques:
- 10º lugar nos Jogos Rio 2016 (classe Nacra 17)
- 17º lugar nos Jogos Pequim 1008 (classe 470 masculina)
 
Bruno Bethlem
Classe: Snipe
Estado: Rio de Janeiro
Destaques:
- 23º lugar nos Jogos Rio 2016 (classe 470 masculina)
- Duas vezes campeão mundial da classe Snipe (2009 e 2013)
- Ouro nos Jogos Pan-Americanos de Santo Domingo 2003 (classe Snipe)
 
Bruno Fontes
Classe: Laser
Estado: Santa Catarina
Destaques:
- 13º lugar nos Jogos Olímpicos de Londres 2012 (classe Laser)
- 27º lugar nos Jogos Olímpicos de Pequim 2008 (classe Laser)
- Prata na Delta Lloyd Regatta 2011 (classe Laser)
- Prata na Copa do Mundo de Miami 2012 (classe Laser)
 

Eventos esportivos / Entidades Mundiais

CEO da CBDN

Pedro Cavazzoni fala sobre PyeongChang 2018

Esportes de Neve

Victor Santos fala sobre o Cross Country

 

 

 
Mascotes

Mais lidas da semana

Curta - EA no Facebook