Campeões do Brasileiro Infantil serão conhecidos neste domingo

A segunda etapa do Brasileiro Infantil de Triathlon reúne os novos talentos de 8 a 14 anos que estão surgindo Brasil afora / Foto: DivulgaçãoA segunda etapa do Brasileiro Infantil de Triathlon reúne os novos talentos de 8 a 14 anos que estão surgindo Brasil afora / Foto: Divulgação

Paraná - Os jovens triatletas do Brasil encaram neste domingo (12) o principal desafio da modalidade para as categorias de base. A segunda etapa do Brasileiro Infantil de Triathlon reúne em Caiobá, litoral paranaense, pelo segundo ano consecutivo, os novos talentos de 8 a 14 anos que estão surgindo Brasil afora. A largada está prevista para as 8 horas.
 
A cada ano a competição atrai mais participantes, o que tem proporcionado uma disputa mais competitiva e, consequentemente, fortalece o nível dos atletas em formação na modalidade. Com isso, novos nomes têm sido revelados, como é o caso de Manoel Messias, atual campeão Pan-Americano de Triathlon.
 
“Esse evento é uma grande vitrine para meninos e meninas que sonham em defender as cores do Brasil em Campeonatos Mundiais, Jogos Olímpicos. Por isso, vamos investir cada vez mais na sua melhora e ampliação, buscando aumentar o número de participantes e, a longo prazo, viabilizar a renovação das nossas seleções nacionais”, conta Marco La Porta, presidente da CBTri.
 
Os destaques das últimas edições são o paulista Miguel Hidalgo e a paranaense Gabrielle Lemes. Integrante da seleção brasileira Junior, Hidalgo foi campeão em 2015, se classificou para o Pan-Americano Júnior do ano seguinte e, desde então, tem participado de várias provas de alto nível. 
 
Gabrielle tinha apenas cinco meses de triathlon quando disputou o Brasileiro Infantil pela primeira vez e, logo de cara, conquistou a medalha de prata na categoria 13 anos. Um ano depois, sagrou-se campeã da categoria 14 anos. Meses depois, na primeira etapa do Campeonato Brasileiro Infantil e Infanto-Juvenil, disputado em Palmas (TO), a triatleta garantiu a classificação para os Jogos Sul-Americanos da Juventude, disputado em setembro deste ano no Chile, onde conquistou a medalha de bronze.
 
“O campeonato Brasileiro Infantil foi de grande importância para minha carreira. Este campeonato me motivou a escolher o triathlon como esporte da minha vida. Por isso, aconselho que treinem bastante, dentro das suas capacidades, façam tudo com amor e dedicação, buscando os melhores resultados em suas categorias”, contou Gabi, que recentemente também sagrou-se campeã Brasileira de Duathlon.
 
 

Eventos esportivos / Entidades Mundiais

CEO da CBDN

Pedro Cavazzoni fala sobre PyeongChang 2018

Esportes de Neve

Victor Santos fala sobre o Cross Country

 

 

 
Mascotes
Curta - EA no Facebook