Cup Series 2017 começa em grande estilo

Evento reuniu centenas de competidores de várias modalidades em Peruíbe / Foto: MBraga ComunicaçãoEvento reuniu centenas de competidores de várias modalidades em Peruíbe / Foto: MBraga Comunicação

São Paulo - Atletas contentes e bastante empolgados. Esse, sem dúvida, é a melhor prova de que um evento começou bom e tem tudo para se firmar no calendário esportivo paulista e nacional.
 
Esse foi o cenário da etapa de abertura da CUP SERIES 2017, competição que teve sua abertura no último final de semana, em Peruíbe, no litoral paulista. Nem mesmo as condições do mar no domingo, que impediu a realização das provas aquáticas, como já havia acontecido no PRO SERIES Sprint Triathlon, tirou o brilha das disputas, que movimentaram competidores amadores de cinco modalidades.
 
"Evento teve sucesso e o publico acompanhou desde o sábado, com a corrida noturna. Mesmo com o mar ruim no domingo, o dia foi lindo e os atletas gostaram muito. Como prezamos pela segurança, seguimos a orientação dos bombeiros para não realizar a parte de água, fazendo os ajustes possíveis. Isso acontece em eventos out door", explicou Rychard Hryniewicz Junior, diretor-geral do evento.
 
A programação começou na noite de sábado, com a corrida pedestre com percurso de 5k. Um trajeto plano e no nível do mar, deixou a prova ainda mais agradável, motivando bastante corredores. "Achei muito legal ter esse evento noturno aqui em Peruíbe. Tenho certeza que vai atrair cada vez mais pessoas", destacou Carlos Francisco Almeida Santos, vencedor da prova. 
 
Para o domingo, dia 2, estava programadas as disputas da outras quatro modalidades: Triathlon CUP - prova na distância Sprint (750m natação + 20km ciclismo + 5km corrida); Duathlon CUP - prova na distância Sprint (2,5km corrida + 20km ciclismo + 5km corrida); Aquathlon CUP - prova na distância Sprint (750m natação + 5km corrida); e Swimming CUP - Natação em águas abertas nas opções de 750m e 1500m. 
 
A condição do mar, bastante mexido e perigoso, fez com que os organizadores fossem obrigados a fazer ajustes em cada uma das modalidades programadas: o triatlo virou duathlon, o aquathlon passou a ter uma corrida de 7,5 km, enquanto a maratona aquática fosse cancelada - os inscritos puderam transferir a inscrição para a próxima etapa, em junho, no Guarujá, ou receber o dinheiro de volta.
 
Na disputa do Desafio do Campeão, para os atletas que disputaram todas as modalidades no final de semana, o título ficou com Leonardo Lis, da Lion Triathlon, que totalizou 9.342 pontos. A segunda colocação foi de Lucas Macambira Duarte, da Triforce, com 8.567 pontos, enquanto o terceiro lugar foi de Rodrigo Minoru Martinho Goto, com 8.564 pontos.
 
A competição é uma criação da TUBIG Sports, com apoio da SPTri - Federação Paulista de Triathlon. Ela serviu de seletiva para a Copa Brasil de Triathlon, principal evento do calendário nacional, além de valer como uma etapa do Campeonato Paulista. Com diferentes modalidades, permitiu uma maior participação no evento, com cada um optando pela sua especialidade preferência. O foco no atleta amador e nas equipes, possibilitou que competidores de várias modalidades possam estar juntos em um mesmo evento. 
 
Resultados *
 
Running Cup
 
Masculino
1) Carlos Francisco Almeida Santos (Arena Projetos), 00:16:29, 4411 pontos
2) Cleiton Gomes (Seu Boteco), 00:16:43, 4.397 pontos
3) Lucas Wilson Rodrigues De Mezes (Trifolego.K), 00:17:23, 4.357 pontos
 
Feminino
1) Caroline De Oliveira (Trifolego.K), 00:21:17, 4.123 pontos
2) Rosana Varga (Coach Rosana Guidugli), 00:24:00, 3.960 pontos
3) Marina Generoso, 00:24:53, 3.907 pontos
 
Triathlon Cup
 
Masculino
1) Nicholas De Almeida Cruz (Pro Talentos), 00:56:47, 3.793 pontos
2) Fader Luiz Muller Hidalgo (Pro Talentos), 00:57:12, 3.768 pontos
3) Leandro Roberto Ferreira (Medley Triathlon), 00:57:39, 3.741 pontos
 
Feminino
1) Juana Abdalla (Medley Triathlon), 01:08:13, 3.107 pontos
2) Thainá Grandinetti Gouvêa Conde (Navas Tri), 01:09:33, 3.027 pontos
3) Marina Nassar Costa (Rf Treinamento), 01:09:44, 3.016 pontos
 
Duathlon Cup
 
Masculino
1) Luciano Frigo (Medley Triathlon), 01:07:13, 3.167 pontos
2) Moises Jose de Castro (Guilherme Gil Team), 01:10:23, 2.977 pontos
3) Olival Ferreira Gomes Neto (Itanhaém Triathlon Team), 01:14:05, 2.755 pontos
 
Feminino
1) Nelita Ribeiro Hamakami (Equilíbrio), 01:17:22, 2.558 pontos
2) Maristela Conceição da Silva (Viotto), 01:18:30, 2.490 pontos
3) Natália Cristina Lopes Seron (Equipe Pacer), 01:27:32, 1.948 pontos
 
Aquathlon Cup
 
Masculino
1) Nicholas de Almeida Cruz (Pro Talentos), 00:25:51, 2.049 pontos
2) Thiago Gonzaga Oliveira (Pro Talentos), 00:27:55, 1.925
3) Israel Carlos Oliveira Santos (Forte Praia Grande), 00:28:01, 1.919 pontos
 
Desafio do Campeão
 
Masculino
1) Leonardo Lis (Lion Triathlon), 9.342 pontos
2) Lucas Macambira Duarte (Triforce), 8.567 pontos
3) Rodrigo Minoru Martinho Goto, 8.564 pontos
4) Dimas Salvia (Leandro Macedo Triathlon) , 7.587 pontos
5) Wanderlei Minelli Junior (Assessoria Fast Runner), 7.081 pontos
 
Mais informações no site oficial, www.cupseries.com.br
 
 

Eventos esportivos / Entidades Mundiais

CEO da CBDN

Pedro Cavazzoni fala sobre PyeongChang 2018

Esportes de Neve

Victor Santos fala sobre o Cross Country

 

 

 
Mascotes

Mais lidas da semana

Curta - EA no Facebook