Colucci vence o SESC Triathlon Caiobá

Na Haka Race, Laura Mira vence a abertura em Ubatuba com a equipe Quasar Lontra/Kailash / Foto: DivulgaçãoNa Haka Race, Laura Mira vence a abertura em Ubatuba com a equipe Quasar Lontra/Kailash / Foto: Divulgação

Paraná - Os atletas do Shimano Sports Team tiveram bom aproveitamento nas provas disputadas neste fim de semana nas mais variadas modalidades, com destaque para o triatlo e a corrida de aventura.
 
Na abertura do circuito nacional SESC Triathlon, neste domingo (19), Reinaldo Colucci (SESC/Scott) começou com tudo o evento e garantiu a vitória em Caiobá, no litoral paranaense. Quem também subiu no lugar mais alto do pódio foi Laura Mira (Team Oggi/Isapa), com a vitória na primeira etapa da Haka Race, em Ubatuba, pela equipe Quasar Lontra/Kailash.
 
Na etapa de Caiobá do SESC Triathlon, a vitória de Reinaldo Colucci, em 1h51min41, foi definida apenas nos quilômetros finais. Após 1,5 km da natação, formou-se um pelotão de seis atletas nos 40 km de pedal e, apenas na corrida, com 10 km de percurso, a vitória do triatleta Shimano foi definida. Completaram as cinco primeiras colocações no pódio da elite masculina, Eduardo Lass, Fernando Toldi, Henrique Siqueira e Paulo Roberto Maciel. No feminino, a vitória foi de Pamella de Oliveira, em 2h05min40. A prova foi disputada por 1.200 atletas.
 
"O SESC Triathlon de Caiobá é uma prova bem tradicional, que chegou a sua 29ª edição. Nadei no primeiro grupo e em seguida abrimos um pelotão de seis atletas. No começo da corrida obtive uma vantagem e tive a felicidade de me manter na frente e finalizar com a vitória. Já havia vencido em 2010 e 2011 e desde então não havia participado desta etapa no Paraná. Assim, voltar a Caiobá e vencer é algo que me deixa muito feliz e dá confiança para o restante da temporada, que está apenas começando", destacou Colucci, triatleta que tem sua bike de Scott Plasma 5 equipada com o grupo Shimano Dura Ace Di2, além de usar o capacete Lazer e rodas PRO Bikegear, ambas marcas das empresa japonesa.
 
Haka Race - Atual campeã da Haka Race com a equipe Quasar Lontra/Kailash, a triatleta Laura Mira começou com o pé direito na edição de 2017 do evento, no sábado (18). A primeira etapa foi realizada em Ubatuba, na praia de Ubatumirim, com 14 km de canoagem, em mar aberto, 25 km de mountain bike, 11 km de trekking e 100 metros de técnicas verticais (tirolesa) para a sua categoria, a quarteto misto pró (50km). O tempo total da Quasar Lontra foi de 3h57min52, enquanto o segundo lugar foi obtido pela Competition Aroeira, em 4h32min05. 
 
"Foi uma prova excelente, com nossa equipe muito equilibrada e em ótima sintonia. Após terminarmos 2016 invictos, começamos a temporada com mais uma vitória, o que me deixa super feliz", vibrou Laura. "O início foi no caiaque, em mar aberto, porém havia muita chuva. Depois foram os 25 km de MTB, com vários riachos e rios. Em certos momentos a água cobria a bike inteira, e às vezes tínhamos que carregá-la, fatores comuns nas corridas de aventura. Mesmo assim, teve trechos muito rápidos, com uma média alta de velocidade e uma navegação precisa. No trekking, corremos em trilhas de mata fechada e finalizamos na praia", completou Laura, que competiu a prova ao lado de Rafael Campos, Rafael Melges e Victor Lopes.
 
XTerra Camp Ibitipoca - A triatleta Sabrina Gobbo (Trek/Pearl Izumi/Shimano), atual campeã nacional do circuito XTerra, iniciou sua temporada no sábado, com a terceira colocação no XTerra Camp Ibitipoca, em Minas Gerais. A etapa contou com um duathlon, composto por 3 km de corrida, 24,5 km de mountain bike e mais 8 km, outra vez correndo. Sabrina completou os 35,5 km em 3h06min52. O título da etapa ficou com Isabella Ribeiro, após concluir o desafio em 2h57min02. Fernanda Prieto foi a vice-campeã, em 3h02min22. "Cheguei a liderar no MTB, mas no final da bike minhas rivais me alcançaram. Na segunda parte da corrida não consegui ir junto com elas e acabei me poupando no fim", contou Sabrina, que tem sua bike Trek equipada com o grupo XTR Di2 de transmissão eletrônica de marchas.
 
Estadual da Flórida de BMX - Renato Rezende (GT Bicycles/Shimano/Nissan) participou neste fim de semana da etapa de Jacksonville do Campeonato Estadual da Flórida de BMX. As disputas foram realizadas sábado e domingo, e nos dois dias Renato terminou em terceiro lugar. "Foi um bom final de semana para mim, já que estive sempre no top 3 em todas as baterias, nos dois dias de competição. Fiquei bastante satisfeito com meu desempenho e espero dar continuidade a essa evolução nos treinamentos e competições que virão pela frente nesta temporada aqui nos EUA", avaliou.
 
Trofeo Alfredo Binda - A carioca Flavia Oliveira (Specialized), representante do Brasil no ciclismo de estrada da Rio 2016, iniciou neste domingo sua temporada de provas em 2017. Flavinha disputou o Trofeo Alfredo Binda - Comune di Cittiglio, na Itália, com percurso de 131 km, concluindo sua participação em 18º lugar, após sofrer uma queda e ter que utilizar sua bike reserva. "Logo no início duas meninas caíram na minha frente e não tive como evitar a colisão com elas. O percurso era difícil e, após me machucar, voando da bike e batendo o quadril no chão, eu perdi bastante tempo e tive que fazer uma prova de recuperação", disse Flavia, integrante da equipe Lares-Waowdeals Women Cycling Team.
 

Eventos esportivos / Entidades Mundiais

CEO da CBDN

Pedro Cavazzoni fala sobre PyeongChang 2018

Esportes de Neve

Victor Santos fala sobre o Cross Country

 

 

 
Mascotes

Mais lidas da semana

Curta - EA no Facebook