Ciclistas reclamam de percurso calçado e alemão leva 6ª etapa

Alemão Greipel venceu sua primeira etapa no Tour 2014 / Foto: © Presse Sports / J.PrevostAlemão Greipel venceu sua primeira etapa no Tour 2014 / Foto: © Presse Sports / J.Prevost

Rio de Janeiro - Final emocionante e um alemão dando um soco no ar a caminho da vitória. Ingredientes já experimentados na atual edição do Tour de France. Com a diferença de que agora, na 6ª etapa, foi André Greipel o campeão - ao invés de Marcelo Kittel, vencedor de três etapas até aqui.
 
"Eu acho que tinha muita pressão sobre a gente [sua equipe, Lotto-Belisol] e também nos meus ombros", afirmou Greipel. "Todo mundo fez aquilo que tinha que fazer para me deixar na posição de disputar o trecho final e eu tive poder o suficiente para ganhar. Eu estou muito feliz que a gente finalmente ganhou uma etapa", disse.
 
Greipel conseguiu vantagem ao perseguir Michal Kwiatkowski a 100m do sprint final, levando por uma bicicleta de diferença. O norueguês Alexander Kristoff terminou em segundo, à frente do australiano Mark Renshaw, terceiro colocado.
 
Com o resultado da 6ª etapa, as primeiras posições na classificação geral permanecem inalteradas, com o italiano Vincenzo Nibali garantindo o topo para a Astana Pro Team. O ciclista está dois segundos à frente do seu companheiro de equipe, Jakob Fuglsang. O eslovaco Peter Sagan vem em terceiro, 44 segundos depois.
 
Durante a prova, a enorme tempestade que aterrissou no norte da França desde que o Tour passou pela Gra-Bretanha causou problemas novamente aos ciclistas. Além disso, faltando 79 km para o fim da prova, Xabier Zandio, do Team Sky, foi obrigado a abandonar a prova após uma batida em massa.
 
Além do espanhol, outros ciclistas desistiram da prova após batidas. É o caso do russo Egor Silin, que bateu a cabeça em uma colisão. O espanhol Jesús Hernández, braço direito de Alberto Contador no percurso montanhoso, também precisou sair antes do fim após colidir com uma forte corrente de ventos laterais.
 
O diretor da prova, Christian Prudhomme, rebateu as críticas quanto ao excesso de pedras no caminho, mencionado pelo ciclista americano Rejay van Garderen. "O pedregulho é parte integral da corrida. Um vencedor do Tour de France precisa saber correr em todo tipo de pista", provocou.
 
A 7ª etapa será a mais longa corrida até aqui. Os ciclistas percorrerão, nesta sexta-feira, 233 km, entre as cidades francesas de Épernay e Nancy.
 
Confira abaixo o Top-10 após seis etapas do Tour de France:
 
1. Vincenzo Nibali (Itália) - 24h 38' 25''
2. Jakob Denfuglsang (Dinamarca) + 00' 02''
3. Peter Sagan (Eslováquia) + 00' 44''
4. Michal Kwiatkowski (Polônia) + 00' 50''
5. Fabian Cancellara (Suiça) + 01' 17''
6. Jurgen van Den Broeck (Bélgica) + 01' 45''
7. Tony Gallopin (França) + 01' 45''
8. Richie Porte (Austrália) + 01' 54''
9. Andrew Talansky (Estados Unidos) + 02' 05''
10. Alejandro Valverde Belmonte (Espanha) + 02' 11''
 

Eventos esportivos / Entidades Mundiais

CEO da CBDN

Pedro Cavazzoni fala sobre PyeongChang 2018

Esportes de Neve

Victor Santos fala sobre o Cross Country

 

 

 
Mascotes

Mais lidas da semana

Curta - EA no Facebook