Isabela Fortes e João Pedro Altoé vencem com direito a recorde de campeonato

Paranaenses se tornam os mais rápidos nadadores dos Jogos Escolares Curitiba 2017 / Foto: Divulgação/COBParanaenses se tornam os mais rápidos nadadores dos Jogos Escolares Curitiba 2017 / Foto: Divulgação/COB

Curitiba - Os nadadores paranaenses Isabela Fortes Ribas e João Pedro Altoé sonham em seguir os passos de Cesar Cielo, primeiro brasileiro campeão olímpico do esporte. Nesta quarta-feira, dia 13, eles venceram os 50m livre, prova mais rápida da natação mundial, a mesma que elevou Cielo ao posto de ídolo do esporte nacional, e se tornaram os atletas mais rápidos dos Jogos Escolares da Juventude Curitiba 2017.
 
Isabela competiu literalmente em casa. Ela treina na piscina do Clube Curitibano, local das disputas dos Jogos Escolares. “Nadar em casa te dá mais confiança. É uma vantagem psicológica grande. Eu conheço bem o clube, a piscina daqui é como se fosse a minha segunda casa, minha zona de conforto”, afirmou a jovem de 13 anos, que vai nadar ainda os 100m livre e os 100m peito, além das provas de revezamento.
 
A confiança foi tanta que Isabela conseguiu a melhor marca da sua vida duas vezes. Seu melhor tempo até a competição começar era de 27s88 e, pela manhã, ela nadou a distância em 27s43. Na final, Isabela venceu a prova com 27s19, novo recorde dos Jogos Escolares da Juventude. A mato-grossense Cibelly Martins, da Escola Santa Elisabete ficou com a medalha de prata (27s39) e Luiza Nocentini, do Colégio Conte, completou o pódio (27s84).
 
Na prova masculina, João Pedro Altoé, do Colégio Cristão Integrado, de Maringá (PR), também venceu a prova com direito a recorde de campeonato. Ele conquistou a medalha de ouro com o tempo de 24s47. Gabriel Henrique Lima, do Colégio Teodoro (SP) ficou com a medalha de prata (25s00) e Luiz Felipe Belão, do Sesi Rondônia, de Porto Velho, levou a medalha de bronze, com o tempo de 25s20.
 
Os dois atletas também fizeram parte das equipes paranaenses que venceram os revezamentos 4x50m livre tanto no masculino como no feminino. No masculino, os paranaenses venceram a prova com 1min40s84, novo recorde de campeonato. São Paulo e Rio de Janeiro completaram o pódio. No feminino, as atletas da casa marcaram o tempo de 1min51s36. As meninas de São Paulo ficaram em segundo lugar e as do Rio Grande do Sul em terceiro.
 
 

Eventos esportivos / Entidades Mundiais

CEO da CBDN

Pedro Cavazzoni fala sobre PyeongChang 2018

Esportes de Neve

Victor Santos fala sobre o Cross Country

 

 

 
Mascotes
Curta - EA no Facebook