Com formato inovador e categoria inédita, Travessia das Cagarras está de volta

Após cinco anos, a travessia mais desejada do Brasil retorna ao cenário das maratonas aquáticas nacionais / Foto: Guilherme TaboadaApós cinco anos, a travessia mais desejada do Brasil retorna ao cenário das maratonas aquáticas nacionais / Foto: Guilherme Taboada

Rio de Janeiro - Após cinco anos, a travessia mais desejada do Brasil retorna ao cenário das maratonas aquáticas nacionais. Com largada em alto mar, partindo das Ilhas Cagarras, e chegada na Praia de Ipanema, a Travessia das Cagarras é uma verdadeira conquista para os nadadores. 
 
A diferença desse ano é a categoria Pé de Pato e o inovador formato de financiamento, o crowdfunding. Para que a experiência aconteça, é necessário que haja um valor arrecadado de R$ 280.000,00 em inscrições ou doações de quem quer ajudar a viabilizar o evento. A prova está com data marcada para o dia 13 de outubro, e a largada em alto mar às 8h.
 
A Travessia das Cagarras é uma experiência completa, que começa na Marina da Glória, onde os competidores embarcam em uma escuna para serem levados até o ponto de partida, nas Ilhas Cagarras. Depois, cada atleta precisa nadar em direção à Praia de Ipanema, trajeto que consiste em uma distância de aproximadamente 4.500m, e encarar os desafios encontrados, como por exemplo, a corrente do mar. Pensando isso, a prova terá a inédita categoria Pé de Pato, que permitirá a utilização de nadadeiras para auxiliar os atletas que não têm muita vivência em maratonas aquáticas ou queiram uma força extra.  
 
Ao todo, já são 150 atletas garantidos na edição de 2018 e, com o financiamento coletivo em pauta, o evento já arrecadou mais de R$ 62.000,00 em apenas 30 dias de inscrições abertas, sendo R$ 4.500,00 em doações. O carioca Cristiano Alves, que nunca participou da travessia, inscreveu-se e doou R$ 200,00 para incentivar o crescimento do setor no Rio de Janeiro. “Acho importante apoiarmos eventos de esportes aquáticos aqui no Rio e, por isso, fiz minha inscrição e doei também. Com o litoral que temos aqui, o calendário carioca deveria ter muitas outras travessias para fomentar e desenvolver o esporte”, declarou o nadador de 44 anos de idade.
 
Em suas quatro edições anteriores, a Travessia das Cagarras consagrou o atleta olímpico Luiz Lima. Para ele, a volta do evento é um motivo de comemoração para toda a classe de nadadores do país. “É uma das grandes travessias do Brasil e tem a peculiaridade especial que eu adoro, que é a largada em alto mar. Tive a felicidade de ser tetra campeão e o fato dela estar retornando é uma alegria muito grande, pois foi uma das competições que mais tive prazer em participar na minha vida de atleta. Todos os nadadores ganham com a realização da Travessia das Cagarras”, revela Luiz, fundador da equipe LL Gladiadores e medalhista de ouro nos Jogos Pan-Americanos de 1999, nos 400m livres de natação.
 
A Travessia das Cagarras tem realização do Instituto XTerra e conta com o apoio do Instituto Chico Mendes de Conservação e da BR Marinas. Para efetuar sua inscrição ou doação é só acessar o site http://travessiadascagarras.com.br/.
 
 
Serviço:
Datas: 13/10/2018
Local de largada: Ilhas Cagarras (em alto mar)
Local de encontro: Marina da Glória
Horário de check-in na Marina da Glória: 4h30 às 5h30
Horário da saída das escunas da Marina da Glória: 6h
Horário de largada: 8h
Inscrições: https://bit.ly/2unimRs
Cronograma: https://bit.ly/2JleuFk
 
 
 

Eventos esportivos / Entidades Mundiais

Rugby campeão

Brasil é campeão do Sul-Americano 6 Nações

 

 

 
Mascotes
Curta - EA no Facebook