Samir Barel reencontra águas do Rio Negro para desafio de 18k

Ultramaratonista aquático será um dos destaques do Rio Negro Challenge / Foto: DivulgaçãoUltramaratonista aquático será um dos destaques do Rio Negro Challenge / Foto: Divulgação

São Paulo - Samir Barel desembarca em Manaus neste fim de semana para fazer duas coisas que ama: nadar e falar sobre a maratona aquática. No sábado, dia 28, o conquistador da Tríplice Coroa (3 travessias mais difíceis do mundo) se junta a Adherbal de Oliveira e Vitor Gadelha em uma das mais prestigiadas provas da águas abertas da Europa, na categoria amador, para um bate papo as 16h no Centro de Convenções Vasco Vasquez.
 
No dia seguinte, será a vez de encarar os 18k da Travessia Tupé-Manaus, uma prova que poderá ser realizada solo ou em forma de revezamento, uma opção que Barel acredita ser muito importante para o desenvolvimento da modalidade.
 
"O revezamento acaba proporcionando uma preparação prazerosa e específica para quem sonha, um dia, fazer uma prova de ultra maratona sozinho. O atleta inicia revezando com muitas pessoas, reduz para menos até o momento que encara o desafio solo. Além disso, com o revezamento também trabalhar a inclusão social, trabalho em equipe por meio do incentivo aos companheiros e mesmo dos adversários, gerando um ambiente mais amistoso entre os participantes", destaca o nadador.
 
E para quem encara pela primeira vez as águas quentes do Rio Negro, Samir também deixa uma dica importante. "A estratégia da prova será muito importante! A água no Rio Negro é um pouco mais "pesada", pois sua densidade é diferente do mar e não ajuda tanto na flutuação. Portanto, este é um desgaste a mais para quem não está acostumado com esta situação".
 
Samir Barel é natural de São José dos Campos (SP), mas reside em Campinas (SP), onde mantém sua base de treinamento na ELO Academia. Praticante de maratona aquática desde 2007, Barel já concluiu algumas das provas mais longas e difíceis do planeta, tais como a travessia Hernadarias-Paraná, que era conhecida como a maratona aquática mais longa do mundo (88k), e se tornou o primeiro brasileiro a conquistar a famosa Tríplice Coroa das Águas Abertas, que envolve as 3 maiores travessias de águas abertas do mundo.
 

Eventos esportivos / Entidades Mundiais

Rugby campeão

Brasil é campeão do Sul-Americano 6 Nações

 

 

 
Mascotes

Mais lidas da semana

Curta - EA no Facebook