Willian Muinhos avança para a final Copa do Mundo de Pentatlo Moderno

William Muinhos foi descoberto em programa da Confederação Brasileira / Foto: DivulgaçãoWilliam Muinhos foi descoberto em programa da Confederação Brasileira / Foto: Divulgação

Egito - Ele já entrou para a história do Pentatlo Moderno nacional em 2011, quando se tornou o primeiro pentatleta do país a estar em uma final masculina de um Mundial da modalidade. O feito de então foi no Mundial Júnior. Quase sete anos depois, agora no Cairo, Egito, William Muinhos volta a ser notícia no esporte olímpico que une esgrima, natação, hipismo e laser-run (tiro a laser e corrida).
 
Nesta quinta-feira, dia 1, o carioca de 24 anos se tornou o primeiro pentatleta brasileiro revelado no projeto de base da Confederação Brasileira (CBPM), o PentaJovem, a avançar a uma final de Copa do Mundo.
 
O PentaJovem é um programa que a CBPM mantém para a descoberta e formação de novos nomes na modalidade. William foi revelado em 2009, quando tinha 15 anos. Desde que começou a praticar a modalidade, o atual líder do ranking nacional não viu nenhum pentatleta se classificar para uma final masculina da Copa do Mundo após passar pela semifinal.
 
Os últimos até então foram os ex-atletas Daniel Santos e Wagner Romão, oficiais do Exército Brasileiro, que estiveram na grande disputa da segunda etapa da Copa de 2008, na Cidade do México.
 
Para alcançar o feito desta quinta, no Egito, o carioca que representou o Brasil nos Jogos Olímpicos da Juventude Cingapura 2010 somou 1.102 pontos, ficando em 33º da qualificação que reuniu 70 competidores de 20 países. O Brasil ainda teve outros dois nomes na qualificação masculina: Danilo Fagundes, 30, e Felipe Nascimento, 24, que ficaram em 40º (1.089) e 65º (968), respectivamente.
 
Todos os competidores da semifinal enfrentaram as provas do dia no Platinum Club. Das cinco disputas do programa do Pentatlo Moderno, eles só não encararam o hipismo. O evento de saltos com o cavalo só está disponível das finais da modalidade.
 
Ponto a ponto - Na esgrima, William venceu 20 duelos da luta com a espada, somando 226 pontos. Danilo levou a melhor em 17 lutas (208) e Felipe em 13 (174).
 
Na natação, o finalista nadou os 200 metros estilo livre em 2min14s52, convertidos em 283 pontos. Danilo cravou os 2min13s24 (284) e Felipe os 2min08s94 (293).
 
No laser-run, William completou as quatro séries de 800 metros de corrida intercaladas com cinco acertos de tiro a laser em 11min47s70, o que lhe assegurou 593 pontos. Danilo fez o percurso em 11min43s80 (597) e Felipe em 13min19s60 (501).
 
A final masculina da Copa do Mundo do Egito, para a qual William se classificou, será disputada no sábado, 3. Ele estará ao lado de outros 35 competidores de 14 países. O Brasil foi o único país das Américas a classificar um competidor para a prova. Os demais países são Alemanha, Bielorrússia, Cazaquistão, Egito, França, Hungria, Itália, Japão, Letônia, Polônia, Rússia, Turquia e Ucrânia.
 
Além do feito na Argentina em 2011 e agora, William ainda fez história por ser o atual dono do recorde mundial Júnior da prova de tiro a laser do Pentatlo Moderno, marca que ele mantém desde 2013.
 
Veja Também: 
 
 

Eventos esportivos / Entidades Mundiais

Curta - EA no Facebook