Seleção feminina júnior conquista o título do Pan-Americano

Seleção Júnior Feminina conquista o título do Pan-Americano / Foto: Randes Nunes/CBHbSeleção Júnior Feminina conquista o título do Pan-Americano / Foto: Randes Nunes/CBHb

Goiás - O Brasil precisava apenas de um empate para erguer a taça. As jogadoras da seleção júnior, no entanto, mostraram a mesma atenção, concentração e disciplina dos jogos anteriores e fecharam sua campanha com chave de ouro. Com uma vitória por 28 a 24 diante da Argentina, as brasileiras conquistaram o titulo do Campeonato Pan-Americano de Handebol, em Goiânia (GO).
 
Depois de três partidas relativamente tranquilas contra Paraguai, Uruguai e República Dominicana, as brasileiras enfrentaram Chile e Argentina nas últimas rodadas, partidas encaradas por todos como duas decisões. Contra o Chile, o time mostrou um ótimo trabalho tático coletivo e conseguiu impor seu jogo, vencendo por 28 a 14. O resultado deu ainda mais confiança à equipe para a grande final contra a Argentina. 
 
O jogo foi equilibrado do começo ao fim, após os 4 minutos de jogo o Brasil se manteve a frente no placar até o apito final. Na primeira etapa as brasileiras foram para o intervalo com a vantagem de 17 a 10 no placar.  No segundo tempo, a Argentina esteve mais rápida nas jogadas de ataque e conseguiu marcar muitos gols em sequência, mas o Brasil se manteve superior em todos os fundamentos e novamente a goleira Renata Arruda brilhou com defesas espetaculares.
 
"O resultado foi muito positivo, fizemos uma campanha invicta em que na maioria dos jogos tivemos o controle do placar. Hoje foi um jogo muito nervoso como era de se esperar, um jogo de vida ou morte para Argentina e elas jogaram com muita entrega, mas conseguimos nos manter concentrados no jogo”, comemora o técnico Cristiano Silva
 
"O grupo conseguiu esta campanha incrível, foram cinco vitórias consecutivas, este título é de todas nós. Agora é focar no Mundial que é uma competição muito diferente do Pan-Americano e buscar uma boa classificação melhor do que a do último Mundial," completou Renata.
 
Durante as duas fases de treinamento preparatórias para o Pan-Americano, o técnico Cristiano Silva trabalhou para colocar todas as jogadoras nos mesmos níveis físico e técnico. O time fez a primeira etapa de preparação em São Bernardo do Campo (SP), ao lado da seleção juvenil e sob os olhares do técnico Jorge Dueñas, que planeja passar conceitos da equipe adulta para todas as categorias de base.
 
Silva também teve muito cuidado com a preparação da equipe para enfrentar a pressão de jogar em casa. Na estreia, diante do Paraguai, algumas atletas se emocionaram na hora do hino e mostraram ansiedade antes da partida. Com a bola rolando, no entanto, todas demonstraram concentração e conseguiram uma vitória contundente, importante para dar confiança ao time para os confrontos seguintes.
 
“As jogadoras se entregaram nesta competição, melhoramos jogo a jogo, agora temos que focar na preparação para o Campeonato Mundial, e trabalhar com afinco e muita confiança para melhorar cada vez mais e conseguirmos uma boa classificação na Hungria”, disse Silva.
 
O próximo compromisso da equipe será o Campeonato Mundial, de 1 a 14 de julho, na Hungria. Além do Brasil, Chile e Paraguai também se classificaram como representantes das Américas. Os outros times no torneio serão Angola, Egito e Costa do Marfim, da África; China, Japão e Coreia do Sul, da Ásia, e Dinamarca, França, Hungria e Rússia, da Europa.
 

Eventos esportivos / Entidades Mundiais

Rugby campeão

Brasil é campeão do Sul-Americano 6 Nações

 

 

 
Mascotes
Curta - EA no Facebook