Atletas são selecionados para fase de treinamento de olho nas Seleções Brasileiras

Jovens do masculino e feminino, que participaram do Acampamento Nacional, vão treinar para representar o Brasil nas competições internacionais de 2018 / Foto: Cinara Piccolo/Photo&GrafiaJovens do masculino e feminino, que participaram do Acampamento Nacional, vão treinar para representar o Brasil nas competições internacionais de 2018 / Foto: Cinara Piccolo/Photo&Grafia

São Paulo - Depois de todas as etapas neste ano dos Acampamentos Regionais nos quatro cantos do Brasil e das ações com os melhores de cada categoria no Acampamento Nacional, chegou o momento mais esperado: atletas do feminino nascidas entre 2000 e 2003 e jogadores do Infantil e Cadete Masculino foram selecionados para a fase de treinamento no Centro Nacional de Desenvolvimento do Handebol, em São Bernardo do Campo (SP), de olho nas Seleções Brasileiras de base que disputarão as competições internacionais em 2018.
 
Os relacionados são de 13 estados, além do Distrito Federal: São Paulo, Santa Catarina, Rio de Janeiro, Paraná, Minas Gerais, Mato Grosso, Goiás, Pernambuco, Rio Grande do Sul, Alagoas, Espírito Santo, Pará e Maranhão.
 
Muitos dos representantes do futuro do handebol brasileiro passaram neste ano pelos Acampamentos Regionais, que foram realizados com mais de 1800 atletas e 300 professores nos estados de Goiás, Amazonas, Paraíba, Santa Catarina, Piauí, Acre, Maranhão, Sergipe, Rio Grande do Sul, Rio Grande do Norte, Pará, Pernambuco e Alagoas, além do Distrito Federal.
 
Na sequência, os atletas que mais se destacaram, junto com outros de estados que receberão os Acampamentos Regionais em 2018, estiveram nos meses de setembro a novembro em treinamentos e avaliações durante as etapas do Acampamento Nacional. A principal meta é desenvolver a modalidade com a padronização do handebol em todo o Brasil e descobrir talentos para dar continuidade à renovação das Seleções Nacionais.
 
No Acampamento Nacional, 397 jovens talentos vivenciaram a modalidade em tempo integral no Centro de Desenvolvimento. Após o fim das atividades, as comissões técnicas se reuniram e tiveram a difícil missão de definir os nomes que seguirão treinando em função do alto nível dos atletas.
 
No próximo ano, o Brasil participará do Pan-Americano Juvenil e Júnior Feminino - o Pan é classificatório para o Mundial de 2018 destas duas categorias -, além do Sul-Americano Infantil e Cadete Masculino e Feminino, que é uma novidade, já que nos últimos anos o País era representado por clubes nessa competição. O objetivo é que esses jovens atletas que saíram dos Acampamentos ganhem experiência internacional já neste campeonato.
 
"Esse é um momento que vai coroar os trabalhos dos Acampamentos Regionais e Nacionais. Elegemos os melhores, mas isso não significa que os demais atletas não estarão sendo monitorados, porque, com o tempo, o jogador vai mudando. Então, temos que olhar todo mundo. Agora, vamos estabelecer grupos mais reduzidos para as equipes que vão disputar os campeonatos. É um momento de ampliar o repertório já pensando na representação das Seleções Brasileiras", disse Washington Nunes, técnico da Seleção Adulta Masculina e coordenador de Seleções da CBHb.
 
A partir desta quinta-feira (7), os selecionados do masculino retornarão ao Centro, onde ficarão concentrados por uma semana, até quinta-feira (14), e novamente terão toda a estrutura à disposição, com alojamento, refeições, treinamentos e espaço de fisioterapia no mesmo local, o que otimiza o trabalho. Na sequência, do dia 14 a 21 de dezembro, será a vez das atletas do feminino, que também estarão instaladas durante uma semana.
 

Eventos esportivos / Entidades Mundiais

CEO da CBDN

Pedro Cavazzoni fala sobre PyeongChang 2018

Esportes de Neve

Victor Santos fala sobre o Cross Country

 

 

 
Mascotes

Mais lidas da semana

Curta - EA no Facebook